História Help Me - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Bts, Depressão, Drama, Jikook, Jimin, Jungkook, Yaoi
Visualizações 29
Palavras 3.025
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eu sei que provavelmente vocês devem estar querendo me matar por essa demora, peço sinceras desculpas por isso, eu tive vários problemas e entre eles não conseguia escrever nada que me agradasse.
Eu queria ter atualizado antes, mas prefiro demorar um pouco e fazer algo bem feito do que simplesmente jogar algo aqui que até eu não gostei.
Espero que me entendam, e boa leitura <3

Capítulo 10 - Forever?


Fanfic / Fanfiction Help Me - Capítulo 10 - Forever?

 

*Jimin pov

 

A semana passou normalmente ao lado do maior, não havia um dia sequer que não passávamos juntos, quando estava longe dele sentia como se estivesse faltando algo em mim.

 

A distância me fazia ter certeza que ele tinha uma parte do meu coração consigo, cada mensagem recebida me arrancava um sorriso único, que só aumentava quando via nossa foto na minha tela de bloqueio.

 

Não fazia ideia de como nossa relação tinha avançado tão rápido assim, mas como ele dizia, parecia que realmente tínhamos sido feitos um para o outro. 

 

Somos sinais contrários que ao serem somados se tornam o mesmo, somos aquela combinação que todos acham que nunca daria certo, dois polos opostos que se atraem mais do que dois iguais.

 

Eu sou a água e com ela apago toda a felicidade que pode existir perto de mim, mas ele é  o fogo e me faz borbulhar causando efeitos totalmente inovadores.

 

Nunca acreditei em coisas como o destino mas depois de conhecê-lo não consigo parar de pensar que estamos conectados por um fio vermelho, o fio vermelho do destino, Akai ito.

 

De acordo com essa lenda os deuses amarram um fio vermelho no mindinho das pessoas que estão predestinadas a serem almas gêmeas, desse modo aconteça o que acontecer e passe o tempo que passar, essas pessoas interligadas fatalmente irão se encontrar.

 

“Um fio invisível conecta os que estão destinados a conhecer-se…

Independentemente do tempo, lugar ou circunstância…

O fio pode esticar ou emaranhar-se,

mas nunca irá partir.”

 

Nossos fios se emaranharam muitas vezes, passamos por várias dificuldades, mas nunca nos separamos e agora estamos aqui lutando a cada dia que passa para que tudo fique bem.

 

ㅡ Jimminieeeㅡ O tom dele era manhosoㅡ Por favor me fale aonde está me levando!

 

Me segurava para não rir, se fizesse isso ele com certeza iria conseguir arrancar todas as informações que quisesse de mim. O moreno era muito minucioso, quando queria algo tinha suas ações todas calculadas para ter um efeito, desse jeito sempre conseguia o que queria.

 

ㅡ Se você fizer isso mais uma vez eu não te levo mais lá!

 

Um sorriso mínimo se fez presente no meu rosto assim que o mais novo no meu lado ficou em silêncio.

 

Jungkook era muito inteligente, ele conseguia tudo o que queria de mim da forma mais fácil possível, já que eu nunca resistia a ele e também não conseguisse dizer não. Até mesmo agora estava sendo difícil pra mim manter todo esse sigilo com ele  implorando desse jeito para que eu dissesse o nosso destino.

 

De repente senti minha cintura ser envolvida pelos seus braços fortes que me agarravam como se eu fosse a coisa mais importante de todo o mundo, seu queixo não demorou a ser apoiado no meu ombro e com esse simples ato eu me vi sem saída.

 

ㅡ Já estamos chegando seu chatoㅡ Falo rindo ao sentir vários beijos serem depositados pelo meu pescoço e maxilarㅡ Não precisa continuar com isso!

 

ㅡ Não estou fazendo isso para retirar informações de vocêㅡ Sussurrou no meu ouvido causando-me vários arrepiosㅡ Estou fazendo isso porque eu te amo.

