História Hannah Potter - A Irmã que Sobreviveu - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Tags Draco, Grifinória, Hannah, Harry Potter, Romance, Sonserina
Exibições 101
Palavras 670
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Aqui estoy! Demorei e os motivos estão ai embaixo
1- As provas trimestrais chegaram, e eu tinha que ir bem em física se quisesse passar direto, acho que me ferrei bastante mas....Acontece
2- O cap estava pronto, ia enviar, e deu merda, apagou tudinho e eu perdi tudo!! Ai ficou menor pois não tenho muita paciência pra quando isso acontece

Boa leitura e espero que gostem

Kisses

Capítulo 2 - Cap 1: Uma conversa que não saiu como o esperado


Fanfic / Fanfiction Hannah Potter - A Irmã que Sobreviveu - Capítulo 2 - Cap 1: Uma conversa que não saiu como o esperado

Suspirei fundo e parei na frente das portas do salão principal, todos os alunos que conversavam ou comiam uns com os outros pararam imediatamente ao me ver ali. Fiquei surpresa pois pensei que as pessoas seriam bem mais discretas e não me olhariam descaradamente. Pensei bem errado.

- Estamos aqui – Astoria cantarolou, olhei pros lados e percebi que cada uma estava de um lado, infelizmente minha outra colega de quarto é Pansy Parkinson e não ela, qual o motivo?Astoria é um aninho apenas mais nova do que eu e sua irmã. O ruim disso é: Pansy tem cara de buldogue e fica me encarando mortalmente por um motivo desconhecido!! 

Sorri, comecei a andar junto com elas pelo salão todo até chegar na mesa da Sonserina, percebi que algumas garotas nos encaravam com inveja estampada no olhar enquanto alguns garotos nos olhavam e sorriam feito idiotas, inclusive um gorila da Sonserina que eu descobri que se chamava Crabble.

Vi um garoto loiro, que até uns minutos atrás estava sentado ao lado da menina com a cara de buldogue chamado Pansy,  quando ele parou de repente e ficou meio que surpreso, parecia ver algo atrás de mim, franzi o cenho antes de descobrir o motivo disto: Uma mão. Tocando o meu ombro.

Me virei rapidamente e vi Harry parado ali, na frente de um monte de pessoas que aparentemente odeiam ele só por ele ser da Grifinória e entre outras coisas, querendo falar comigo!!

- Podemos conversar? – Ele perguntou

- Claro – Respondi com um mínimo sorriso estampado no rosto

*

- Pensei que iria falar comigo ontem depois de tudo... – Harry começou, enquanto nos sentávamos em um dos bancos que havia no jardim

- Eu posso ter coragem para lutar contra pessoas e monstros, se precisar – Comecei – Mas não tenho coragem o suficiente para falar com meu irmão oficialmente pela primeira vez, desculpe Senhor Potter– Ele riu

- Sério?? – Ele perguntou, rindo – Eu faço isso no mínimo três vezes ao dia, precisa aprender algumas dicas comigo – Começamos a rir do comentário dele -  E não me chame de Senhor Potter, por favor! Me lembra ao professor Snape, eu odeio ele! Talvez você goste pois ele defende muito todos os Sonserinos, como se fossem os filhos deles

- Não quero ser protegida por ninguém – Respondi – Ele tem que proteger a todos ou a ninguém – Respondi de uma forma seca – Que aulas teremos juntos? – Perguntei de repente, mudando de assunto, já que o clima havia ficado um tanto quanto tenso

- Provavelmente DCAT, Poções, Transfiguração e talvez, se escolheu essas, Adivinhação e Trato de Criaturas Mágicas – Assenti, eu fazia todas essas matérias

- Meu padrinho será professor de DCAT, garanto que ele é maravilhoso e muito experiente no assunto, o dia dos Dementadores acho que conseguem comprovar este fato, não? – Ele assentiu levemente com a cabeça 

Sabe... – Ele começou – Pensei que você seria má ou coisa do tipo por ter entrado na Sonserina, mas na verdade me enganei, você é legal – O encarei mortalmente, um dos motivos principais para eu ter gostado de ir pra Sonserina é querer provar que nem todos os Sonserinos são maus, e ele acabou de ferir o meu orgulho

- Como é que é? – Perguntei – Fala assim como se conhecesse maravilhosamente bem todos os alunos pertencentes a Sonserina!

- Alguns eu conheço bem pra saber o que falo – Ri sem humor

- Alguns!! Duvido que conheça a maioria deles!! Já ouviu falar de Sirius Black, que fugiu de Azkaban?Acho que sim! Adivinha a qual casa ele pertenceu?? – Perguntei – GRIFINÓRIA!! E Merlim, um dos maiores bruxos de todos os tempos, tenho certeza que já ouviu falar dele antes...SONSERINA!! – Berrei novamente, o assustando – Até mais, senhor Potter – O chamei daquela maneira propositalmente

Sai batendo o pé dali, como Harry pode me falar tanta bobagem de uma só vez??Confesso que tinha o achado uma pessoa incrível, porém percebi que ele é só mais um idiota em que eu terei prazer de mostrar que está bem errado, assim como a maioria desses idiotas! 


Notas Finais


O que acharam?Pequeno, eu sei, mas tentem entender meu lado nas notas iniciais

Até logo

Kisses
*3*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...