História Guitarra e Costela. - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Drake e Josh, ICarly
Personagens Personagens Originais
Tags Drake, Hentai, Sam
Exibições 5
Palavras 1.271
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Obrigada pelos favoritos e os coments!

Capítulo 3 - Sentimentos.


Fanfic / Fanfiction Guitarra e Costela. - Capítulo 3 - Sentimentos.

Sem qualquer reação minha, ela já estava em cima de mim, me chutando, me socando, ainda bem que depois desses anos, comecei a ganhar massa muscular e assim soube me proteger dos punhos e pés da loira, Carly estava desesperada assim como Josh, Carly pediu para Josh chamar Spencer para tira-la de cima de mim, pois, esse balofo morre de medo dela, enquanto Carly gritava para Sam me soltar, mais já que não estava dando certo ela resolveu descer provavelmente chamar alguém para tirar Sam de cima de mim, depois dessa saída de Carly, comecei a gostar dessa aproximação da loira, ela estava com uma camisa fina azul escura, e com isso quando ela me socava, seus seios balançavam de um jeito desconcertante.

 

Sam – Thought

Eu não aguentei velo, parti para cima dele sem pensar duas vezes, não sei por que, mais ele me fazia sentir alguma coisa estranha e isso era chato e arrepiante, aquele irmão balofo dele, como se chame mesmo? Ah me lembrei! Josh! Ele saiu correndo chamar o Spencer como se ele fosse o suficiente para mim. Iludidos! Carly como sempre tentou me separar de mais uma, mais eu realmente queria acabar com aquele cabelinho de lado, até que ela desistiu e desceu também, depois dessa saída de Carly, Drake começou a fixar seu olhar sobre mim, não sei por que, meu coração começou a bater acelerado e sentir meu corpo esquentar também sentir o corpo de Drake esquentar, já que ele estava com uma camiseta branca, o que deixava seus enormes braços fortes de fora. Porque eu estou pensando isso?! Não sabia o porquê mais está sozinha, em cima dele, no chão, estava deixando aquele clima muito estranho.

 

Author - Narrative

Antes de Sam perceber, Drake usou sua força para inverter as posições, deixando ela embaixo dele.

 

Drake – Thought

Com minha força a loirinha foi pra baixo, eu não parava de olhar aqueles olhos de diamante, aquela boca de jujuba, aquela face de boneca de porcelana e os cachos de ouro, ela olhava assustada pra mim, rir disso internamente, ela fica linda assustada.

-Hunf! Acha que é assim que vai fazer você escapar?! Ela me fala arrogante como sempre, dessa vez rir para ela mostrando meus caninos, isso fez ela se arrepiar, pois senti ela se estremecer de baixo de mim.

-Não, pois para eu me livrar de uma leoa faminta, eu deveria chamar o exercito. Falei calmo e devagar, como uma provocação, isso só fez ela se mexer mais, abaixo de mim na tentativa estupida de sair, essas mexidas dela estava me deixando louco, eu já sou maior de idade e sim, eu amadureci, não muito, mais o suficiente para esperar a garota certa para mim, aquela fase de pegar qualquer uma por pura atração, já havia passado, mais a Sam..., ela não fazia eu ter apenas tesão por ela como estou sentindo agora, dês da primeira vez que eu a vi, ela me fez arrepiar com aqueles olhos afiados dela, e sempre um monte de borboletas voavam dentro do meu estomago, e nem um momento parei de pensar nela, como automático comecei a me aproximar dela devagar.