 

Virei a cabeça para o lado e quando vi seu sorriso com dentinhos de coelho não aguentei, acabei por sorrir também fazendo meus olhos se tornarem apenas risquinhos.

 

Todas as vezes que um ''eu te amo'' era dito a mim eu sempre sentia meu coração bater rápido como se fosse estourar a qualquer momento, esse era mais um dos efeitos que ele tinha sobre mim.

 

Apesar de querer dizer ''eu também te amo'' ainda não conseguia dizer isso, sempre que tentava as palavras todas se embolavam na minha garganta e tudo o que se conseguir ouvir era a união de variadas palavras sem sentido algum.

 

Tinha praticado milhares de vezes na frente do espelho, lá as palavras saiam com tanta naturalidade porém na frente dele tudo era diferente, seus olhos castanhos fixos nos meus me deixavam nervoso a ponto de fazer minhas mãos suarem e percebendo isso ele começava um carinho na minha bochecha que contribuía mais ainda para minha tremedeira.

 

ㅡ Chegamos!ㅡ Anuncio na frente do abrigo soltando um muxoxo ao que o mesmo me soltou.

 

ㅡ Um..abrigo?ㅡ Seus olhos se fixaram em mim enquanto sua cabeça era tombada para o lado demonstrando que ele não tinha entendido.

 

Sem falar nada apenas peguei na sua mão o puxando para dentro. Na recepção cumprimentei a dona do local apresentando meu coelho a mesma que o tratou muito bem e como sempre, não perdeu a oportunidade de mandar uma piscadela para mim assim que o mesmo de distraiu olhando para um canto qualquer.

 

Sorrindo segui para a parte dos canis com ele logo atrás de mim, mesmo sem olhar o seu rosto sabia que ele estava completamente confuso, e óbvio que não podia culpá-lo por isso já que não tinha explicado absolutamente nada.

 

ㅡ Eu sempre quis ter um cachorro..mas o meu pai nunca deixouㅡ Suspirei, ele odiava o meu pai mas no momento não podia evitar falar dele já que ele faz parte de tudo issoㅡ Então a alguns anos atrás eu tive a ideia de trabalhar como um voluntário aqui, desse jeito eu iria estar perto dos animais que sempre amei e ainda ajudá-los.

 

Sentia seus olhos brilharem na minha direção, Jeon era realmente único, sempre quando eu revelava algo sobre mim ele ficava assim. Adorava ver as estrelas que seus olhos possuíam sempre que meu nome era mencionado, isso faz com que eu me sinta tão importante para o meu pequeno anjo.

 

Entrelacei nossos dedos sem nunca parar de sorrir, cada vez que eu mostrava um dos meus lados para ele me sentia mais leve por finalmente poder compartilhar minhas coisas com alguém. Ele não era apenas alguém que eu amava ou algo do tipo, ele também era o meu melhor amigo, a pessoa que eu queria que ficasse do meu lado para sempre.

 

Parei na frente do canil que estava sendo designado a mim pelos últimos tempos, não deu nem tempo de eu abrir a porta que a bolinha de pelos branca já voou para cima de mim fazendo com que eu me ajoelhasse no chão enquanto vários beijos eram diferidos no meu rosto.

 

ㅡ Eu também senti sua falta Keom-Keomiㅡ Não conseguia parar de rir por um segundo graças a sua animação contagiante.

 

A festa do animalzinho continuou até que Jungkook também adentrou o local fechando a porta, assim que ele olhou para o maior começou a se encolher no meu colo enquanto seu corpo dava pequenas tremidas.

 

ㅡ Ele era maltratado pela sua dona, então ele tem muito medo de pessoasㅡ Faço um carinho por toda a extensão do seu corpo numa tentativa de acalmá-loㅡ Eu fui a única pessoa que ele deixou chegar perto dele, e mesmo assim não vou dizer que foi fácil de conquistar eleㅡ Rio baixinho.

 

Jungkook ficou parado no meu lado sem saber o que fazer então eu peguei o pequeno cão no colo antes de levantar do chão.

