História Heart of a Ghoul - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Tokyo Ghoul
Personagens Akira Mado, Ayato Kirishima, Hideyoshi Nagachika, Hinami Fueguchi, Juuzou Suzuya, Ken Kaneki, Kishou Arima, Koutarou Amon, Nishiki Nishio, Renji Yomo, Rize Kamishiro, Shuu Tsukiyama, Touka Kirishima, Uta, Yoshimura
Tags Amor, Kaneki, Rize, Superação-evolução, Tokyo Ghoul
Exibições 64
Palavras 2.129
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Científica, Luta, Mistério, Policial, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente!
Para este capítulo eu criei dois personagens para serem os "subordinados" de Ayato, pois eu procurei, em tudo que é canto, dois personagens, homens para serem os aliados do Ayato mais não achei nenhum que se encaixa se do jeito que eu queria.
Então os criei, então não se estranhem se acharem eles estranhos, ok?
Espero que gostem! Sayonara!

Capítulo 8 - Confrontando o passado


-Kaneki-On

Aquilo estava sendo incrível! Rize estava linda, sorrindo, é difícil para mim imagina-la como uma Ghoul... uma garota tão bonita, paciva e calma! É ainda mais difícil, quando eu a vi se transformar, e ainda sim poder tomar coragem para beija-la mesmo assim, e dizer com todas as minhas forças que a amo!

-Rize-On

Kaneki havia ficado em silêncio, pensativo... me pergunto o que ele deve estar pensando, como alguém tão gentil como ele pode se manter tão calmo perto de um ghoul como eu? Se fosse outra pessoa iria se manter milhões de metros de distância, como?

Minha cabeça começou a se encher de dúvidas e medos... como? Como ele pode me amar, sabendo o monstro que sou? Se é que me ama... Ainda sinto o medo de que Kaneki me rejeite algum dia... Isto estava sendo uma coisa tão anormal, que parecia um sonho! Encontrar alguém que se importe comigo mesmo sabendo da minha realidade... Mas, será que ele não fez isso só para eu não o ataca lo? E se ele tiver dito tudo aquilo só para eu não matalo?

Não... Aquele medo... aquelas dúvidas, se continua se assim iria acabar chorando e isto iria durar um tempão para eu me acalmar...

-Rize?

Kaneki coloca levemente, sua mão em meu cabelo, e começa a acariciar meus cabelos de leve...

-Sabe Rize eu... eu estou muito feliz por estar com você!
Rize- Ahn...
-Saiba que eu te amo muito, e quero te la sempre ao meu lado!

Sua mão desceu para minhas costas, e me puxou até ele, fazendo com que nós ficássemos bem juntinhos. Depois eu me aconcheguei ao seu lado e o abracei, era quente, confortável, fazia com que eu sentise vontade de ficar presa a aqueles braços, ficar assim e nunca mais sair...

- Rize por mais de que eu já tenha visto como você é transformada, saiba que eu ainda te acho linda de todas as formas!
Rize- Kaneki-kun... (corei) Obrigada por ficar ao meu lado Kaneki-kun!

Era incrível como Kaneki sempre acertava quando estava triste, ou quando estava sendo atacada por meus medos e dúvidas... era reconfortante!

Depois de ficarmos um tempo Abraçados nós nos levantamos e admiramos o por do sol que havia se caido sobre nós. Era encantador, como se fosse um conto de fadas...
Logo voltamos para nossa caminhada, começamos a andar de mãos dadas... De repente algo me chama a atenção...

Era uma figura, de um homem alto, com cabelos curtos, marrons, escuros... e seus olhos... definitivamente conhecia aquele olhar! Não podia ser...

De repente aquela figura começa a se tornar muito familiar aponto de Rize cessar os passos e parar a caminhada.

- Rize o que foi?
______- Oi Rize! Quanto tempo não?
Rize- Você!? O que... o que você está fazendo aqui?
______- O que? Sentiu saldades?
Rize- Não... Katsuke?
-Você conhece ele Rize?
Katsuke- Oh lembrou do meu nome!
Rize-O que v-você quer? Se for me dar mais avisos do Ayato, pode deixar... não precisa se dar ao trabalho... eu não vou voltar!
Katsuke- Hum... mas como você é teimosa não é mesmo? Mas devo te dizer que não foi para isto que o Ayato me enviou! Eu vim te levar... querendo você ou não!

Não... ele... ele não pode fazer isso! De certa forma todo aquele momento, que antes parecia um sonho se tornou um pesadelo.
Eu tento fugir andando de macha ré, mas acabo me dando de encontro com uma pessoa... Não! Katsuke não estava sozinho... Tinha um outro cara, também muito alto, com cabelos bem longos, pretos e com algumas mechas cinzas, seus olhos eram negros...

Ware...

Rize- W-Ware?!?
Ware- Saldades Rize?
Rize- Não... vocês... me deixem em paz! Eu não vou voltar nunca mais para aquele lugar!
-Rize... Rize quem são eles?!

De repente percebo a presença de Kaneki... não! Eles não podem me levar agora... Kaneki...

