História Hermione Black Malfoy - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Bellatrix Lestrange, Draco Malfoy, Gina Weasley, Hermione Granger, Lucius Malfoy, Narcissa Black Malfoy, Rodolfo Lestrange, Tom Riddle Jr.
Tags Tomione
Visualizações 107
Palavras 1.452
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Ficção, Ficção Científica, Magia, Romance e Novela
Avisos: Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Hey ! Voltei

XOXO

Capítulo 3 - Capitulo 3


De manhã acordei com o sol na minha cara e me levantei me espreguiçando, é engraçado como as coisas são, a 2 ano atrás eu nem imaginava que era adotada e agora as coisas estão bastante diferentes adoro minha vida logo começarei o sétimo ano e ainda tenho que me acostumar com as coisas que eu perdi nos dois anos. Foi um choque saber que dias depois dos comensais terem invadido Hogowarts eles tinham sido capturados, foram os dias em que fiquei de cama recuperando minhas forças e logo depois meu pai foi tirado de lá junto com minha tia. Tom me contou que pretende invadir a escola novamente, mas eu disse que eu queria voltar, então rolou uma pequena briga que não durou muito porque Tom sabia o quanto sou persuasiva, e aqui estou eu em Hogwarts com Gina e Isa e Draco, Gina me contou que Fred e George contaram para ela que o cenoura e o Potter fugiram com Luna a procura das Hoxcruzes falei para Tom do que está acontecendo e  o mesmo disse que é para ficar bem que ele daria um jeito, o estranho é que já se passaram semanas e meses desde que voltei e nem uma notícia dele, estou cada vez mais com medo de que algo possa ter acontecido. Estava com Gina e Draco no salão da Sonserina quando escutamos uns estouros saímos correndo e vejo Isa duelando com um membro da ordem, o estuporo e começamos a lutar corremos para cima e vejo meus pais e os pais da Gina e da Isa duelando e vejo que Tom e Potter duelavam, sentia o pior estava indo na direção dos meus pais quando o pior aconteceu Tom foi morto. Gritei o vendo caindo e corri até o mesmo e chorando e vi Gina chorando abraçada a Rodolpho, percebi que o Potter ainda apontava a varinha na minha direção e quando percebi ele já tinha lançado um feitiço pior é que bem nessa hora o anel que tom tinha me dado de namoro brilhou forte o que me fez ficar tonta e desmaiar.

1944- Hogwarts

Prov Tom

Era mais um dia tedioso em Hogwarts não havia nada para se fazer estava com meu comparsa e amiga Abraxas, quando uma versão feminina de Abraxas cai do nada na entrada de Hogwarts, como monitor chefe eu a peguei e fui com Abraxas leva-la para enfermaria enquanto Abraxas foi avisar o nosso diretor enquanto eu fiquei velando o sono da garota enquanto  a madame porfy foi fazer sei lá o que foi quando tanto o professor como o diretor chegaram e ficaram intrigados, foi então que ela se mexeu e resmungou algo que não entendi, e ela abriu os olhos, até nos olhos ela era parecida com Abraxas, ela passou os olhos ao redor de todo local e seus olhos pararam em min, a única coisa que eu vi antes de ser abraçado foi uma cabeleira loira se levantar da maca e se jogar pra cima de min e  me abraçando forte ela resmungava coisas meio sem nexo e diretor disse.

-Senhorita. Ela se desgrudou de min e disse.

-Riddle, Hermione Black Malfoy Riddle. Engulo em seco junto com Abraxas e o velhote do Dumbladore fala.

-De que ano a senhorita é? - Ela sorriu e disse.

-1997, Diretor Dumbladore. O velhote sorri o que faz o diretor Dipp ficar com uma cara feia e o mesmo fala.

-Então senhorita Riddle, sabe que está no passado não sabe? - A garota fica envergonhada e fala.

-Sei! E me desculpe pelo abraço Tom, mas é uma longa história que pretendo contar em breve e quando a minha casa sou Sonserina, bem era para eu ser se o diretor do meu ano não fosse louco o bastante para me tirar dos meus pais. Dumbladore a olha e a mesma revira os olhos e Dipp a leva para sua sala enquanto eu e Abraxas vamos desnorteados para o salão principal, o estranho é que quando ela me abraçou me senti calmo e tranquilo ao lado dela. Chegamos e Walburgia já veio enchendo a paciência, quando o diretor Dipp chegou com ela logo atrás a menina vestia o uniforme da escola, mas não tinha a gravata ainda, foi então que Walburgia fala.

