História He does not like boys *Vhope* - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Abo, Bangtan Boys, Gay, Hot, Lemon, Vhope
Exibições 229
Palavras 360
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 36 - Film ruim.


Sai batendo a porta e... Talvez fosse um exagero meu mas, se Hoseok queria tanto me trair com a tal da suzy... Que seja, quem está perdendo é ele afinal.

 Eu já estava no jardim quando senti mãos que me causavam aquele mesmo arrepiar de sempre, Hoseok senpai. A tempos eu não o chamo assim, certo? 

 — hey, minha joaninha. — Hoseok me virou e colou meu corpo ao dele. — porque está assim, huh? 

 — hobi, vai me trair com suzy. — uma lágrima desceu. — eu ouvi.

 Hobi corou e abriu um grande sorriso em seguida, nunca vi criatura mais feliz. 

 — você entendeu errado, meu anjo. — dei um tapa no ombro dele, mas no fundo, eu gosto dos apelidos. — olha, eu te explico... Te mostro, na hora certa, o que acha?

 — é uma traição? — Hobi negou com a cabeça. — um filho fora do casamento? — negou novamente. 

 — eu amo muito você, sabia? — um sorriso pairou no meu rosto ao ouvir aquilo, eu amo ouvir isso.

 Hobi pegou minha e colocou sob a própria bochecha, sarriu.

 — e esse cheiro forte de pêssego enlatado é de matar. — falou Hobi ainda com o sorriso, lindo nos lábios. 

 — está me deixando com fome. //

/////*//////

 — não hobii, eu quero assistir esse daqui? — apontei pro filme que eu havia escolhido.

— mas eu queria esse aqui. — fez bico.— da última vez foi você quem escolheu.

 Me rendi, quando hobi queria algo, ele conseguia e pronto. O filme foi passando, filme chato e sem graça, eu já estava adormecendo no peito de Hoseok. Esse cheiro bom que ele tem, me causa uns coiso bom. 

 Hobi desligou a tv quando viu que eu estava meio adormecido, saiu com cuidado do abraço apertado que eu dava na cintura dele

. — Hyung não vai, não. — puxei ele de volta. — o seu cheiro está bom.

 — tae, eu preciso sair... Meu... M-meu cio. 

Ele saiu porta a fora e me deixou sozinho, em algum minha marca começou a arder e praticamente, queimar sob minha pele, eu só queria o Hobi hyung aqui. Doe tanto. 


Notas Finais


Sofro de uma doença chamada "criatividade a prestação"


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...