História Harry Is My Father - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Ashelybenson, Filha, Harrystyles, Jordynjones, One Direction
Exibições 76
Palavras 634
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OLHA QUEM APARECEU?
NAO ME MATEM
EU SEI QUE FIQUEI 3 MESES SEM POSTAR
EU SEI QUE DEI MANCADA
EU SEI QUE NAO POSSO PROMETER NADA POR QUE EU VOU ACABAR SUMINDO DENOVO E AI SIM VAO QUERER ME MATAR.
mas o importante é que eu to aqui com um cap fresquinho para voces. me perdoem se ficou ruim :C

Capítulo 29 - Forget the boy


Pov’s Ally

 

 

 

 

Dois meses se passaram,e os preparativos para a turnê dos meninos estavam quase todos prontos,Jullie e Jasmine não sabia se conter de tanta empolgação,e eu juro que tentava acompanhar a felicidade e animação delas,mas eu não conseguia. Não quando eu tinha que encarar um irlandês loiro todo dia na minha casa,na escola,na casa das meninas,em almoço,jantares,viagens..... E finjir que não sentia nada por ele.

 

Porque idade era tão importante assim pra ele? Porque ele não podia me amar também?

 

Tantas coisas mudaram,já tinha me acostumado com a idéia de ser filha de Harry Styles,já tinha me acostumado em não surtar perto dos meus ídolos que agoram eram como meus tios,já sabia me controlar mais com os pensamentos nem um pouco certo que eu tinha em relação ao meu próprio pai,(ou não). Sentia falta de Gabbe,e meu aniversario de 15 anos seria em menos de 1 mês e meio.

Eu não era mais a garota antisocial de Atlanta,eu era Allyson Stweart Styles. Filha de Harry Styles. Vivia em colunas sociais,desfiles de moda,saia para almoçar com  as meninas todo dia,já conhecia metade da escola. E já era totalmente adaptada,mas as vezes,eu sentia falta da antisocial que só tinha rebeka de amiga.

 

 

Estavam todos em casa,tentando decidir oque faltava comprar para a viagem que já seria no dia seguinte. Não estava muito animada,mas também não deixava de sentir aquele friozinho na barriga de viajar o mundo inteiro.

 

-Temos que comprar bastante comida.-Niall Falou recebendo um tapa de Liam

 

-Oque foi? As meninas estarão com a gente dessa vez,vai querer deixar 3 crianças com fome em uma avião? Em um ônibus?-Falou se defendendo.

 

Revirei os olhos e sai da sala quando ouvi a palavra “crianças” saindo da boca dele. Fazendo todos olharem sem entender nada pra mim.

 

Fui até o jardim e me sentei em um banco,chutando as folhas secas que caia do Pé de macieira,jasmine logo se sentou ao meu lado.

 

-voce sabe que ele não quis dizer isso.-Disse tentando me acalmar.

 

-sim ele quis.-falei a olhando,tentando controlar a raiva

 

-Ally,talvez você devesse desencanar de Niall,ele não faria isso com Harry por mas que sentisse o mesmo.

 

-Eu sei disso,mas,seilá.-falei suspirando.- Eu preciso esquece-lo.

 

-Não seje por isso,temos vários interessados em você na escola meu amor.-Falou se levantando animada.

 

-Não exagere-revirei os olhos.

 

-A culpa não é minha se você não percebe os flertes que leva-fala rindo.-agora vamos La para dentro,ninguém entendeu nada.-Falou puxando minha mão.

 

Eu e jasmine era como primas de verdade,contávamos tudo uma pra outra, ficávamos sempre juntas,saiamos sempre juntas,éramos como primas,irmãs e melhores amigas ao mesmo tempo. E eu amava isso.

 

Entramos e encontrei papai falando com alguém no telefone. Enquanto Jas seguia para a sala de jogos,eu parei na cozinha e não agüentei,ouvi a conversa. Ou uma parte dela

 

“-Eu odeio essa mulher pelo oque ela fez comigo,mas ela é tia de minha filha,e irmã de Lola. Eu preciso dela lá”

 

“- Eu sei que Ally sente a falta dela”

 

“-Sim eu tenho certeza”

 

“-Okay,tudo bem,tchau”

 

Desligou o telefone e colocou a mão na cabeça respirando fundo. Ele falava sobre tia Gabbe,mas por que???

 

Povs Harry

 

 

 

Em pouco tempo Allyson faria 15 anos,e nessa mesma data,estaremos passando pelo Brasil,onde faremos sua festa. Sei que ela sente falta da tia,e que precisa ver a família brasileira,não sei se estou preparado para ver Gabbe sem querer mata-la,mas eu preciso fazer isso,por Lola,e por minha filha. As únicas duas mulheres que eu amei em minha vida inteira. Eu retirei a queixa a 1 mês atrás,e agora ela se encontrava com a família no Brasil,qualquer contato com Ally foi proibido por mim na justiça. Mas eu não achava justo,e agora a encontraria denovo,e aproveitaria para saber porque foi tão cruel,porque tirou minha filha de mim,e porque mentiu por tantos anos para a própria sobrinha.


Notas Finais


COMENTEM E FAVORITEM MEUS PAO DE MEL
AMO VOCES
BEIJOS DE LUZ


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...