Katsuke- que coisa feia Rize! Nem nos apresentou para seu amigo! Olha aqui carinha, meu nome é Katsuke e esse atrás de vocês é o Ware! Nós somos apenas velhos amigos da Rize, e viemos levala de volta para o lugar da aonde ela nunca devia ter saido... de nossa família!

- O q-que?

Rize- NÃO! (Choro) eu não vou voltar a viver com monstros como vocês nunca mais! NUNCA!

Estava tudo tão bem... não... porque estes vermes tiveram que voltar!?
Katsuke e Ware... eram como irmão mais velhos para mim quando meus pais... morreram. Eles quem cuidavam de mim, e me emsinavam como caçar... Não! Eu não quero voltar!

Ware- Chega de fugir Rize, esta na hora de você crescer! Você conhece o Ayato muito bem para saber que ele não é muito paciente, e saiba que com você a paciência dele já se esgotou!
Katsuke- Sim... Já está na hora de você crescer e aceitar a sua vida! Junto de nós!
Rize- Eu não vou voltar... e não importa o que digam! Estou cansada... cansada de ter que viver como monstros como vocês! Se alimentando de seus próprios amigos, traindo a confiança das pessoas para depois mata-las! Eu... eu não quero mais viver assim nunca mais!
Katsuke- Ok, mas como eu disse... querendo você ou não você VAI voltar consco! Nem que tenha que ser ferida...

Ele diz isso segurando meu pescoço... estava começando a me enforcar, estava ficando sem ar...

Rize- Me solta K-Katsuke!
Katsuke- Você pediu por isto! Agora você vai ter!
- Solta ela agora!

Quando consigo retomar oxigênio para respirar, percebo que Katsuke havia levado um soco de Kaneki. Kaneki havia se enfurecido... estava muito irritado!

-Kaneki-On

Eu já não conseguia ficar ali... parado, vendo aqueles idiotas, ameaçarem levar a Rize para longe de mim, seja para sei lá aonde querem leva-la... estava difícil ficar quieto só assistindo, ainda mais quando um dos infelizes começou a enforcar a Rize...

A minha Rize...

-Seus... como ousam feri-la! (Digo enfurecido, de fato aquilo mecheu com meus sentidos, fazendo com que eu ataca se imediatamente) Toque nela novamente e eu acabo com você!
Katsuke- ... (ele cospe um pouco de sangue) Hahahaha que fofinho... defendendo a namoradinha! Pena que não saiba com quem está mechendo!
Rize- Kaneki...

Rize ficou assustada com a reação de Kaneki, não esperava velo reagir desta maneira, apesar de não querer que ele se ferisse ao tentar salvala. Conhecia muito bem a força de Katsuke e de Ware, para saber que não era bom que Kaneki intervise agora...

- Eu sei muito bem... com quem estou mechendo! Com dois idiotas que não tem amor a vida!
Katsuke- hahahaha eu diria que o idiota que não tem amor a vida é você! Eu não sei se sua namoradinha disse mas ela é um Ghoul, e tanto ela com eu e Ware somos Ghouls!
- Han... eu sei o que a Rize é!
Rize- Kaneki... (este último comentário fez com que Rize fica se mais preocupada com a resposta que teria)
-E ao contrário de vocês a Rize não é um monstro frio, cruel e sanguinário... pelo contrário ela é a pessoa mais gentil e amável que conheço!
Katsuke- Tsc...

Aquele maldito...

Katsuke- isto é o que ela finge ser para você!
- O que?
Katsuke- ai ai... eu conheço Rize deisdo da morte de seus pais, eu vi ela caçar um humano pela primeira vez sem deixá lo ter mais do que uma opção... se entregar a morte! Você acha que eu nunca a vi fingir na frente de humanos? Hahahahah... tolo! Rize só está esperando a hora que você estiver simplesmente preso a suas mãos para te matar...
- Não... eu não acredito em você!
Rize- Para Katsuke! (Diz meio rouca em meio a lágrimas) Isto não é v-verdade! Eu nunca faria isto com o Kaneki... eu o amo!
Ware- como se você nunca tivesse usado está mesma estratégia com outra de suas presas...
Rize- Não! Isto é m-mentira! Eu... eu nunca fingi amar ninguém... eu... eu amo o kaneki!

Aqueles miseráveis... estavam fazendo com que a Rize chora se... era como uma tortura. Chega!

- Eu conheço muito bem a Rize, sei que ela é uma Ghoul, sei que ela... Já matou algumas pessoas para se alimentar... Mas mesmo assim! Rize se arrepende do que fez, e tenta mudar isto... evitando conviver ao máximo com as pessoas! E por isso a amo!
Katsuke- Own! Que bonitinho! Pená que precisamos ir... Ware...

Ele estrala os dedos e Ware me agarra por trás, predendo o meu pescoço com seu braço...

-Rize-On

Kaneki! Quando vi, Ware havia o prendindo por trás, Katsuke começou a andar em sua direção, mas antes eu o empurro e o pergunto...

Rize- Por que Katsuke? Por que está fazendo isto comigo...

