História Hentai-INTERATIVA - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Bia, Castiel, Charlotte, Dakota, Debrah, Iris, Kentin, Kim, Leigh, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Peggy, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Violette
Tags Amor Doce, Hentai, Incesto, Interativa, Lemon, Yaoi, Yuri
Exibições 1.208
Palavras 1.137
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Obs: As personagens desse Hentai são irmãs. A Ana tem 19 anos, e a Victória tem 16 anos, então aproveitem.

Leiam as notas finais.

Imagem aleatória da melhor série do mundo! S2

Capítulo 9 - Yuri -Ana e Victória


Fanfic / Fanfiction Hentai-INTERATIVA - Capítulo 9 - Yuri -Ana e Victória

~~~~~~~~~Ana~~~~~~~~~

Eu estava deitada de bruços em minha cama com um vento forte batendo em meu corpo me causando arrepios, eu estava completamente exitada depois de ter visto um filme erótico, queria satisfazer meus desejos em alguém mas à essa hora não teria como chamar ninguém pra vir pra cá. Pensei em alguém da minha casa, isso é errado? Sim, mas eu preciso. Tinha minha mãe que tinha suas enormes nadegas e uma borca carnuda que só por Deus. Tinha meu irmão, mas ele não é fácil de deixar levar, ele fica pra outra hora. Tinha minha irmã, com seus enormes peitos, redondinhos e rosados, suas nádegas era quase do mesmo tamanho que à da mãe, suas coxas extremamente grossas. Sim seria minha irmã, nesse momento coloquei a camisola vermelha bem justa que fazia meus peitos quase todo ficar à mostra, ele era bem curto, ficava mostrando uma parte da minha lingerie também vermelha. Me direcionei até o quarto da minha irmã e abri a porta devagar.

-Vick, tá acordada?-Ela se virou pra mim e me fitou, não deixando de corar.

-O que foi Ana?-Ela falou sentando na cama. Sentei ao lado dela.

-Posso dormir aqui com você?-Perguntei fazendo uma voz sexy.

-Nã-Não tem pro-problema nenhum.-Ela se virou ficando de costas pra mim, eu aproveitei e cheguei mais perto dela passando meus peitos na sua costa e minha coxa em no meio de suas nádegas e mordi o lóbulo de sua orelha fazendo ela soltar um leve gemido.-O-oque está fazendo A-ana?

-Preciso me satisfazer e hoje você vai ser meu brinquedinho Victória...-Falei de uma forma bem psicopata e sexy ao mesmo tempo, e fiquei por cima dela.

-O-O que?-Ela falou um pouco corada e assustada.-Vocêê..-Ela gemeu quando eu passei a língua em seus pescoço e roçei meu joelho na sua intimidade.

-Fica quietinha aqui...-Peguei o lençol que a mesma estava coberta e amarrei seus pulsos na cabeceira da cama. Fui até meu quarto e peguei minha maleta de "brinquedos", voltei ao quarto da minha irmanzinha e a vi se debatendo na cama.-Não precisa ficar assustada. Só vamos brincar...-Falei pegando uma mordaça na maleta e colocando em sua boca, peguei um vibrador em forma de pénis, era grande e grosso. Sentei na frente da mesma e abrir as pernas, começando à adrentar aquele vibrador na minha intimidade. Ela olhava aquilo assustada e bem surpresa. Começei a enfiar fundo e devagar, me fazendo gemer loucamente, começei a fazer mais rápido e depois de um tempo cheguei no ponto certo, então liguei o vibrador e começei a massagear meus peitos, logo em seguida quando eu percebi que ia gozar, tirei o vibrador e gozei em cima do meu brinquedinho, tirei o vibrador e guardei na maleta.

-Qual brinquedo usarei agora?-Falei passando a mão em todos os meus brinquedinhos.-Que tal esse!-Peguei um chicote.-Você vai adorar.-Falei deitando ela de costas pra mim e ficando por cima dela, começei a retirar sua camisola e à botei de quatro com a bunda empinada. Chicotiei sua nádega esquerda com força, sem dó, ela se estremeceu e quase caiu mas eu a segurei pelos seios e começei a massagear os mesmos, beijando suas costas nua, e seu pescoço, dando chicotadas fortes em suas nádegas. Parei de massagear e chicotar minha irmanzinha, peguei meu vibrador mediano, ela me olhou assustada. Então eu retirei sua calcinha e começei a lamber sua entrada, prensando bem suas nádegas no meu rosto, quando já estava pronto pra receber meu brinquedinho eu parei e lambela, e começei a adrentrar o vibrador no seu anus, mas antes havia retirado sua mordaça, queria ouvila gemer.

