História Harry e Gina - A História Não Contada - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Aberforth Dumbledore, Alvo Potter, Arthur Weasley, Cho Chang, Dino Thomas, Dominique Weasley, Draco Malfoy, Gina Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Jorge Weasley, Luna Lovegood, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Neville Longbottom, Padma Patil, Parvati Patil, Ronald Weasley, Simas Finnigan, Ted Lupin, Tiago S. Potter, Victoire Weasley
Tags Hinny Harry Gina Romance
Exibições 53
Palavras 604
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Romance e Novela, Saga
Avisos: Insinuação de sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Temos Muito Tempo...


Fanfic / Fanfiction Harry e Gina - A História Não Contada - Capítulo 2 - Temos Muito Tempo...


Todos foram para A'Toca, chegando lá foram se limpar. A Sra Weasley fez o jantar e aguardou todos na mesa. Estavam em silencio, estavam tentando processar cada acontecimento daquelas ultimas horas. Depois do jantar Gina e Mione ajudaram a Sra Weasley na cozinha e então todos foram dormir. 
Apesar da queda do Lorde das Trevas, Harry estava com dificuldade para dormir aquela noite, acordando varias vezes. Até que decidiu ir até a cozinha, chegando lá se deparou com Gina, sentada a mesa segurando um copo d'agua perdida em pensamentos. 
- Olá - disse Harry
Gina deu um sorriso de canto - Olá Harry, também não conseguiu dormir?
- Não, estou um pouco inquieto - disse Harry sentando-se ao lado de Gina.
O silencio dominou o ambiente, enquanto ambos olhavam para as proprias mãos. Então Gina resolveu quebrar o silencio, encarou Harry, engoliu em seco, respirou fundo e disse:
- Então... sei que temos muito tempo, mas estamos aqui e... eu realmente queria que a gente conversasse, que você dissesse o que tem a dizer. 
Harry encarou os olhos castanhos mais lindos que já viu na vida - Você tem certeza que esse é o momento? Não acha que deveriamos esperar?
- Não acho que temos que esperar (suspirou) - você ficou um ano fora Harry, um ano... Estamos esperando á um ano. Sei que terminou comigo por causa de Voldemort, mas ele já se foi, não temos que esperar.  
Harry então segurou a mão de Gina, começou a acaricia-la, olhando fixamente pra ela - Essa é a minha explicação, não foi falta de amor, foi medo de perder quem eu amo, mais uma vez... Eu, bom... não aguentaria perder você. Foi muito dificil pra mim esse tempo que fiquei longe, pensava que encontraria alguém e que me esqueceria, e só de pensar nisso... não, não posso pensar nisso, definitivamente não. 
Então Harry voltou a olhar para o rosto de Gina, que tinha um sorriso compreensivo nos labios - Eu sou apaixonada por você desde que te vi em King's Cross, e durante todos esses anos só queria que me notasse, mas eu parecia invisivel pra você, então Hermione disse que eu tinha que seguir a minha vida, e foi o que eu tentei fazer, quando você começou a sair com a Cho. Mas eu nunca deixei de te amar e por menor que fossem as chances de ficar com você, eu ainda acreditava. 
Dando um pequeno impulso pra frente Harry beijou a testa de Gina, que fechou os olhos assim que os labios dele tocaram em sua pele. Voltando ao seu lugar, Harry respirou fundo e deu um breve sorriso - Me desculpe por deixa-la, eu prometo não fazer isso nunca mais. 
Gina assentiu com a cabeça, olhando para as próprias mãos  - Temos muito tempo. 
Harry viu um sorriso de canto de boca de Gina, que estava com a cabeça baixa. Ele assentiu com a cabeça, pegou novamente as mãos da menina de cabelos cor de fogo puxando-a - Vamos, temos que ir pra cama, Sra Weasley não vai gostar de acordar e perceber que nem dormimos. 

Então os dois subiram as escadas silenciosamente. Ao chegarem na porta do quarto de Gina, Harry beijou novamente sua testa - Boa noite, durma bem.
Gina então beijou a testa de Harry, os dois se olharam sorrindo - Boa noite, a gente se vê mais tarde. 

Então Harry continuou subindo as escadas, enquanto Gina fechava a porta de seu quarto. 


Rony roncava tão alto que Harry sentia como se estivesse tendo um terremoto particular dentro do quarto, mas já estava tão cansado que quando deitou, adormeceu.
 


Notas Finais


Se gostarem por favor favoritem! Obrigado ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...