História Hakugai no Kitsune - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Naruto
Visualizações 403
Palavras 1.430
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Policial, Romance e Novela, Super Power, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, espero que gostem desse capitulo!
Não esqueçam de comentar e favoritar....
Abraços do Tio SharkKill

Capítulo 2 - Capitulo. 2


Nos arredores de Konoha uma dupla de pessoas andava por uma pequena e estreita trilha que cortava entre algumas arvores. Uma dessas pessoas era um homem que já aparentava ter seus 50 anos, cabelos longos e arrepiados até a altura da cintura na cor branca e era amarrado num longo rabo de cavalo, tinha duas marcas vermelhas a baixo dos olhos, e vestia uma roupa verde com detalhes vermelho, junto de um protetor de testa com um Kanjin, esse era o Sennin dos Sapos, Jiraya. A outra pessoa era uma mulher que aparentava seus 30 anos, tinha cabelos loiros que iam ate a metade de suas costas, tinha olhos cor de mel, e em sua testa tinha uma pequena marca em losango, ela tinha um grande par de seios que dariam inveja a muitas mulheres, vestia uma roupa ninja simples com uma espécie de kimono verde por cima, essa era a Sennin das Lesmas, Tsunade.

- Tks....não acredito que o Sensei nos mandou numa missão que durou tanto tempo. – Resmunga a Tsunade com um suspiro pesado

- Ah que isso, a nossa missão durou apenas quatro anos. – Argumenta o Jiraya com um pequeno sorriso

- É, e nos perdemos o nascimento do nosso afilhado. – Comenta a Tsunade amargurada tentando imaginar como seria seu pequeno afilhado que agora já deveria estar com seus quatro anos

- Eu aposto que ele será um mine copia do Minato-kun. – Fala o Jiraya tentando descontrair um pouco, eles já estavam a poucos minutos de Konoha

- E eu aposto que ele será uma copia da Kushina. – Fala a Tsunade com um largo sorriso ao avistar a muralha de Konaha ao horizonte

- E como sempre você irá perder. – Caçoa o grisalho com um sorriso divertido

- Você vai ver, um dia minha sorte irá mudar. – Fala a loira com uma pequena aura de depressão murmurando algo como “Um dia irei ganhar uma aposta”

- Hai, hai, sonha não faz mal. – Fala o Jiraya fazendo ele receber um olhar irritado da loira

Os dois continuaram seu caminho até os portões de Konoha, que não estava muito distante, a caminha demorou alguns minutos, e ambos já estavam de frente ao grande portão de Konoha.

- Oh, Tsunade-sama, Jiraya-sama, vocês já retornaram......sejam bem vindos. – Fala um Chunnin que estava responsável pela entrada de pessoas na vila

- ‘Já’? Aquela missão desgraçada demorou quatro anos. – Ralha a Tsunade olhando para o Chunnin que se encolheu de medo

- Hai, hai, vamos indo Tsunade-hime. – Fala o Jiraya com um sorriso divertido colocando as mãos nas costas da loira e a empurrando para frente

Os dois avia chegado em Konoha muito cedo, ainda não eram nem sete horas, ambos olharam ao redor e soltaram um sorriso nostálgico.

- Vamos na casa do Minato-kun. – Fala o Jiraya começando a andar em direção a casa do aluno, que ficava acima do Monte dos Hokages

- Estou louca para ver meu afilhado. – Exclama a Tsunade apertando o passo

Os dois Sennins seguiram seu caminho enquanto cumprimentavam algumas pessoas que os reconhecia pela rua, o Jiraya tentou flertar com algumas garotas, porem foi prontamente impedido pela Tsunade que o puxava para irei logo conhecer o afilhado de ambos.

Após andar aproximadamente 10 minutos por Konaha, eles finalmente chegaram de frente a casa dos Namikaze, que era uma grande casa de dois andares, o exterior da casa era muito limpo e bem cuidado, mais também não era para menos, a Kushina morava naquela casa, e se tem uma coisa que deixa a ruiva brava é sujeira e pervertidos.

- Vamos lá Jiraya, estou louca para ver a cara dos dois. – Fala a Tsunade batendo na porta algumas vezes

- Já vai. – Fala um voz feminina de dentro da casa, e assim que a porta se abriu se revelou uma Ruiva muito bonita, ela tinha longos cabelos que iam até abaixo de sua cintura, tinha olhos na cor violeta, e usava um avental esverdeado por cima de um vestido longo na cor branca. – Jiraya-sama, Tsunade-sensei! – Exclama a ruiva completamente surpresa. – Quando chegaram de viagem? – Pergunta ela rapidamente

