História Hello, Ugly Duckling! - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, Infinite, Lovelyz
Personagens BamBam, Dongwoo, Hoya, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, JR, Jungkook, Mark, Myungsoo (L), Personagens Originais, Rap Monster, Suga, Sunggyu, Sungjong, Sungyeol, V, Woohyun, Youngjae, Yugyeom
Exibições 286
Palavras 1.965
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Bishoujo, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


I'm here again antes do Hiatus da fic pq...sim! Hue

Sobre o cap:
1. Sungyeol, pare de falar besteiras, homem! Huehue
2. Katie é tão fofa defendendo seu "Yeol"....TuT
3.MyungSoo, o Yeol não é bastardo!
4. Rainha Kat Elisabeth = Uma personagem de uma futura fic, e...provavelmente com o Park Jimin! u.u
5. JB?!
6. JungKook, seu fofo, "totoso" da minha life! Don't give up, boy!
7. Ele devia mandar a mensagem ou não?!
8. I LUV U ALL! Obrigada pelos favoritos e os comments do cap anterior, prometo respondê-los o mais breve possível!

Capítulo 7 - Desculpas


Fanfic / Fanfiction Hello, Ugly Duckling! - Capítulo 7 - Desculpas

Katie Pov On~

—O que podemos fazer para o próximo projeto? Tirar fotos da natureza? Das pessoas? Da cidade? –Sungyeol pergunta

—O projeto é de vocês dois, pois decidam vocês. Eu nem deveria estar aqui, na verdade. Sou o Senior da Katie, não seu. –MyungSoo o retruca

—Omo! Mas você deve ajudar todos já que é idoso no local...

—Idoso é o seu pai! –Soo resmunga

—Omo, não vamos brigar, ne?! Somos todos amigos. –Falo pacificamente enquanto entrego a câmera para Myungsoo trocar a lente

Meu Senior pega a câmera da minha mão e caminha até uma mesa da sala vazia onde ele havia deixado sua mochila. Permaneço no mesmo lugar em pé, esperando a câmera de volta. Sungyeol e eu temos alguns projetos em dupla, e nem todos são em dupla, mas como ele é o único amigo que fiz na minha turma, eu e ele já andamos praticamente grudados um ao outro, só não ficamos no mesmo dormitório porque ele é um garoto e eu, uma garota, obviamente.

Espero pacientemente Myungsoo e o coreano já volta na minha direção encaixando a lente nova na câmera emprestada.

—Ne, eu preciso ir agora, tenho umas fotos para terminar. –MyungSoo fala enquanto coloca a lente da câmera na mesma, parando a minha frente

—Fotos do quê? –Sungyeol pergunta

—São de um projeto. –Meu Senior responde sem tirar seu foco da câmera em mãos

—Não perguntei isso, perguntei sobre o quê você vai tirar fotos...coisas? Paisagens? –Sungyeol insiste

—Uma garota do curso de Artes cênicas.

—Uma garota?! E você fala assim, na frente da sua futura namorada na maior cara de pau?! –Sungyeol pergunta surpreso

Volto a atenção para Sungyeol e o olho processando o que ele falou, e ao compreender, volto a olhar para o coreano a minha frente e encontro MyungSoo encarando o outro com uma expressão nada amigável e não contenho sorrir da situação.

—Que decepção... –Sungyeol comenta desapontado

—Ignore esse bastardo, ne?! –Soo fala voltando sua atenção para mim e me entrega a câmera

—Aish, não chame o Yeol de bastardo. –O retifico emburrada enquanto pego a câmera em mãos

—Ne! Me defenda, boneca fofa da minha vida! –Ouço Yeol exclamar

MyungSoo apenas me olha surpreso com minha resposta em defesa do outro coreano, mas apenas sorri incrédulo e se aproxima ainda mais de mim, se inclinando um pouco na minha direção para seu rosto ficar na altura do meu, o que era apenas poucos centímetros.

—Yeol...é...um...bas-tar-do. –Myungsoo fala pausadamente e esboça um sorriso de canto na intenção de me irritar

Contudo, eu não me irrito. Ao contrário de retrucar, apenas retribuo o sorriso.

—Ah...eu odeio você. É impossível irritá-la ou ficar irritado com você. –Myung fala após um suspiro e se afasta de mim –Ne, eu vou indo.

—Cuidado, Myungsoo...eu estou de olho em você! –Sungyeol fala sorrindo

Apenas rio junto ao meu amigo e Myung o olha com desaprovação, mas logo pega sua mochila e se retira do local sem nem se despedir.

—Também amamos você, Senior! –Exclamo num tom audível quando ele já se retirou da sala

—Não é recíproco! –O ouço retrucar

Rio da resposta e apresso Sungyeol para irmos logo fotografar nossa modelo e terminarmos com isso.

Decidimos que seria o mais simples possível: Uma garota, o jardim da faculdade e nossas câmeras. A modelo foi escolhida pelo meu parceiro já que eu não sou tão social assim.

Duckling!

Paro de tirar as fotos e levo uma das mãos no bolso do casaco, pegando o celular em mãos e desbloqueio a tela para ver de quem se tratava.

