História Halo - Capítulo 44


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bruno Mars
Personagens Bruno Mars
Tags Bruno Mars
Exibições 13
Palavras 1.737
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


ficou meio blaaaa , eu ia fazer uma fala boa pra ela e acabou saindo isso, sorry. ficou morno rs ah gente, eu coloquei essa musica que é do album da rihanna, achei apropriada pro cap.

Capítulo 44 - Nobody Business


 

coisas que eu sei, o medo mora perto das ideias loucas

 

Ás vezes dá preguiça
Na areia movediça
Quanto mais eu mexo mais afundo em mim

Dani Carlos- Coisas Que Eu Sei

 

A minha amante favorita dava o ar da sua graça no céu

junto com as estrelas está noite.

No silêncio da noite adentro passava um verdadeiro deja vu

na minha cabeça enquanto eu permanecia sentado ao lado de

fora do quarto dela, havia me assegurado de que seu sono era

profundo antes de deixar Ella na cama.

Nem percebi mas quando vi meu amigo inseparável estava

esparramado aos meus pés olhando pra mim.

— e aí cara ?

Passei a mão na sua cabeça e como se ele me respondesse

resmungou. Se esparramado ao meu lado.

Todos me dizem pra parar de fumar mas não sei quantos

cigarros já havia tragado, não estava afim de acordar de ressaca

ainda mais porque levaria a Ella para a terapia pela manhã e não

seria nada legal uma dor de cabeça do inferno pra me fazer

pensar que não deveria ter bebido.

Acontece que eu estava pensando muito e pra não tomar a

adega inteira achei melhor vir para o lado de fora do seu quarto,

não estava com o mínimo sono mas ficar na cama não iria ajudar

em absolutamente nada.

— o que eu fiz ? O que eu faço?

Não sei quantas vezes me fiz essa pergunta, eu sei que não vou

conseguir esconder isso por muito tempo e aí que o tal do deja vu

entra, porque eu sentia como se eu já tivesse passado por isso. E

passei.

Ella estava tão animada e ansiosa para ir ao médico

pela manhã era como se a sua esperança tivesse renascido e eu

poderia colocar tudo a perder mas eu sei também que se ela

soubesse por terceiros o que ela deveria saber por mim seria muito pior.

Mas eu não sabia como fazer.

Quanto mais eu pensava mais confuso eu ficava então resolvi

tomar uma bom banho e me deitar.

— dor de cabeça do inferno

Passei as mãos nos cabelos ao sentir uma dor miserável na

cabeça como se tivesse levado uma paulada na cabeça me deitei

de novo por puro reflexo. Pelas frestas das cortinas entrava a luz

do sol indicando o amanhecer

— hum

Parei sentindo meu coração acelerar ao ouvir o resmungo dela.

Me movi devagar para o seu lado da cama. O lençou cobria

apenas parte do seu braço assim como seus cabelos escuros

estavam nas suas costas.

— ah não

Quando ela virou de bruços eu soube que estava encrencado.

— merda eu não acredito

Eu fechava os olhos com força .não pensei duas vezes antes de

levantar e vestir as minhas roupas.

— bom dia

Não respondi apenas a abotoei a camisa e arrumei as mangas

— Ei o que aconteceu?

Olhei para ela com as mãos nos quadris mas logo fui ao banheiro

- o que NÃO deveria ter acontecido

Respondi de lá mesmo mas me fiz ser ouvido.

—o que ?

O seu reflexo se fez presente no espelho quando ela se encostou

na porta.

— você é amiga da Pamela aliás amiga não né? Amigos não

fazem isso, e eu divido que você estivesse Maia bêbada do que

eu

Sequei o rosto com uma toalha que estava pendurada próximo a

pia e vi ela fazendo uma careta.

Passei por ela mas senti seus olhos me fitarem.

— aliás esse é o meu quarto, eu vou descer para tomar café e

quando eu voltar não quero mais ver você aqui, isso foi um erro

Ela estava de braços cruzados e de boca aberta quando eu

passei por ela em direção a porta.

—Ei acorda

Senti um carinho no meu braço e ela me olhava com duvida.

— nossa, pareceu tão real como um... deja vu.

Sussurrei só pra mim e ela piscava com um ponto de

interrogação na cara.

—tem certeza que não quer me contar nada ? Você se mexeu

tanto

— não, tá tudo bem, vamos você tem consulta esqueceu ?

Senti um alívio ao mudar de assunto

— como eu ia esquecer? Estou ansiosa pra isso

Sorriu lindamente pra mim.

 

 

Ella on

— sim lógico que essa possibilidade existe e é muito bom saber

desse progresso

Eu apertei a mão de Bruno que segurava a minha e eu senti

aquela explosão dentro de mim e não me importei em esconder o

meu sorriso de orelha a orelha.

—mas quando eu vou poder sair dessa cadeira ?

Eu tinha essa pergunta atravessada na minha garganta.

—bem, eu já te disse isso várias vezes não foi? Isso é incerto mas

agora mais próximo do que antes .

O terapeuta olhou pra nós e eu assenti.

Era como realizar um sonho e finalmente era possível.

 

 

 

Bruno on

 

 

Aproveitamos que estávamos no hospital e ela

Quis visitar a irmã que por falar nisso estava sem os curativos e

apenas estava em observação o que deixou a Ella muito feliz na

verdade a mim também.