Antes que eu pudesse terminar ele simplesmente ne dá um soco bem no rosto...

Katsuke- Rize... acorda! Você nunca pensou que se tivesse feito as coisas do jeito certo isto não estaria acontecendo?! (Ele me pergunta ironicamente) Você pediu para que isto acontece se agora você vai arca com as consequências!
Rize- Não! Para...

Eu tento impedi-lo de chegar ao Kaneki mas ele me empurra e eu caio... ele ia socar o Kaneki, mas antes Kaneki deu um pisão no pé do Ware fazendo o soltar, e depois o soca fazendo, com que ele perca o equilíbrio, e então dá um chute na sua barriga para ele cair. Katsuke soca a cara de Kaneki, e depois distribui chutes em seu estômago...
Eu tinha que parar isto... eu tentei segurar o braço de Katsuke para para lo mas ele me joga para longe...

Katsuke- Já chega desta brincadeira... Está na hora de acabar com isto!

As Kagunes de Katsuke começam a aparecer... ai... aquilo doia como o passado me atormentando, elas eram grandes, azuls escuras, como garras de uma fera... ele começou a distribuir ferimentos em Kaneki...

Kaneki não!

Eu tentei correr para salvar Kaneki, mas Ware, que havia se levantado, segurou os meus braços impedindo me de salvar Kaneki... Não! Não por favor...

Rize- Ware me solta!!
Ware- Não, está na hira de pagar pelos seus atos!
Rize- N-Não... Katsuke! Para!! Por favor... por f-favor... Para!

Comecei a chorar desesperada... se aquilo continua se seria o fim para Kaneki... não eu não posso perde lo... Ka... ne... ki...

Então Katsuke parou seus ataques, e o Kaneki... estava caido no chão, ferido... junto a uma poça de sangue! Não ele não podia estar morto! Ele não!

Rize- Kaneki!!
Katsuke- Pronto... ah... ahf... com isto e ele não poderá nem mais mecher um dedo!
Rize- Não... Kaneki!
Katsuke- Teria sido mais fácil se você tivesse vindo conosco quando te pedimos...
Rize-Seu...

Ware havia me soltado, assim que ele me solto eu cai ajoelhada, aquilo definitivamente devia ser um pesadelo... a pessoa que eu amava estava ensanguentada caída no chão, paralisada... Não!

Rize- Seu... seu MONSTRO!
Katsuke- O que?
Rize- INFELIZ! VOCÊ O MATOU!
Katsuke- Ah... ele iria morrer de qualquer jeito...
Rize- eu... eu te ODEIO! Você... Você matou... Você m-matou a única pessoa q-que se importava comigo...
Ware- Rize...
Rize- Vocês mataram a única pessoa que me amava... seus...
Katsuke- Rize ele é só um humano, existem vários por ai como ele!
Rize- Não... Ele era o ÚINCO QUE ME AMAVA DE VERDADE! E VOCÊ O MATOU! SEU MISERÁVEL!
Ware- Rize se acalma!
Rize- Me acalmar... eu vou MATAR VOCÊS!

-Kaneki-On

Ai... estava ferido, estava perdendo muito sangue... Katsuke havia se transformado em um Ghoul, eu não pude prever isto... agora olha par mim! Pude ver a Rize, estava chorando, estava... estava gritando desesperada com Katsuke... Aii.. que dor!

Eu tentei me levantar, mas estava muito ferido... eu voltei a olhar a Rize, ela estava desesperadamente triste, de repente seus olhos voltaram a mudar de cor, aqueles olhos vermelhos! E aqueles gritos, eram os mesmos gritos de dor e sofrimento daquela noite... em que Rize me contou que era um Ghoul... ela estava se transformando em um Ghoul! Aqueles tentáculos voltaram a surgir, era torturante ficar naquele estado vendo ela se transformar... por minha causa.

Katsuke- Rize!! Para... não somos seus inimigos!
Rize- Vocês mataram o Kaneki... da mesma forma que mataram meus pais... NA MINHA FRENTE! Ware- Rize acalme se ele está morto, vamos voltar agora!
Rize- Seus... eu quero que vocês vão para o INFERNO! Eu me recuso ir com vocês... seus MONSTROS!

Eles... eles acham que estou morto? Aii... tudo bem que estou ferido pra cacete, mas eu ainda tô vivo! Rize começou a atacalos, em um de seus primeiros golpes ela fez um buraco no estômago de Katsuke (referências!! Kkkk) fazendo jorrar muito sangue. Depois fez mais alguns cortes em Ware e começou a joga-lo de um lado para o outro... Rize estava descontrolada, ela ia mato los... merda e agora!? Preciso para-la, mas como? Como vou fazer isto?


Notas Finais


Bom gente! Aqui estamos! Capítulo 8
E agora? Katsuke ferrou com Kaneki, Rize está presa a uma série de lembranças e recordações cruéis, e está completamente perdida pela fúria! E agora?
Será que Kaneki vai conseguir parar toda está fúria?
Descobriremos nós próximos capítuloooos! Bye bye!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...