Rainha Kat Elizabeth: Ugly Duckling, eu estou confusa! Preciso da sua ajuda, por favor!

Suspiro e guardo o celular no bolso apenas para colocar a alça da câmera em volta do pescoço e deixar ambas as mãos livres. Volto a pegar o celular e logo digito uma resposta ao meu Patinho Feio necessitado.

(•͈⌔•͈⑅) Ugly Duckling: O que há?

Rainha Kat Elizabeth: Eu acho que gosto de uma garota!

—Aigoo... –resmungo ao ler a mensagem

—O que foi? –Sungyeol pergunta  

Volto minha atenção para o coreano e tento encontrar alguma resposta no seu rosto, o que obviamente não encontro. Meu parceiro apenas segura a câmera em mãos e me observa sem expressão.

—Você é gay, Yeol? –Pergunto pensativa

—O QUÊ?! Que pergunta é essa, Katie?! –Ele exclama assustado

—Ah, é só uma pergunta. Responde, por favor, ne?! –Falo esboçando um sorriso

—Aish! Que tipo de pergunta é essa?! Não sou obrigado.

—Eu só quero saber se você é. Se você o for, eu iria apenas pedir algumas informações para uma pesquisa on-line, ne?!

Sungyeol me observa sem expressão por um tempo, com estranheza.

—Anyo.  –Ele responde

—Oh, ne! Komawo. –Falo –Agora...porque não vai buscar algum lanche pra nós e a modelo? Por favor.

—Lanche?

—Eu vou pagá-lo depois, não se preocupe. –O aviso

Ele apenas sorri e balança a cabeça em desaprovação, logo o coreano deixa sua câmera sobre sua mochila em um dos bancos do jardim e não demora para se retirar do local, me deixando a sós com a nossa modelo.

A peço um minuto e me apresso em responder ao Ugly Duckling.

(•͈⌔•͈⑅) Ugly Duckling: Não fique preocupada se você está gostando ou não de uma garota, o importante é o que você sente por essa pessoa e o que ela sente por você, ne?!

Volto a guardar o celular no bolso e volto às fotos da coreana enquanto Sungyeol não voltava, entretanto, alguém interrompe meu trabalho.

—Katie. –Ouço a voz masculina chamar meu nome

Paro de fotografar e volto a atenção para a direção que escutei a voz, porém me surpreendo ao ver de quem se tratava, afinal, quem estava ali a minha frente era ninguém mais ninguém menos que o garoto que me humilhou há dias atrás.

Abaixo a câmera e volto a atenção para a modelo, evitando olhá-lo.

—Eu sou o JB e...bem, eu gostaria de falar com você, ne?! –O ouço novamente

—Sobre? –Falo voltando minha atenção a ele, com seriedade.

Percebo que ele se incomoda com minha postura séria e com toda a certeza deve ter entendido minha mensagem subliminar de: Vá embora, não quero ver sua cara!

—Ah...eu apenas queria...queria pedir desculpas, afinal, eu a humilhei de forma insensível e talvez um pouco cruel mas, sabe como é, certo? Você era um alvo fácil enquanto usava aquele lenço no rosto para todos, ne?! Bom, desculpa. –Ele fala hesitante

O observo incrédula com o que escuto, que tipo de desculpas é essa?!

—Katie?! –A garota me chama

—Ah, pode ir tomar uma água ou descansar um pouco, ne?! Eu a chamo para tirar o resto das fotos, ok? –Falo gentilmente

A garota assente e logo sai da sua posição, passa por mim mas ao passar pelo coreano, o vejo sorrir com malícia para a garota que o corresponde da mesma forma.

O olho incomodada com a palhaçada que presencio e então tenho certeza do “tipo” o qual estou lidando agora.

—Sejamos sinceros. –Falo chamando sua atenção para mim - Se fosse você no meu lugar, você aceitaria essas suas desculpas? –Pergunto

O coreano me observa atento, mas não se pronuncia.

—Honestamente, eu não sinto a mínima vontade de aceitar essas suas desculpas, pois eu vejo que não são sinceras, são apenas desculpas ditas da boca pra fora, não são? Porque alguém como você, egocêntrico e insensível, iria se preocupar em perder seu tempo em vir pedir desculpas a uma estrangeira feia e excluída socialmente?

Ele permanece em silêncio, mantendo sua atenção em mim mas aparentemente pensativo.

—Há uma explicação ou eu pensei certo?

—Quando eu a chamei de feia e tudo aquilo, eu não sabia o que havia atrás daquele lenço, eu errei quando disse tudo aquilo sobre você, eu pensei errado... –Ele começa

—Como assim, pensou errado?

—Você não é feia. E...eu sinto muito por aquilo, estou sendo sincero com você, eu juro! –O tal...JB, insiste

O olho atenta, cogitando sobre sua sinceridade. O coreano logo se aproxima ainda mais de mim e para a minha frente.

—Me desculpe, ne?! Podemos começar de novo nossas apresentações? –Ele pergunta sorrindo levantando uma das mãos e a leva na direção do meu rosto

—Yah! –Exclamo afastando sua mão de mim –O que pensa que está fazendo ou sequer falando?! Acha que sou tola? Seus pedidos de desculpas tem outro interesse, não é?!

