História Hermione e a Tragédia de Hogwarts - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Hermione Granger
Tags Aventura, Drama, Harry Potter, Hermione
Exibições 13
Palavras 1.067
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - De volta a Hogwarts


Suas mãos estavam trêmulas e o suor que transparecia em seu rosto, deixava claro que algo de muito errado acontecia naquele momento. Hermione respirou e olhou ao entorno. Conhecia bem aquele lugar, já que passara metade de sua vida perambulando por aquelas escadas e corredores. Mas havia algo de estranho no ambiente. Continuava olhando atentamente a sua volta e notava novamente aquele clima pesado, um tanto mais escuro, aterrorizante. Já não podia ficar parada ali. Tratou então de começar a andar pelos escuros e assombrados corredores de Hogwarts em busca de alguma alma viva para esclarecimentos acerca de tudo. Aparentemente constatou que o castelo parecia há muito tempo estar abandonado. Delírio de sua cabeça! Hermione sabia que, mesmo durante o periodo de férias escolares, todos os funcionários continuariam trabalhando por ali, ou deveriam.. Então exercitou sua lógica aguçada.

-Em algum lugar esses funcionários deveriam estar! Sussurou..

Naquela altura, o receio era grande, mas mesmo assim não se deixou abalar pelo medo. E após um suspiro, seguiu em frente.

Já próxima ao seu antigo quarto, se deparou com dois garotos mais jovens, de aparentemente 16 anos de idade. Olhou de cima abaixo e rapidamente constatou que eram altos, possuíam pele clara e cabelos escuros com franjas caídas pelos lados, o que achou bem ridículo a primeira vista. Notou também estavam trajando os tão famosos e conhecidos uniformes de Griffinoria, porém, esses eram mais modernos e suas capas, mais curtas. Algo parecia um pouco mais familiar a partir de agora. Agora se sentia um pouco mais aliviada.

- Hey, o que faz por aqui? Nunca te vimos por aqui! Indagou um dos garotos.

- Sim, eu fui aluna de Hogwarts, mas ainda estou um pouco confusa.. Em que ano estamos? Indagou hermione.

- Estamos em 2207… Respondeu novamente o garoto com um tom desconfiado…

Hermione não acreditava naquelas palavras.. Como assim, ano 2207? Como e porque havia voltado a Hogwarts? Tentava se lembrar de alguma coisa mas não conseguia se recordar de como isso havia acontecido.

Então interrompeu bruscamente as indagações dos dois garotos e rapidamente rumou para a sala de Dumbledore. Ao chegar ao local, se deparou com um velho senhor de cabelos brancos e com um buraco calvo no meio da cabeça, o que deixava vestígios de uma idade avançada. Vestia um sobretudo azulado sobre uma capa amarelada e um cone nas mesmas cores sobre a cabeça.

- Preciso falar com Alvo Dumbledore! Se apressou Hermione

- Alvo Dumbledore? Aquele da foto? Perguntou o Senhor

Notou então que havia um grande retrato do lendário diretor na parede, entretanto, Alvo se parecia mais velho e aparentemente doente naquele quadro.

- De quando é essa foto? Indagou Hermione.

- De séculos e séculos atrás. De um tempo que já não temos mais documentação ou tantas informações a respeito, porém, de alguns anos antes de sua morte.

- Morte? Dumbledore está morto?? Gritou Hermione assustada.

- Sim, jovem garota. - O Diretor Dumbledore está morto há muito tempo. Lamentou o então diretor..

Hermione acabara que descobrir que o seu diretor não estava mais presente naquela escola há pelo menos 150 anos e até então, já sabia que não poderia confiar em mais ninguém. Sentia que estava perdendo o controle da situação e a cada minuto, as coisas pareciam ficar piores dentro de sua cabeça.

- Quem é você, jovem garota? Perguntou o diretor.

- Meu nome é Hermione Granger. Fui aluna de Hogwarts um século e meio atrás e não sei como vim parar aqui, neste sombrio futuro…

Suas mãos agora pareciam mais trêmulas e sentia seu estômago queimar. Estava abalada com o que havia descoberto naquela sala.

- Sente-se, querida garota, sinto que preciso lhe dar algumas explicações..

Ainda na sala do desconhecido diretor, Hermione se sentara em um grande sofá azul . Naquela sala, além das vestes do velho diretor, tudo se mostrara azul anil. Deveria ser a sua cor preferida.

- Pois bem. Ainda não me apresentei. Me chamo Aurelio Vigardi. Sou o diretor de Hogwarts desde 2187. Sinto que preciso te atualizar acerca de algumas informações. A primeira delas é que a Hogwarts que você estudou, seculos atrás, já não existe mais. Não como conhecera.

- Como assim, diretor? Perguntou Hermione com um olhar surpreso.

- No ano 2100, mais precisamente na virada para o século XXII, espíritos demoníacos, até então desconhecidos, foram libertados de um antigo cemitério localizado abaixo do Castelo. Quando descobrimos a existência deste cemitério, nada mais podemos fazer. Na madrugada do dia primeiro de janeiro, após um delicioso banquete de ano novo, uma centena de espiritos das trevas portando um grande cajado alado, se dividiu pelos corredores e invadiu os quartos das quatro casas, esquartejando todos os alunos. Quando os diretores chegaram ao local, foram surpreendidos com a cena mais horrorosa de suas vidas: encontraram aproximadamente 350 corpos sem roupa e sem cabeça. Depoimentos da época testemunharam que as camas e o chão de todos os quartos se transformaram em rios de sangue.

Hermione ouvia atentamente o depoimento do diretor Vigardi. Seus olhos já davam indícios de que sairia pela sua órbita ocular e pela primeira vez, sentia que vomitaria ali mesmo. Sua temperatura deveria estar tão alta como uma panela de pressão a ponto de ebulição. E então continuou o diretor:

-Após os acontecimentos daquela madrugada, na manhã seguinte, junto ao nascer do sol, os diretores decidiram fechar a escola. Então, por mais de 60 anos, nenhuma alma viva pisou nesse local. Mesmo após o período de 60 anos, Hogwarts nunca mais voltou a ser uma escola. O que hoje você vê, na verdade, nada mais é que do que um castelo experimental, onde os melhores alunos bruxos são enviados para proteger o local e testar suas habilidades. E continuou:

- Você precisa saber que o local é perigoso, amaldiçoado e não me parece nem um pouco preparada para ficar aqui. Precisa ir embora já!

Hermione sempre foi uma excelente e dedicada bruxa, com poderes geniais e habilidades incríveis com magias e feitiços, mas poderia já não estar mais preparada diante daquela grave situação, já que, haviam se passado mais de dois séculos e logicamente, os bruxos daquela época poderiam ser muito mais fortes e habilidosos do que ela. E finalizou, o diretor:

- Com o fechamento de Hogwarts, nas décadas subsequentes, foram construídas doze escolas de Bruxaria maiores e melhores que Hogwarts, porém nenhuma possui a energia mágica deste lugar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...