História Heal Me - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, Suga
Tags Jihope
Exibições 47
Palavras 694
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - Carinho.


       Eu sai do quarto sem ao menos responder o Hoseok. Será que eu fui mal educado? Será que ele ficou bravo comigo? Depois eu peço desculpas, mas agora... eu preciso encontrar ele. Jeon JungKook.


           Quando Hoseok disse que tinha o conhecido na sala do Yoongi, eu não resisti. Precisava vê-lo com meus próprios olhos. Mas eu espero que seja ele mesmo... aquele Jeon JungKook. 


     Então, foi com esses pensamentos que eu sai do quarto e estava andando com passos rápidos pelos corredores da clínica para poder achá-lo. Se ele estivesse ali ainda, claro. 


          Mas eu não sabia nada. Eu sou um tolo mesmo. Preciso falar com Yoongi primeiro, certo? Certo. 


           Dei meia volta e fui à sala do Min. Eu já estava no andar da sala dele, então não demoraria muito mesmo. 


          Depois de poucos minutos, eu me vi ali. Na frente da porta daquela sala, e ao menos hesitei em dar pequenas batidas na mesma. Eu não posso chegar abrindo as portas que nem minhas são. Isso é falta de educação. 


          "-Entre... "-Yoongi disse dentro da sala. Como ele pode ficar enfurnado o dia inteiro ali? 


     -Yoongi... -eu disse já entrando, fechando a porta e indo me sentar na cadeira à frente dele.


          -Oh, Jimin. Que surpresa você por aqui... você quase não vem à minha sala... -disse o Min limpando seus óculos em seu jaleco branco. -Me diga, o que te traz aqui?


          -Eu soube que o JungKook veio aqui. O Hoseok me disse. Cadê ele agora? -perguntei um pouco nervoso. 


          -Ah, sim. Mas ele já foi embora, e ele veio saber de você sabia? Está com saudades, Jimin? -disse Yoongi segurando o riso. 


           -Sei lá... -eu disse. Eu estava um pouco pensativo. Afinal, JungKook veio me ver. Ou veio por Yoongi, por serem namorados, mas... será que ele veio me ver mesmo? Se for, eu estarei contente. 


∆∆∆


     Depois da curta conversa com o Yoongi, eu estava andando pelos corredores calmamente, pensando em JungKook e coisas aleatórias. Eu queria "sumir" como sempre faço, mas eu não podia. Eu prometi pro Hoseok que ficaria ali com ele. Mas se bem que, eu não sumo. Eu continua "preso" ali. 


     Quando eu vim pra cá, achei o lugar ruim. Não queria ficar, mas nunca arrenjei confusão, claro. Mas com o tempo, percebi que é um bom lugar pra mim. Melhor que minha própria casa. 


∆∆∆


     -Jimin... -Hoseok disse levantando da cama e sentando na mesma com as mãos sobre seu colo. Eu tinha voltado para o quarto. Eu precisava pedir desculpas por ter sido mal educado. 


          -Oi... -eu falei abaixando minha cabeça. Eu estava envergonhado. -Hoseok, me desculpa por sair assim... -eu me sentei ao seu lado e coloquei aos poucos minha cabeça sobre seu ombro e percebi Hoseok meio hesitante, mas mesmo assim não se afastou. 


          -Não faz mal, Jimin. Ahn... o que aconteceu? Não precisa falar, se você não quiser... -Percebi que Hoseok falou baixinho esta parte, e quase não o escutei.


          -Eu conto. Mas só se... 


          -Só se...?


          -Você me fazer carinho. 


       -O quê?! -Hoseok disse e se afastou de mim, assim eu cai com o rosto no colchão. 


        -Seok, é só um cafuné! -disse implorando de mãos juntas e quase choramingando. -Você é meu amigo. 


      -Mas é que- Hoseok diz já de pé e fazendo gestos com suas mãos.


     -Mas o quê? Você não me considera seu amigo, né? -falei olhando sério para ele. Claro que não faz anos que conheço ele, mas... somos colegas de quarto, precisamos ser amigos. 


          -Não é isso... 


     -Eu já entendi, Hoseok. -falei bravo e sai de sua cama indo para a minha, assim me deitando de costas pra ele. 


         Eu fechei os olhos na tentativa de dormir. Mas depois de alguns minutos, eu senti um peso ao meu lado, mas mesmo assim não fiz gesto algum, e senti uma mão quentinha sobre minha cabeça acariciando meus cabelos. Ah, isso é tão bom. Preciso fazer mais manhas para as outras pessoas. 


     Eu sei que quando estava quase dormindo, me virei bruscamente e abracei Hoseok com força, me aninhando em seu peito, com ele continuando suas carícias, e adormecei sendo afagado pelas doces mãos de Hoseok. 























Notas Finais


Estou tendo sérios problemas com o Spirit, desculpa a demora.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...