História Half a heart - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Exo, Original, Romance
Visualizações 8
Palavras 1.167
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


demorei mas voltei

Capítulo 6 - Bad times will pass


Fanfic / Fanfiction Half a heart - Capítulo 6 - Bad times will pass

Tudo estava às mil maravilhas: Meu namoro com o Baekhyun estava indo muito bem, eu e as meninas conseguimos férias prolongadas e os meninos do exo estavam fazendo cada vez mais sucesso  e estavam prestes a lançar seu novo álbum, overdose.

Mas como tudo não é ás mil maravilhas para sempre, o pior uma hora ou outra iria aparecer, e reaparecer.

Assim que o álbum acabara de ser lançado, um dos integrantes do exo anunciou a sua saída do grupo, o kris. Devo admitir que fiquei chocada com a notícia, e apesar de não ser tão próxima do Kris, eu gostava muito dele. Os meninos, obviamente, ficaram arrasados e eu como uma boa amiga dei o maior apoio para eles.

Os meses se passaram, eles começaram a fazer shows e aparentemente todos tinham esquecido e seguido em frente.

 

-meses depois -

 

- MEU DEUS! - Kendall grita da cozinha, fazendo com que eu acorde do meu belo cochilo na sala.

- Pelo amor de deus cale a boca. - Resmungo.

- Aurora… Você precisa ver isso. - Ela se aproxima de mim com a expressão assustada olhando para o celular.

- O que foi dessa vez? - Tomo o celular dela e vejo que é uma matéria, me ajeito no sofá e começo a ler.

 

                            ‘’Após alguns meses da saída de um dos integrantes do boygroup sul

                       coreano Exo, a SM acaba de divulgar a saída de mais um deles, Luhan, que também é chinês. Ainda não temos muitas informações oficiais do ocorrido, apenas alguns boatos, mas…''

 

- Puta merda. - Paro de ler e solto o celular no sofá, caindo no mesmo logo em seguida. - Eu não posso acreditar nisso. - Digo pra mim mesma.

- Ih gente, se continuar desse jeito próximo ano não tem mais nenhum. - Kendall debocha sentando ao meu lado. Nem me passou pela cabeça discutir com ela, tudo que penso agora é como os meninos devem estar.

 

- Preciso ligar para o baek. - Pego o celular e começo a discar o numero dele.

- Vai pedir pra ele sair também? - Kendall ri da própria piada mas logo fica séria ao me ver fuzilando ela com o olhar. - Foi mal, eu vou... ali na cozinha.

- Alô? - Me assusto ao ouvir o Baekhyun do outro lado da linha, estava tão distraída com as babaquices da ken que nem percebi que estava com o telefone no ouvido.

- Graças aos deuses! Baek, eu vi as notícias… Na verdade acabei de ver… eu… nem sei o que dizer, desculpa. - Me enrolo nas minhas palavras. Fico imaginando se fosse eu no lugar dele, se uma de nós saíssemos do 5tars, depois de anos de treinamento e companheirismo, realmente não é fácil.

- Entre todos, eu nunca imaginaria que ele… - Provavelmente pela sua voz, se eu conheço bem o Baekhyun, ele estava chorando, e muito. - Como ele pôde fazer isso com todos nós, aurora? Depois de tudo que passamos.

- Baek… Você está dizendo isso porque está nervoso. Mas você sabe que a pressão sobre os chineses é bem maior, eles sofrem bem mais. - Tento acalmá-lo

- Eu sei… - Ele fala depois de alguns minutos. - É só que… eu não sei, o clima tá tenso aqui.

- Eu posso ir ai agora, se você quiser

- Sabe qual a pior parte disso tudo? É que está acontecendo tantas coisas ruins ultimamente que nós quase não estamos nos vendo ou conversando, eu sinto sua falta. - Ele sussurra do outro lado da linha.

- Eu também sinto sua falta. - Sorrio. - Mas pode levar o tempo que for pra superar isso, eu espero.

- Ah não, você pode esperar mas eu não posso. Tudo que eu mais quero é te beijar e… tá, tem muita gente aqui, eu não posso falar coisas impróprias. - ele sussurra me fazendo rir. - Mas eu posso falar coisas impróprias no seu ouvido.

- BAEKHYUN! Você não existe, meu deus. - interrompo ele antes que comece a tentar me convencer a fazer sex call.

- Desculpe. - Ele diz com uma voz sem um pingo de arrependimento.

- Eles provavelmente irão dar uma boa folga pra vocês depois disso, daí nós passamos toda juntinhos, tá?

- Tá. - Ele resmunga.

- Agora seja um bom garoto e vá dar apoio aos outros membros que também estão tristes.

- Tô indo, mamãe. - Ele zomba. - Beijos, eu te amo.- E ele finalmente desliga o telefone mesmo antes de eu dar uma resposta.

- Também te amo. - Encaro o aparelho já desligado em minhas mãos.

- Por que você está falando que ama o celular da kendall? - Aria chega na sala me fitando com uma sobrancelha erguida.

- Ele é meu, vadia. - Ouço Kendall gritar da cozinha.

- Claro que não. - Reviro os olhos. - Baek disse pra mim e desligou antes que eu pudesse responder.

- O que? - Kendall brota do nada. - Ele disse que te ama, hum?

- Ai meu deus. - Arregalo os olhos. - Ele disse que me ama. - Abro um grande sorriso.

- Tá, eu sei que não parece nada demais, mas esses ultimos meses foram tão sufocantes que nós não tivemos muito tempo juntos, consequentemente nós não tinhamos cabeça pra dizer ‘’eu te amo’’, então tecnicamente esse foi o nosso primeiro ‘’eu te amo’’ e eu nem sequer percebi, e aposto que ele também não.

- uma semana depois -

 

- Uma festa? - Encaro dez meninos super animados na minha frente. - Vocês acham que é uma boa ideia?

- Eu não acho. - Kyungsoo diz com cara de tédio. - Bem, nove meninos super animados.

- Quem disse que você foi convidado? - Chanyeol provoca D.O, consequentemente levando um tapa na cara. - AI, ISSO DOEU. Eu ia dizer que você não foi só convidado como está na lista VIP. - Ele mente, fazendo todos rirem.

- Na verdade é uma ótima ideia, nós estamos precisando disso, e você sabe muito bem dona Aurora. - Chen faz cara de cachorro abandonado pra mim,

- Tá, eu vou. - Me rendo e eles comemoram, com exceção do d.o, que finge estar magoado comigo.

- Aproveita e chama as meninas também. - Suho diz, me fazendo gargalhar.

- Nem fodendo que elas vão, vocês sabem disso.

- Custa tentar? - Sehun, que está apoiado em mim se manifesta.

- Tá, mas duvido que a Kendall queira ir.

- Comigo lá? ela vai com certeza. - Chanyeol coloca os braços na cabeça, fazendo uma pose sensual, ou pelo menos uma tentativa.

- Tão iludido. - Xiumin bate nele, para que o mesmo se ajeite.

- Diga que o chanyeol não vai, quem sabe ela apareça por lá. - Kyungsoo diz, nos fazendo rir, com exceção do Chanyeol, que faz careta pra ele.

- Vamos ver então. - Digo ainda rindo, essa festa vai dar o que falar.


Notas Finais


1° Eu realmente espero que esse capitulo não tenha ficado tão curto
2° Perdoem por passar tanto tempo sem escrever


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...