História He like boys ! - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jimin, Yoongi, Yoonmin
Visualizações 17
Palavras 1.155
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Festa, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OIIIIIIIII GENTE LINDAAAA 💖
VOLTEI 🌸

BOM CAPITULO
ESPERO QUE GOSTEM E DESCULPEM OS ERROS !

Capítulo 6 - 04


Fanfic / Fanfiction He like boys ! - Capítulo 6 - 04

Pov. Yoongi

Como tomei advertência da escola, por conta daquele babaca filho de uma puta, não irei a escola essa semana inteira, mas como não sou otário em faltar em minhas noites de zueira com meus amigos, mesmo que seja na escola, é obvio que nesse exato  momento eu estaria me arrumando para ir para lá.

Ao terminar de me arrumar, peguei meu carro e fui buscar Hoseok, no caminho parei em uma loja de conveniência comprar uma boa  Vodka.

Chegamos na escola e Namjoon e Jin já estavam a nossa espera no portão do campus, entramos de fininho para que aqueles merdinhas não nos vissem, corremos por escadas e corredores até chegarmos no terraço. Sabíamos que aqueles três ainda estavam por lá, pois havíamos visto eles limpando lá em baixo, mas nem ligamos pois ninguém nunca ia ao terraço, porque era proibido subir lá, mas nós nunca fomos acostumados a seguir regras então nem nos importávamos em subir lá.

Começamos a beber, Namjoon havia levado energético, e todos nós sabíamos que vodka com energético é um verdadeiro perigo, mas já havíamos aprendido a viver a vida adoidado, é claro que como sempre, Jin era o mais sã naquela rodinha, então por causa disso e também por causa de ser o mais velho, provavelmente seria quem levaria nós pra casa. 

Depois de um tempo, não sei de onde, Namjoon tirou uma balinha de LSD, botando a mesma em sua boca, como já estava fora de mim, pedi uma, eu não era muito de drogas ilícitas sabe, mas pensei que não seria tão ruim só uma, peguei a pequena bala em tons de azul escuro e botei em minha boca, após esse ato, vi tudo ter uma forma estranha, embaçada e em  tons fortes e chamativos de rosa, amarelo, azul, verde e mais algumas cores, todas bem saturadas, depois disso não me recordo de mais nada.

Quando voltei em meu estado normal, vamos dizer assim, já era quase 01:00 da madrugada, havia se passado 5 horas desde que chegamos. Olhei ao meu redor e todos ainda estavam lá, pelo menos isso, Jin e Nam estavam quase se comendo em um banquinho que havia ali, pelo visto o Jin não é o mais sã do nosso grupo, pelo menos hoje não, Hobi estava com apenas sua cueca vermelha, dançando uma Girl Group qualquer mesmo sem musica alguma, o mesmo dançava caindo, pelo visto estava bem alterado, pois nunca caia ao dançar. Após analisar o estado de todos ali presentes, analisei o meu, eu não estava tão ruim como Hoseok, minha camiseta toda amassada e minha jaqueta quase caindo de meus braços, apenas meu pé esquerdo  possuía meu converse preto, no outro só estava minha meia branca, olhei ao redor procurando meu outro converse, o mesmo estava em um canto, quando me levantei para ir pega-lo, minha visão ficou turva e me senti tonto, apoiei minha mão na parede, quando me senti melhor, fui até meu converse e botei o mesmo.

Como ninguém iria notar se eu saísse, sai do terraço e desci as escadas em direção ao banheiro que ficava no segundo andar, pelo horário que já era associei que aqueles merdas não estariam mais lá. Então nem andei de fininho ou corri, até mesmo com cuidado. Apesar de todas as luzes estarem acessas estava sozinho, adentrei o banheiro e me olhei no espelho, minha cara estava acabado, olheiras fundas, cabelo todo bagunçado e olhos meio vermelhos ao redor. Ao mesmo momento lavei meu rosto e tomei uns goles de água, quando estava prestes a sair do banheiro ouvi a risada que eu odeio, a de Jimin misturada com a de Jungkook.

Como não sou anta, me tranquei na primeira cabine do banheiro que vi pela frente, sentei em cima da tampa do vaso e coloquei minhas pernas junto ao meu corpo e fiquei quieto.

- Será que Tae ficará bem sem nós?- perguntou o desgraçado do Jimin.

- Mas é claro, e também que será uma rapidinha, não iremos demorar. Na verdade a gente nem estaria aqui se você não tivesse acordado algo que estava bem quieto e calmo. - disse Jungkook com a voz rouca, de longe dava para entender a malicia ali presente. Naquele mesmo momento entendi o que eles iriam fazer, e eu estava louco para abrir aquela porta e sair correndo, esquecendo do que acabei de ouvir, mas não fiz isso pois sabia que seria pior pra mim.

Ouvi sons de beijos, aquela porra de som estava muito alto e eu comecei a sentir um alto nível de nojo, comecei a ouvir gemidos e sons de roupas sendo chocadas ao chão, deduzi que os gemidos eram de Jimin, por serem muito finos. Os barulhos de línguas se chocando não pararam, nem as roupas pararam de ser jogadas ao chão e os gemidos só aumentaram.

Em algum momento, o ósculo deles pareceu ter sido rompido e barulhos de chupões preencheu o ar, as roupas pararam de ser jogadas ao chão, pelo visto já não havia mais roupa, os gemidos cessaram por um lado, agora o único que gemia era, pelo visto Jungkook, por causa de sua voz mais grave.

Passou-se um tempo, até uns barulhos de sucção preencherem o ar, os mesmos gemidos de antes aumentaram e estavam mais altos, Jimin estava pagando um boquete para Jungkook, foi o que eu associei, foi ai que eu notei uma coisa, eu estava duro, isso mesmo, eu estava duro por ouvir duas pessoas que eu odeio se comerem, naquele momento nem pensei, logo abaixei minha calça e cueca até metade de minhas coxas deixando meu membro exposto, começando a massagear a cabecinha de meu membro, lá fora, Jimin ainda chupava Jungkook e o mesmo ainda gemia, mas eu nem liguei.

Comecei a fazer movimentos de sobe e desce em meu membro, minha respiração já estava alterada, mas eles nem notariam que eu havia me "juntado" a eles, minha vontade de gemer já estava grande demais, mais me contive. Os gemidos de Jungkook estavam se intensificando, em algum momento Jimin deu um gemido que por mais que eu não quisesse eu havia amado aquilo, meus movimentos ficaram mais rápidos e eu estava quase em meu ápice, após mais algum tempo me masturbando gozei, e quando isso aconteceu eu dei um grunhido, e pelos gemidos de Jungkook o mesmo também havia gozado.

As roupas foram tiradas do chão e os dois se deram mais uns beijos, após isso saíram. Quando senti que a barra estava limpa sai descrente no que fiz, por mais que quisesse conter esse sentimento, havia gostado do que fiz e ainda queria ter ficado no lugar de Jungkook.

Nunca havia me masturbado por um garoto, mas não irei negar que não gostei.

Após levar os garotos  que ainda estavam no terraço pra suas devidas casas, fui pra minha, e naquela noite dormi pensando no que havia feito e principalmente, com raiva de mim.

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado

Querem que o próximo capitulo seja a visão de Jimin dessa noite ou algo assim?

Botem nos comentários

BJSSSS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...