-Eu estou louca ou estou vendo uma versão feminina de Abraxas? - Rimos da cara do Malfoy e o diretor disse ou melhor gritou.

-SILÊNCIO, hoje recebemos uma visita inesperada de alguém do futuro, seu nome Hermione Black Malfoy. Ela deu um sorriso macabro e quando o chapéu foi colocado em sua cabeça o mesmo logo gritou.

-SONSERINA. Ela sorriu e veio desfilando e uma gravata da cor verde apareceu em suas mãos e ela colocou e se sentou ao meu lado, essa garota quer me ver perde o juízo, ela sorriu e Walburgia fala.

-Você é alguma parente minha do futuro. A loira ri e fala.

-Você é minha Tia avó, sua irmã é minha avó. Druella a olhou e disse.

-Eu sou sua avó?- A loira faz que sim e fala.

-Por parte de mãe já que por parte de pai é o loiro ali. Abraxas engole em seco e fala.

-Tinha que ser minha neta no futuro mesmo, já que é minha versão feminina. Ela riu e disse.

-Eu não acho, meu pai fala que sou mais a versão feminina dele. Rimos de Abraxas e falo só para ela ouvir.

-Vai me explicar o porquê do Riddle. Ela sorri e fala do mesmo jeito que eu.

-Com certeza, me encontre na câmera secreta, na verdade irei te mostrar. Sorrio e concordo sem me importar em saber como ela sabe da câmera secreta. Depois do jantar levei os novatos para o salão da Sonserina e percebi que ela me esperava, vi que um primeiranista estava rindo de uma menina e percebi que a loira a abraçou e escutei o que ela disse.

-Não ligue para o que ele fala, você é uma mestiça linda, seus pais têm orgulho de você ser quem é. A menininha sorrio e entrou no salão da Sonserina e ela me olhou e sorrio e fomos para câmera secreta, percebi um anel em seu dedo e fiquei confuso, ela segurou minha mão temerosa achando que eu iria recusar, mas segurei sua mão firme e quando chegamos dentro da câmera secreta, Noxy apareceu e ela foi para atrás de min e disse quando eu a encarei.

-Eu não tenho boas lembranças do meu segundo ano com essa cobra.  Concordo e mando a cobra de volta para seu lugar e me viro para ela e encaro seus lábios entre abertos, sou puxado para mais perto e sinto seus lábios no meu.

Prov Hermione

Percebi que ele não correspondia, me soltei dele e me virei, droga Hermione tenta se tocar que ele não é seu Tom ele é desse tempo você que é a estranha aqui. Sinto meus olhos começarem a marejar e sou abraçada por trás, eu queria tanto meu Tom de volta, meu amado Tom. Soluço e sou aparada por ele sinto sua respiração em meu pescoço e me arrepio e sinto beijos em meu ombro e me arrepio mais ainda.

Me viro e sinto seus lábios no meu, correspondi o puxando mais para min, com a falta de ar sinto seus lábios em meu pescoço e solto um gemido e sou pressionada mais em seu corpo e sinto sua ereção em minha barriga, fico na ponta dos pés e me movimento e percebo que ele soltou um gemido em meu ouvido, suspiro e falo.

-Pre...preciso te... te con...tar. Ele me beija e fala.

-Não precisa, eu já vi tudo, você é especial, mesmo que eu não te conheça nesse tempo me sinto à vontade com você. Ele continua me beijando e quando vejo estou sem camisa e ele também, quando paramos o beijo e falo.

-Como vamos voltar?- Ele sorri e fala.

-Tem uma passagem por aqui que leva para o meu salão e para o salão da Sonserina. Suspiro e o beijo e falo.

-Vai ter que esperar mais ainda, não é só porque você mal me conheceu que eu vou me entregar para você. Ele ri e fala.

- Vamos com mais tempo, minha namorada. Sorrio e vamos ele me leva até a entrada de um quadro que dá para dentro do salão da Sonserina e me despeço com um beijo na bochecha  e ele vai para o outro caminho e entro e vou para a ala feminina e vejo que eu tinha um quarto só para min abro o mesmo e deito na minha cama depois de me arrumar para dormir e durmo, pensando em como será daqui para frente.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...