 

Sam – Thought

 

Aquele comentário só me fez mais arrepiada, ainda mais quando ele deu aquele sorriso sínico, mostrando seus caninos, tenho que admitir que aquilo foi perturbador no modo bom, ele começou a me observar de novo, foi ai que reparei, eu já tive muitos “namoradinhos” pela vida, a maioria da prisão e já até tive uma queda pelo Freddie, mais nada além disso, uma vez minha mãe me falou...(- O amor não é só trepar, é ter aquele carinho, proteção, não parar de pensar nele!) o azar era que ela falou isso quando o cara que vendia batata frita a largou, que pena gostava das batatas fritas dele! Bem, eu nunca senti isso por alguém, por isso meus namoros nunca foram além de beijos, sempre que eu via que eles estavam desesperados para ir à cama eu não aceitava, pois, eu via que era meu corpo que interessava e também não tinha esse desejo, mais agora, é diferente, Drake está se aproximando de mim, eu estou desesperada, meu corpo não mexe, eu sinto uma vontade enorme de pegar o rosto dele e puxa-la logo para meus lábios, mais quando isso estava próximo de se tornar real, a porta se abre e ele sai de cima de mim rapidamente, quando fui ver era Carly com Freddie, Spencer, Josh e um cara grande com o uniforme de comandante de policia, me levantei ajeitando meus cabelos e olhando para baixo, assim podendo esconder meu rosto vermelho, podia ouvir os suspiros de alivio deles e até do policial.

 

Author - Narrative

-Bem, se vocês precisarem de ajuda e tem haver com essa dai (apontando para Sam), só me chamar...essa menina me dava trabalho na prisão! O policial olhou serio para Sam e saio do estúdio, Carly foi correndo falar com Sam, enquanto os meninos foram falar com Drake.

-Ela não quebrou nada né? Spencer perguntava, essa pergunta assustou Josh que começou a verificar o irmão para ver se ele não havia quebrado nada.

-Sai pra lá! Drake falou se cobrindo com as mãos enquanto Josh ria.

-Só queria ver se ela não quebrou seus ossos, já que você parece mais um palito do que um humano. Josh falou rindo, enquanto Drake revirava os olhos.

-Não se preocupe essa desmiolada é assim com todo mundo! Freddie falou suspirando, mais quando ele falou “Desmiolada” Drake sentiu seu sangue ferver, o que fez pegar no colarinho de Freddie e puxa-lo até ficar olho a olho com ele, chamando atenção dos presentes naquela sala inclusive Sam.

-Você não tem o direito de chama-la assim! Drake falou fazendo intenção que ia socar Freddie que o olhava assustado, mais antes dele fazer isso, Josh aperta seu ombro e faz “não” com a cabeça, assim, Drake solta Freddie o fazendo cair de bunda no chão, fazendo Sam vermelhar, enquanto Carly corria para ajudar Freddie, Spencer entendeu o motivo e colocou os braços ao redor no ombro de cada um, falando que eles dois iam dormir no quarto dele agora, já que o quarto de Spencer era um local bem grande, e ele havia um coxão e um sofá cama no quarto (pra que um cara ia ter um sofá em seu quarto?!), os dois pegaram suas malas e se mudaram para o quarto de Spencer, depois que o Josh terminou de tomar banho e se vestir, os três começaram a conversar sobre um monte de assuntos besteirol, até Spencer cutuca o assunto que havia Drake.

-E ai Drake, e esse lance com Sam?  Spencer perguntava a Drake, que ficava com suas bochechas rosa e fazendo Josh gargalhar da frustação do irmão.

-Co..como assim?! Drake perguntava tremido, mais Spencer não se enganava fácil, ele se levantou e se sentou no coxão onde Drake estava os dois ficaram frente a frente.

-Drake, posso ser idiota, mais não sou babaca, sei eu você gosta da Sam. Ele falou dando um sorriso de conforto para Drake que sorrio envergonhado enquanto Josh massageava os ombros do irmão, numa maneira de conforta-lo.

-Bem, sim eu acho...não...eu amo essa loira, ela me faz delirar dês da primeira vez que eu vi, não paro de pensar nela, isso é....deliciosamente delirante, antes qualquer garota eu pegava, mais agora eu amadureci, esperei dês dai, uma garota perfeita, certa para mim e.....-Os três escutam um barulho através da porta, parecia que um gemido, quando Drake se levantou para ver o  que era, ele se assustou e seu rosto se avermelhou, Sam estava lá chorando, provavelmente ela escutou tudo. 


Notas Finais


KKKKKK Obrigada!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...