 

ㅡ Keom-Keomi eu quero que você conheça uma pessoaㅡ Fiz um sinal com a cabeça incentivando o mais novo a tocar nele, e conforme sua mão ia se aproximando minha bolinha de neve se encolhia cada vez mais até que chegou ao ponto de não ter mais como fugir.

 

A mão de Jeon começou a acariciá-lo de forma delicada, com o tempo sua tensão foi diminuindo e quando isso aconteceu o entreguei ele para que segurasse o mesmo.

 

ㅡ Viu? Ele não vai te machucarㅡ Sorrio para o animalzinho que parecia já ter se acostumado com meu anjo.

 

Ele era realmente incrível, não tinha quem não gostasse dele ou quem não ficasse encantado pelo seu jeito único. Cada detalhe seu era magnífico e isso não estava encrustado apenas na sua aparência, também estava na sua personalidade genuína.

 

Não demorou muito para o cão dormir nos seus braços e o seu sorriso quando isso aconteceu me fez sorrir também.
 

ㅡ Parece que ele realmente gostou de você.

 

ㅡ Verdadeㅡ Seus dentinhos de coelho ficaram mais amostra aindaㅡ Jiminnie..ele é muito especial pra você, não é?

 

Concordei com a cabeça

 

ㅡ Desde que ele chegou aqui não consigo fazer outra coisa que não seja cuidar dele já que ele não deixa os outros chegarem perto, toda a vez que eu chego e vejo a festa que ele faz pra mim uma felicidade única toma conta de mim mas toda a vez que tenho que ir embora..é tão triste encarar ele com seus olhinhos brilhando em expectativa de que eu vou levá-lo junto comigo..eu queria tanto poder cuidar dele..

 

Abaixei minha cabeça ao que senti meus olhos ficarem marejados, nunca tinha falado com ninguém tão abertamente sobre meus sentimentos ligado a algo que eu gosto de verdade, falar isso foi um pouco duro por me fazer relembrar a realidade..mas mesmo assim foi bom.

 

ㅡ Ei ei não se preocupe pequeno, tenho certeza que você ainda vai conseguir adotar eleㅡ Senti sua mão no meu rosto fazendo com que eu o olhasseㅡ Não chore meu amor..ㅡ Selares singelos foram depositados na ponta do meu nariz e testa.

 

Como sempre ele conseguia me animar como ninguém, segundos depois eu já estava sorrindo novamente. 

 

E assim se resumiu minha tarde, em eu e Jeon brincando com o pequeno cãozinho que parecia alegre por ter feito mais uma amizade.

 

Mais um dia tinha se passado e como sempre a sensação de que meu coração estava sendo roubado pelo moreno estava presente, a cada sorriso, gesto, olhares, carícias, a cada mínima coisa eu podia sentir meu interior queimar e tudo isso por causa dele.

 

Eu quero ficar com você para sempre.
 

 

***
 

 

Estava deitado com Jungkook na cobertura do seu prédio, a vista das estrelas daqui era perfeita, parecia que não havia mais ninguém no universo que não fosse a gente. Apenas eu, ele, e o nosso amor que serve como guia quando as coisas estão difíceis.

 

ㅡ Jiminnie, você tá com frio? Não quero que pegue um resfriadoㅡ Ele me puxou para mais perto de si acomodando minha cabeça no seu peitoral enquanto puxava mais os cobertores.

 

ㅡ Não tem como sentir frio com você me abraçando desse jeitoㅡ Sorrio passando meus braços pela sua cintura.

 

Uma de suas mãos parou nas minhas costas enquanto com a outra um carinho era feito nos meus fios fazendo meu corpo amolecer, as carícias do mais novo eram as melhores de todo o mundo.

 

ㅡ Desse jeito você vai me fazer dormir!ㅡ Reclamo formando um biquinho com meus lábios.

 

Meu rosto ficou completamente ruborizado assim que senti seus lábios tocarem os meus de surpresa, escondi meu rosto no seu peito tentando ignorar seus risos que enchiam meus ouvidos me dando vontade de rir também.