— eu andei rabiscando algumas cosias

Comentou

— olha que ótimo posso ver ?

— ah não

Sorriu envergonhada eu olhei pra ela por alguns instantes tirando

os olhos do trânsito estávamos quase chegando ao estúdio.

— por que não?

— eu tenho vergonha e eu sei que você é perfeccionista então...

— sei e a minha opinião te dá pânico, isso é normal ... ah, todo ano

fazemos uma festa de Natal e eu queria muito que você fosse

Toquei sua mão rapidamente

—ah eu não sei se é uma boa idéia

— como não? Temos que comemorar você está melhor

— verdade mas vai ser a primeira vez que eu apareço assim

Ela poderia estar sentada no banco mas eu sei que ela se referia

a cadeira.

— não é verdade no show você já estava assim e ninguém disse

nada e mesmo assim é porque os outros vão falar que você vai

perder sua liberdade? Ninguém tem nada com isso, isso não é da conta de ninguém

 

É claro que eu estava mentindo, saiu em diversos sites " a

namorada de Bruno Mars faz sua primeira aparição após sofrer

grave acidente de carro no qual a mesma parece ter perdido a

mobilidade, e agora como fica o mais novo casal do momento? "

 



Nobody Business ( Da Conta De Ninguém)

Rihanna  

 

Você sempre será meu

Cante para o mundo

Sempre será meu garoto

Eu sempre serei sua garota

Da conta de ninguém

Não é da conta de ninguém

Não é da conta de ninguém

Além da minha e do meu amor

Minha e do meu amor

Além da minha e do meu amor

Além da minha e do meu amor

Oooh


 

Eu amo, eu amo, eu amo você, amor

Eu amo, eu amo, eu amo você, amor

Eu e você, entende?

Não é da conta de ninguém

Disse, não é da conta de ninguém


 

Seu amor é a perfeição

Por favor, me aponte na direção certa

Te darei toda minha afeição

Cada toque se torna infeccioso

Vamos nos beijar neste Lexus

Não há outro amor assim como este

Eu quero uma vida com você

Depois podemos nos tornar a personificação do amor?


 

Você sempre será aquela

Para quem eu quero voltar para casa

Garoto, me deixe amá-lo

E te mostrar como você é especial

Eu quero ser seu amor

Você sempre será meu amor

Me diga o que você quer agora


 

Vamos cantar para o mundo

Amor, me dê tempo

Serei sua garota

Quero te fazer minha

E isso não é da conta de ninguém

Isso não é da conta de ninguém

Isso não é da conta de ninguém

Isso não é da conta de ninguém

Somente minha e do meu amor


 

Seu amor é a perfeição

Por favor, me aponte na direção certa

Te darei toda minha afeição

Cada toque se torna infeccioso

Vamos nos beijar neste Lexus

Não há outro amor assim como este

Eu quero uma vida com você

Depois podemos nos tornar a personificação do amor?


 

Você sempre será aquela

Para quem eu quero voltar para casa

Garota, me deixe amá-la

E te mostrar como você é especial

Eu quero ser seu amor

Você sempre será meu amor

Me diga o que você quer


 

Cante para o mundo

Amor, me dê um pouco

Você será minha garota

Quero te fazer minha

E isso não é da conta de ninguém

Isso não é da conta de ninguém

Isso não é da conta de ninguém

Isso não é da conta de ninguém

Somente minha e do meu amor


 

Não é da conta de ninguém

Disse, não é da conta de ninguém

Isso não é da conta de ninguém

Isso não é da conta de ninguém


 

Você sempre será meu (minha)

Cante para o mundo (mundo, amor)

Sempre será meu garoto

Sempre será mina garota

Da conta de ninguém (da conta de ninguém)

Não é da conta de ninguém (não é da conta de ninguém)

Não é da conta de ninguém (ninguém)

Além da minha e do meu amor

 

Eu não queria que ela visse isso ela estava péssima e tudo que eu

menos queria era deixar ela pior.

— oi Ella

Ana foi a primeira a nos cumprimentar assim que saímos do

elevador.

— oi Ana como vão as coisas?

— ótimo, mas será que você poderia me emprestar o seu

namorado só um instante?

Ela coçou a cabeça olhando para nós dois

— claro, quer de presente?

— nossa agora eu sei o quanto você me ama viu só isso ?

Fiz drama recebendo as risadas das duas

— ah para

Ana e eu fomos para a sua sala .

— que história é essa de eu não ter te dado os papéis necessários ?

Ela estava batendo o pé no chão e as mãos nos quadris, isso realmente não era nada bom.

— eu não sei a clara que disse isso

Ela sempre andava de um lado para o outro quando estava

nervosa e era exatamente isso que ela estava fazendo.

— então porque eu estou fora por um mês? E sabe o que mais ?

Ela será sua assistente.

Arregalei os olhos.

E é agora que a vaca vai pro brejo e a porca vai torcer o rabo

agora sim eu estava em pânico.

— como assim Ana?

— voce sabe que eu nunca seria irresponsável com os seus assuntos

— eu sei e foi isso que eu pensei quando ela disse isso

— tudo bem...

Ela olhou pela janela e ai que esta, eu sabia que não estava nada bem.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...