História Hard Carry - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Youngjae, Yugyeom
Tags Markson
Exibições 6
Palavras 692
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Escolar, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura~

Capítulo 1 - Intimidado


Fanfic / Fanfiction Hard Carry - Capítulo 1 - Intimidado

Bambam Pov On

            Hoje era o meu primeiro dia numa escola nova depois de ter sido transferido. Eu estava nervoso e ao mesmo tempo ansioso para ver se ia conseguir me adaptar rapidamente aquele novo ambiente sem precisar passar por nenhum sufoco. O que eu não esperava era já chamar a atenção de um grupo de garotos que estavam sentados em alguns bancos no pátio do colégio. Um deles, que tinha o cabelo preto e certamente era o líder do grupo, se aproximou de mim e cutucou minha testa.

—Yah, quem é você?

—Me chamo Bambam e...

—Não perguntei seu nome e sim quem é. —Disse ríspido e ajeitei meus óculos que eu sempre usava, apesar de minha mãe já ter dito para eu usar lentes.

—Sou novo aqui, fui transferido recentemente da minha antiga escola. —Respondi receoso.

—Ah... É um nerd de outra escola e pelo jeito que fala não é coreano. —Ele apertou meu ombro de leve e me olhou serio, quase me fuzilando com seu olhar.—O esquema aqui é o seguinte:Voce faz o que eu quero e peço e não apanha. Entendeu?—Indagou e assenti. —Bom garoto... Mark. —Ele olhou pra trás e logo um garoto de cabelos escuros se aproximou. Ele era o mais quieto do grupo e parecia ser o que mais estava fora daquela situação. —Bambam... Eu espero não te ver mais hoje. —Ele tirou meus óculos e jogou para o tal de Mark que o segurou com cuidado. —Vamos pessoal. —Disse autoritário e saiu dali junto dos outros, apenas Mark ficou pra trás sem o tal Jinyoung perceber.

—Aqui. —Mark colocou os óculos em mim e me curvei. —Não precisa disso. Escute, não ligue para Jinyoung, você não é a primeira e nem será a última pessoa com quem ele faz isso. —Disse de forma simpática e sorri tímido. —Voce não precisa e não deve se sentir intimidado por ele.

Para ele isso parecia tão fácil, mas eu estava tremendo nas bases. Não estava nem um pouco afim de acabar apanhando desse caro porque não agi do jeito que ele queria.

—Eu vou tentar... É...

—Mark.

—Eu vou tentar ser forte Mark e obrigado por me ajudar. —Me curvei novamente e sai dali, indo procurar minha sala.

—Espera!—Ouvi a voz dele e parei de andar, vendo-o se aproximar meio afobado.—Não quer que eu te mostre a escola?

—isso não te causaria problemas? Seu amigo me odeia pelo jeito.—Disse, ajeitando minha mochila sobre os ombros.

—Não liga pra ele e vem, me resolvo com ele depois, até porque não é como se Jinyoung me assustasse.—Mark segurou meu braço e me puxou até a quadra, onde acabamos encontrando novamente Jinyoung e seus “amiguinhos”.

—Onde estava Mark?—Perguntou Jinyoung assim que viu eu e Mark parados na entrada na quadra. Mark afastou-se de mim de imediato e passou a mão na nuca, virando o rosto. O que aconteceu com o “me resolvo com ele depois, até porque não é como se Jinyoung me assustasse?”. —Sabe que não deve andar com ele ou com qualquer novato aqui não é? Mark Tuan...—Jinyoung parecia irritado, só que desta vez sua raiva estava direcionada para Mark e não para mim. Ele esta com os óculos...?Ficou pra trás para poder devolver os óculos para ele? ESTÁ LOUCO?!PENSA QUE SOU UM IDIOTA É?!—Gritou Jinyoung se aproximando de Mark.—OLHA PRA MIM!—exclamou e Mark olhou pra ele na hora.

—Me desculpa, isso não vai se repetir.

—Aish!Como essa foi a primeira vez que fez isso, vou te perdoar, mas se repetir vai pagar caro.—Jinyoung deu um tapinha na nuca dele e Mark agradeceu, se juntando ao outro.—E você Bambam...—Logo sua atenção foi voltada para mim e tremi nas bases.—Vai aprender a não me desobedecer.—Ele se aproximou de mim com os pulsos fechados e Mark rapidamente se colocou na minha frente.—O que está fazendo?—Indagou Jinyoung sem entender nada.—QUER MORRER?!—Jinyoung começou a gritar novamente e soube na hora que as coisas estavam indo de mal a pior.

O que vai acontecer agora

Porque Mark está me defendendo?

Bambam Pov Off



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...