—Katie?! –Ouço a voz de Sungyeol

Mantenho minha atenção fixa no coreano a minha frente com seriedade, e ele parecia ter se irritado com meu tom de voz ou com o fato de que o parei, mas não se pronuncia novamente;

—Suas desculpas já foram aceitas, se é isso que quer, ne?! Pode ir agora. –Falo agindo com indiferença e me volto para Sungyeol –Vamos terminar essas fotos outro dia, Yeol. O ambiente aqui já não me agrada mais. –Falo caminhando até minha mochila e a pego, colocando uma das alças e volto até Sungyeol, pegando um dos copos de chá que ele havia comprado pra nós

—Ah...ne... –Sungyeol fala meio perdido

Volto a atenção para o outro coreano que permanece no lugar e o vejo levar uma das mãos no cabelo e o bagunçar num gesto de irritação e frustração.

—Há algo mais que quer falar com a minha pessoa, senhor JB? –Pergunto educadamente chamando sua atenção de volta a mim

Ele me observa, notavelmente inconformado, e nega minha pergunta.

—Anyo. –Ele fala decidido

—Ne. Vamos embora, Yeol. –Falo ao meu amigo e o apresso para nos retirarmos do local

Katie Pov Of~

JungKook Pov On~

Termino de entregar os panfletos de hoje e caminho até um banco na praça e me sento no mesmo, me apressando em tirar aquela cabeça de urso da fantasia, a qual estava me matando de tanto calor.

Deixo a cabeça do urso ao lado e apoio um dos braços sobre o mesmo, suspirando pesadamente. O pior, é que segundo Suga, eu ainda preciso de mais dinheiro.

Me desaponto ao me recordar disso e jogo a cabeça pra trás num ação frustrada. Talvez eu devesse escutar o Jimin e desistir disso, seria muito mais fácil. Contudo...

—Ah...não desanime, Jeon JungKook! –Falo comigo mesmo –Você consegue, ne?!

Me recordo de algo e procuro pelo meu celular no bolso da minha fantasia, logo digito uma mensagem ao Ugly Duckling.

Lost Boy : O que está fazendo agora?

Espero a mensagem pacientemente, mas não demoro em receber uma resposta.

(•͈⌔•͈⑅) Ugly Duckling: Lendo um livro antigo, e você? Está precisando de ajuda com alguma letra de música?

Lost Boy : Ainda não. No momento estou ocupado tentando conseguir dinheiro para comprar algo, algo que vai servir como pedido de desculpas a alguém.

(•͈⌔•͈⑅) Ugly Duckling: Ne, esse alguém seria por acaso uma...garota?

Lost Boy : Ne!

(•͈⌔•͈⑅) Ugly Duckling: Oh, verdade?! Então você já superou o “medo de garotas”?

Lost Boy : Anyo, mas o medo é inexistente em relação a ela.

(•͈⌔•͈⑅) Ugly Duckling: Yah! Isso é ótimo! Ela deve ser muito bonita...Good luck! E se precisar, o Ugly Duckling vai estar aqui de qualquer forma, ne?!

Acabo sorrindo com a mensagem e volto a atenção para a frente já me sentindo melhor em relação ao que faço. Porém, a curiosidade surge novamente e volto a olhar para a tela do celular pensativo. Como deve ser o Ugly Duckling? Será que ela possui uma imagem tão terna quanto a estrangeira da faculdade? Será que ela é asiática ou não?

Cogito sobre perguntar algo em relação ao Ugly Duckling ainda pensativo, ainda chegando a digitar a mensagem.

Lost Boy : Ugly Duckling, como você realmente se chama? Qual o seu nome?

Observo a mensagem e a leio, releio e releio várias vezes, mas por fim, não sinto coragem o suficiente e a apago frustrado.

—Anyo.

JungKook Pov Of~


Notas Finais


SUNGYEOL = MELHOR AMIGO FOREVER! KOOK DEVIA MANDAR OU NÃO ESSA MENSAGEM? JB ESTÁ SENDO SINCERO OU NÃO? KATIE DEVIA ACEITAR OU NÃO AS DESCULPAS? TEM MAIS UM BOY NA DISPUTA? SERÁ? KAKOOK?(KATIE+KOOK) KASOO?(KATIE+MYUNGSOO) OU...JB? QUEM SABE?

Respondo os comments em breve, oks?! I promise! And...
ONDE ESTÃO MINHAS DILFS?! CADÊ VCS? FALEM COMIGO, NÃO ME DEIXEM SOZINHA AQUI...( T ^T) PLEASE, DON'T LEAVE ME...
Let me know, I'm here for you! TuT Eu leio todos os comments sempre, apenas não tenho muito tempo para respondê-los, mas sempre que posso, os respondo, ne?! Sem comments nós (Ficwriters) acabamos nos desanimando, ou pelo menos eu, aí some aquela vontade de atualizar a fic...( T ^ T) Prometo que responderei os comments! <3
Xoxo! <3 Love U all!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...