Ela estava gemendo loucamente, não sei se era de dor ou de prazer, mas sei que eu fudia ela rápido e fundo, ela havia gozado duas vezes, então eu aumentei a velocidade e a profundidade das estocadas, aí ela se contorceu e soltou um gemido alto e estridente, retirei o vibrador e ela havia gozado novamente, deitei ela com a barriga pra cima e lambi toda sua intimidade e à beijei massageando seus peitos com força, parei de beija-la, e coloquei dois dedos em sua intimidade fazendo movimentos circulares e profundos, só se ouvia nossos gemidos pelo quarto. Eu parei e masturba-la e sentei na sua cara colocando minha intimidade em sua boca, ela não fez nada então eu comecei a rebolar e puxar seus cabelos prensando mais ela em mim.

-Vá! Me proporcione prazer irmanzinha!-Então ela começou a lamber minha intimidade e enfiar sua língua fundo em movimentos aleatórios. Depois de um tempo com ela me masturbando com a língua, gozei em sua boca e ela engoliu tudo.

Peguei outro vibrador agora o mais grosso, e adentrei o mesmo em sua intimidade fazendo ela gemer muito, fazia movimentos rápidos e fundos, ela gemia meu nome a cada estocada. Depois de um tempo ela gozou e eu lambi tudo.

Agora eu soltei sua mãos e a entreguei o vibrador.

-Agora você me proporciona prazer irmanzinha.-Ela me olhou maliciosa e adentrou aquele vibrador sem dó em mim e fazia movimentos super rápidos e fundos, eu estava revirando os olhos de tanto prazer e gemia seu nome freneticamente, ela me beijava e continuava com os movimentos. Eu gozei então ela tirou o vibrador de minha intimidade e limpou tudo com sua língua. Depois adentrou o vibrador no meu anus, aquilo era delirante, ela deixou ele no ponto certo e o ligou, vindo lamber minha intimidade com sua língua maravilhosa, eu gemia loucamente e dava chicotadas em suas costas e nádegas, arrancandos gemidos de dor e prazer dela e Isso me exitava mais, gozei duas vezes seguidas, ela lambeu e passou o vibrador pelo gozo e enfiou na minha boca fazendo movimentos de vai e vem e esfregando nossas intimidades, seus peitos subiam e desciam.

Agora nós estávamos nos esfregando uma na outra e apertando nosso seios.

-Anaaa...Eu...aaarh... não....mais...-Ela parou e se jogou do meu lado cansada e ofegante. Eu ainda queria mais, então subi em cima dela e peguei um vibrador duplo, que fudia ela na frente e atrás ao mesmo tempo, ela gemia muito, e eu a beijava. Depois de um tempo ela gozou e eu também. Eu caí ao seu lado ofegante, e ela estava pior do que eu.

-Gostou irmanzinha?-Falei com uma voz maliciosa e ofegante.

-No começo eu estava morrendo de dor e não estava aguentando, mas depois eu explodi de prazer. Você é deliciosa.-Ela falou encarando o teto.

-Você também tem uma língua maravilhosa. Agora eu vou voltar pro meu quarto, é melhor você arrumar isso tudo brinquedinho. Até a próxima.-Falei me vestindo e saindo do quarto, deixando a mesma sozinha.

Como não dá pra escutar nada do lado de fora do quarto, então não teria que me preocupar se alguém ouviu. Voltei pro meu quarto, tomei um banho e me deitei. Foi uma noite maravilhosa...


Notas Finais


Espero que tenham gostado.

Desculpem pela demora, teve muitos eventos e trabalhos na escola. E eh queria me aprofundar mais nos meus estudos pra no fim do ano ficar de férias sem ir pra recuperação e poder fazer vários capítulos das minha fanfics e começar um novo projeto muito maravilhoso. Então é isso.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...