História Haunting - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lily Collins, One Direction, Zayn Malik
Personagens Lily Collins, Zayn Malik
Tags Drama, Lily Collins, One Direction, Romance, Thriller, Zayn, Zayn Malik
Exibições 584
Palavras 965
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura :)

Capítulo 14 - Chapter 14 - Provocations.


Fanfic / Fanfiction Haunting - Capítulo 14 - Chapter 14 - Provocations.


Pandora acenou para seus pais assim que seu pai deu a partida no carro e esperou por um tempo até os faróis sumirem do seu campo de visão, só então ela entrou em casa e começou seu ato desesperado de trancar todas as janelas que sua mãe havia aberto, alegando que a casa emboloraria se continuasse daquele jeito. Ela deixou acesa todas as luzes da casa e foi para seu quarto, onde pegou seu celular e conferiu os contatos, e lá estava o contato dele salvo como 'Hunter', ela adicionou o número a lista de rejeição e colocou o celular no silencioso. Ela já havia decidido que não faria aquilo que ele tinha dito sobre seu relacionamento com Nick. Terminar com ele é a última coisa que ela faria. 
Cansada de ficar gastando toda sua energia pensando em xHunter, conversando com xHunter e temendo xHunter, Pandora decidiu ver um filme para tentar focar em algo bom pela primeira vez em duas semanas. Ela deixou o filme aberto para carregar por completo e preparou algo para comer nesse meio tempo. 
​                                                                                                          ✖ ✖ ✖
Ela estava quase caindo no sono quando o som das vozes do filme que ela já havia se acostumado se calaram, Pandora se sentou na cama em alerta e olhou ao redor. Chegou a pensar que ele estava ali em seu quarto novamente. O movimento na tela do notebook chamou sua atenção e Pandora viu quando o site de filmes foi fechado e o de relacionamentos foi aberto, o led de sua web-cam acendeu a luz, indicando que estava sendo filmada e rapidamente ela fechou a tampa do computador e praticamente o jogou em cima da poltrona do quarto. Até mesmo quando xHunter não estava ali, ele estava ali.
Pandora estava prestes a ter um surto quando a tela de seu celular acendeu e ela percebeu que era alguém ligando, mas era apenas Nick.
Oi — ela soou mais insegura do que imaginava, afinal, não falava com ele desde a última vez que se viram e brigaram, por sinal.
Onde você está?
Em casa, por que está acordado à essa hora? — era quase 01:00 e Nick tinha o hábito de dormir antes das 23:00.
Eu estou preocupado com você e odeio quando a gente briga, eu quero te ver. 
Pandora sorriu e soltou o ar que só então percebeu que prendia. 
Vem aqui. 
Na verdade, eu meio que já estou aqui. 
Ela correu até o primeiro andar e abriu a porta, dando de cara com Nick e ambos desligaram seus celulares ao mesmo tempo.
— Me desculpa — ela pediu praticamente se jogando em seus braços e ele a abraçou.
— Está tudo bem. 
Nick entrou na casa, fechando a porta atrás de si.
— A gente precisa conversar, né? 
Não que Pandora fosse contar sobre xHunter, pelo menos não naquele momento, ela ainda não sabia como dizer à Nick; mas sabia que eles precisavam conversar e aliviar aquela tensão que rondava o casal.
— Sim, mas não agora. Agora eu só quero ficar com você — ele disse a puxando para perto e aquilo era tudo que Pandora queria no momento. 
​                                                                                                          ✖ ✖ ✖
No dia seguinte, Pandora ficou mais junto de Nick do que o habitual. Se xHunter estivesse mesmo em todos os lugares, então ele que visse ela agarrada ao seu namorado — que ao contrário do maníaco que a persegue, não transmite nada ruim, apenas segurança e carinho. 
— Você vai me esperar treinar? 
— Claro que sim — ela respondeu sorrindo e o seguiu até o ginásio, junto de Travis. 
Travis havia perguntado à Pandora naquela manhã sobre xHunter, mas ela disse que deveria ter sido só algum tipo de brincadeira mesmo, pois não havia acontecido mais nada e ela ficou aliviada quando ele caiu na mentira esfarrapada dela; até mesmo não é nenhum tipo de brincadeira alguém roubar seu celular, descobrir sua senha, mexer na sua tela de bloqueio botando um aviso mórbido e depois devolvê-lo no tapete da porta de sua casa.
Enquanto Nick e Travis treinavam, Pandora ficou sentada na arquibancada do ginásio e naquele momento sentiu que as coisas estavam voltando ao normal. Ela não imaginava que gostava tanto de rotina até ter a sua virada de cabeça para baixo. 
Por enquanto, ela continuaria vivendo sua vida como sempre, mas caso xHunter mandasse mais alguma mensagem ou mais algum aviso, ela o denunciaria e não pensaria duas vezes antes de ir até o Departamento de Polícia. Pam tinha prova das ligações, da tela de bloqueio ainda salva na galeria de seu celular e saberia descrever o rosto dele com destreza. Ela não corria mais risco algum.
​                                                                                                          ✖ ✖ ✖ 
Por conta da chuva, Pandora e Nick tiveram de correr até o carro de Travis no estacionamento onde ele já os esperava. E Pandora passou aquela tarde na casa de Nick, apesar de não terem conversado ainda ela já não sentia mais aquela distância entre os dois e o clima estava harmônico entre o casal. Quando escureceu, o pai de Nick a levou até em casa. 
— Obrigada, George.
— Sem problemas, Pam. Até amanhã.
— Até.
Ela desceu do carro e correu até a entrada da casa, a chuva havia diminuído um pouco, mas estava longe de cessar. Ela entrou em casa  e tirou o casaco que estava um tanto molhado e levou para a lavadora de roupas. Mesmo se sentindo mais segura, Pandora acendeu todas as luzes do caminho. Ela deixou descongelando no microondas a lasanha pronta que sua mãe havia estocado de medo que a filha morresse de fome e subiu para tomar banho. Quando Pandora abriu a porta do quarto e acendeu a luz, sentiu suas pernas fraquejarem.
— Buh — ele disse no maior tom de ironia e aquele sorrisinho de canto estava estampado em seu rosto. 

Por favor, leiam as notas finais.


Notas Finais


Teaser: https://www.youtube.com/watch?v=KOVXAfAZG48
Fanfic disponível no Wattpad: https://www.wattpad.com/story/84238364-haunting
Meu (novo) Twitter: https://twitter.com/rarebabygirl || @rarebabygirl

Oi, oi. A fanfic está em reta final e apesar de ter cerca de 25 capítulos, digo isso por eu estar escrevendo os últimos capítulos agorinha mesmo. And..... como voltei a escrever e me empolguei, já tenho ideias para uma nova fanfic e goxxtaria de saber se vocês leriam, ainda não vou divulgar a sinopse mas será com o Zayn e não será terror/thriller, será sobre como um relacionamento pode se desgastar ao longo dos anos. Caso se interessem, divulgo a sinopse.
Espero que tenham gostado <33 até o próximo capítulo :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...