- Acabamos de chegar. – Responde a Tsunade com um largo sorriso

- Vamos, entrem. – Oferece dando espaço para ambos entrarem

- Hai. – Fala o Jiraya entrando na casa sendo seguido pela Tsunade

- Minato-kun, venha ver quem está aqui. – Chama a Kushina com um sorriso no rosto, e logo o Minato sai da cozinha vestindo seu uniforme de Hokage

- Jiraya-sensei, Tsunade-hime. – Exclama ele com um sorriso cheio de dentes. – Finalmente acabaram a missão. – Completa ele

- Ah, aquela missão....eu ainda mato o Sensei por nos deixar quatro anos fora da vila. – Reclama a loira

- E então cadê meu garotão. – Fala o Jiraya olhando para o Minato com um sorriso ansioso

 - Hai, hai, estou louca para ver meu afilhado. – Fala a Tsunade com o mesmo sorriso que o Jiraya

- NARUTO! DESCE AQUI. – Grita a Kushina fazendo os três taparem o ouvido pelo grito agudo da ruiva

- Okaa-chan, eu já te pedi para não gritar, minha orelhas são sensíveis. – Fala um garotinho descendo as escadas, ele tinha um cabelo branco que ia até a altura do pescoço, tinha olhos dourados com uma fenda na vertical, usava um kimono branco com uma faixa negra, ele tinha orelhas pontudas de raposa, e nove caldas brancas balançando tranquilamente em suas costas. Ele vinha com uma Kyuubi de pelúcia nos braços, enquanto coçava um dos olhos, aparentemente avia acabado de acordar

- Ka-Kawai. – Grita a Tsunade assim que viu o garotinho que descia as escadas, ela correu até ele e o abraçou afogando-o em seus peitos

- A-Ar. – Implora o garotinho após alguns segundos sendo abraçado, a loira percebe que estava o apertando demais e o solta

- Essas orelhinhas, são tão fofas. – Fala a Tsunade levando as mãos ate as orelhas do garotinho

- Não. – Fala ele desviando da mão da loira e corre até a onde a Kushina estava. – Okaa-chan ela quer pegar nas minhas orelhas. – Fala ele olhando para a mão com os olhos focado na loira

- Se acalme pequeno, ela é a Sensei da Okaa-chan, ela não quer te fazer mão. – Tranquiliza a Kushina com um sorriso gentil para o filho

- Kushi-chan, você sabe que ele não gosta que mecham nas orelhas dele. – Argumenta o Minato vendo que a ruiva iria fazer exatamente isso

- Mais é muito fofinho. – Fala ela e assim que coloca as mãos nas orelhas do filho, ele ganhou uma coloração avermelhada e soltou um ronronar um tanto alto

- Kawai. – Fala a Kushina com um sorriso vitorioso

- Olha essas caldas. – Fala a Tsunade olhando para as caldas do garoto que balançavam tranquilamente

- Nem vem, minhas caldas não. – Fala o garotinho colocando as caldas em baixo do braço como se ele fosse as proteger

- Ei Minato, o que ele é? – Pergunta o Jiraya num tom baixo para o Minato

- Pelo que nos pesquisamos ele é um Youkai, mais especificamente um Kitsune. – Responde o Minato com um sorriso orgulhoso olhando para o filho

- Mais como é possível? – Pergunta o Jiraya com os olhos arregalados, porem ainda mantinha o tom baixo

- Provavelmente foi algo que o chakra da Kyuubi ocasionou. – Fala o Minato dando de ombros

- Ei do que vocês estão falando? – Pergunta a Tsunade parando de correr atrás do Naruto, que corria da loira que queria tocar em suas caldas

- N-Nada. – Responde o Jiraya suando frio vendo que o Naruto olhava para ele

- Ei velhote, não adianta falar baixo, eu consigo escutar até mesmo os batimentos do seu coração.....Tum...Tum... – Fala o Naruto imitando o som de um coração batendo com um sorriso no rosto, e o Jiraya arregala os olhos ao escutar tal fato

- Ah peguei. – Fala a Tsunade pegando uma das caldas do Naruto, que ficou distraído com Jiraya

- Ahhhh. – Grita o Naruto ao sentir encostarem em sua calda

- Ei sua vadia solta a calda do Naru-kun. – Fala uma voz demoníaca, e quando olharam para a direção da voz viram a Kushina, ela tinha os olhos vermelho sangue, seus caninos cresceram um pouco, e ela tinha um olhar de ódio olhando para a Tsunade. – Não escutou sua puta, não encoste no Naru-kun. – Fala a Kushina sumindo da onde estava e deu um soco no rosto da Tsunade que sem tempo para reação vou em direção a uma parede a quebrando

- Okaa-chan.... – Chama o Naruto olhando para a mão

- Ah? O que foi que aconteceu? – Pergunta a ruiva voltando ao normal e olhando em volta um tanto confusa



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...