 

ㅡ Você é tão fofo pequeno..sou realmente muito grato por ter aparecido na minha vida..ㅡ Assim que ouvi essas palavras ignorei toda minha vergonha e levantei meu rosto de forma que ele ficava frente a frente com o maiorㅡ Sabe..eu sempre lia sobre lendas como Akai ito e pensava ''como isso é possível? Significa que eu não posso nem escolher por quem vou me apaixonar porque já tem alguém amarrado a mim? Isso é muito injusto''ㅡ Acabei rindo porque ele imitou uma voz de criançaㅡ Mas pensando agora..injusto é não encontrar a pessoa a quem estamos amarrados, eu não consigo mais imaginar minha vida sem você, sem ver o seu sorriso maravilhoso que faz os seus olhinhos fecharem, sem ver suas bochechas ficarem rosadas sempre quando faço algo inesperado, sem poder segurar suas mãozinhas pequenas que são completamente cobertas pelas minhas, sem poder cuidar de você, sem poder te fazer carinho, sem poder te ver feliz, e principalmente..sem poder te amar.

 

A essa altura meus olhos já começavam a ficar marejados, ninguém nunca tinha se declarado para mim antes de forma tão espontânea e verdadeira, até porque eu nunca tinha recebido uma declaração sequer. 

 

Suas palavras estavam atingindo em cheio meu coração fazendo ele bater mil vezes mais rápido, meu corpo dava pequenas tremidas e por achar que eu estava com frio ele me abraçou mais forte ainda.

 

ㅡ Jimin..do fundo do meu coração eu te amo e te peço que por favor nunca me abandone, eu nunca me senti tão forte no lado de alguém como me sinto no seu..desde que te conheci me sinto uma pessoa melhor e tudo isso porque você me inspira, você faz com que eu queira mostrar o melhor de mim para o mundo a todo o momentoㅡ Seus olhos estavam fixos nos meus e seus lábios possuíam um sorriso únicoㅡ Eu te amo..e não precisa chorar meu amor.

 

Sem pensar duas vezes capturei seus lábios, no início era um simples selar casto, mas logo tratei de aprofundar o beijo para que ele se tornasse algo tão intenso quanto meus sentimentos por ele. 

 

Meus braços contornavam seu pescoço enquanto suas mãos seguravam minha cintura, nossas línguas se enlaçavam num turbilhão de sentimentos que era dividido por nós dois. Estávamos numa harmonia tão grande que parecíamos até uma única pessoa.

 

Quando o beijo teve que ser desfeito pela falta de ar aproveitei para deixar vários selinhos na sua boca avermelhada.

 

Assim que meus olhos foram abertos me arrepiei ao sentir a intensidade de seu olhar sobre mim, seus dedos foram para o meu rosto limpando algumas lágrimas de felicidade que caiam por ali.

 

Voltei a deitar no seu peito agora observando a imensidão do universo.

 

ㅡ Eu me sinto tão infinito desse jeito com você, antes a única coisa que eu queria fazer era desaparecer..mas agora eu quero ser infinito com você, eu quero estar para sempre no seu lado porque você é a pessoa que eu escolhi para ficar comigo até o fim da minha vida, para sempre.

 

Sorri animado por finalmente ter conseguido demonstrar meus sentimentos por Jeon não só com gestos, mas também com palavras que poderiam dar para ele a certeza de que precisava. E eu soube que deu certo quando senti seu selar na minha cabeça e seus braços me apertarem com mais força ainda.

 

Voltei meu olhar para o céu que foi cortado por uma estrela cadente que me fez levantar animado.

 

ㅡ Kookie, kookie, kookie! Olha uma estrela cadente!ㅡ Apontoㅡ Faz um pedido rápido!ㅡ Peguei na sua mão entrelaçando nossos dedos enquanto fechava meus olhos com força para mentalizar o meu pedido.

 

Eu desejo poder ficar ao lado de Jungkook para sempre.

 

Fiquei um tempo com os olhos fechado até que o mais novo me abraçou por trás sussurrando no meu ouvido.

 

ㅡ O que você pediu?ㅡ Acomodei minha cabeça na curvatura do seu pescoço.

 

ㅡ Não posso falar, se não não vai acontecerㅡ Sorrio.

 

E assim ficamos por um bom tempo, abraçados, com o calor do nosso amor nos envolvendo causando mais uma vez aquele efeito bolha onde parecia que só existíamos nos na galaxia.

 

Não iria me importar se isso fosse verdade, com o maior no meu lado eu nunca me sentia sozinho, muito pelo contrário, me sentia protegido como nunca. Sempre que seus braços fortes me seguravam sentia como se fosse o seu mundo, e por isso me esforçava para ser o melhor mundo de todos e isso exclusivamente para ele.
 

Mabataki ga kaze o yobu hohoemi ga 

O brilho das estrelas chama o vento

Zawameki o keshi saru 

Seu sorriso apaga o barulho

Anata no me ni sumu tenshi ga sasayaku 

O anjo em seus olhos sussurra

Subete ga ima hajimaru to 

Que tudo está começando agora
 

 

Can you feel it now?Can you feel it now? 

Você pode sentir agora? Você pode sentir agora?

Nami ni nomikomareta youni 

Como sendo engolida por uma onda

Pulling on my heart.Pulling on my heart 

Puxando meu coração. Puxando meu coração

Iki o tome te o nobashite 

Eu prendo minha respiração e agarro sua mão
 

 

Baby kono sekai wa 

Baby, este mundo está

Kinou to wa chigau 

Diferente de ontem

Anata no kotoshi ka mienai 

Não consigo ver ninguém além de você

Baby my wish on a wing 

Baby, meus desejos estão em asas

Kono sora o saite 

Que rasgam o céu

Afureru hitotsu no kotoba de 

Em uma palavra que transborda
 

 

Kagayaki o tadoru shisen mayowazu 

Meus olhos seguem a luz

Anata e hashiru no ni 

Correndo sem hesitação em direção a você

Tachitsukumu kokoro tame iki o tsuku 

Meu coração petrificado suspira

Marude nagai tabi no you de 

Como se estivesse em uma longa jornada
 

 

Can you feel it now?, can you feel it now? 

Você consegue sentir agora ? Você consegue sentir agora?

Toki wa majou ni nagare--teku 

O tempo passa sem clemência

Pulling on my heart, pulling on my heart

Puxando meu coração. Puxando meu coração.

Kono omoi tokihanashite 

Eu liberto meu amor
 

 

Baby mou mirai mo 

Baby, não preciso de um futuro

Yakusoku mo iranai 

Ou de promessas

Anata ga soko ni iru dake de 

Enquanto você estiver aqui

Baby my wish on a wing 

Baby, meus desejos estão em asas

Kono koe wo tobase

Transmita essa voz

Furueru hoshi o tsukinukete 

E deixe que ela se espalhe através das estrelas sem brilho
 

 

Do you feel on me, do you feel on me now? 

Você consegue me sentir? Você consegue me sentir agora?

Do you feel on me, do you feel on me now?

Do you feel on me, do you feel on me?

 

Do you feel on me?

Baby kono sekai wa

Kinou to wa chigau

Anata no kotoshi ka mienai

Baby my wish on a wing

Kono sora o saite

Afureru hitotsu no kotoba de

Baby mou mirai mo

Yakusoku mo iranai

Anata ga soko ni iru dake de

Baby my wish on a wing

Kono koe wo tobase

Furueru hoshi o tsukinukete
 

 

O que o pequeno Jimin não sabia, era que Jungkook tinha pedido a mesma coisa que ele para aquela estrela.

 

Será que os seus desejos vão se tornar realidade? Será que o destino vai ser tão bom assim com eles?

 

Apesar de não pensar em nada disso, no fundo da mente do alaranjado ressonavam as seguintes palavras ''Eu te amo Jungkook''.

 

Cuidado com o destino, ele é imprevisível.


Notas Finais


Mais uma vez, me perdoem por toda essa demora ;-;
Espero que tenham gostado, até a próxima meus bolinhos <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...