História Heróis do Olimpo:Imortal - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Heróis do Olimpo
Exibições 12
Palavras 905
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Saga
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Gente eu vou adiantar um "pouco" o tempo, então não me matem.

Capítulo 9 - Aryane, Vinicius, Lunna, Hicky e Bianca


Três meses depois...

Pov. Annabeth

Acordei com os raios do sol invadindo o quarto (será que dava para Apolo pegar mais leve) levantei e fui até a varanda, estava sentada em uma das cadeiras passando a mão por minha barriga que estava enorme quando senti uma pequena dor abaixo do meu ventre, não liguei. Me levantei da cadeira e fui tomar banho, estava penteando meu cabelo quando senti água escorrer pelas minhas pernas, logo senti a primeira contração, me apoiei na penteadeira enquanto as dores aumentavam.

_Apolo...Ahhhh...Preciso de ajuda.

Bem, nós deuses temos uma audição muito boa, principalmente se nosso nome for dito. Logo uma luz dourada invadiu o quarto e Apolo estava me colocando na cama já na posição certa.

_Aiai! Você também, já não bastava a Thalia e Ártemis?

_O que? Elas duas tam... Ahhhh

_Por que hoje? Eu queria fazer o parto de Ártemis e ver meus filhos nascerem.

Virei a cabeça para a janela a fim de ver o mar mas tudo o que vi foi escuridão.

_Apolo o que está acontecendo? Perguntei reprimindo mais um grito de dor.

Ele olhou para fora e resmungou um quase inaudível droga.

_Eu preciso que se concentre em fazer força, pode fazer isso?

_Acho que si...Ahhh...vai logo que tá doendo.

Pov. Apolo

Por que eu tenho que ser tão azarado? No dia dos meus filhos nascerem os da Thalia também querem nascer, e para completar meu dia a filha de Annabeth também quer nascer, e eu tenho que fazer o parto de Annabeth pois se trata do nascimento da deusa guardiã. O que está me preocupando é o que está acontecendo, por ela ser guardiã tem os poderes de quase todos os deuses existentes e bem na hora de nascer ela quer dar uma prova que nem Zeus é mais poderoso que ela.

_Annie faça mais força, eu sei que consegue.

Annabeth gritava a cada tentativa. Logo o mar estava agitado, vi Poseidon e Percy tentar acalmar mas sem muito sucesso. O céu estava negro e vários raios o cortavam, névoa rodopiava por todos os lados, ventos furiosos o qual Jason tentava em vão acalmar.

_Vamos Annabeth, só mais um pouco.

Logo o quarto foi tomado pelo choro da menina, tudo lá fora voltou ao normal. Minhas filhas vieram me ajudar a limpar a menina e Annie, que por ser uma deusa estava quase recuperada.

_Eu disse que você ia conseguir.

_Obrigado Apolo.

_Disponha...

Fui cortado por um falatório, logo a porta foi aberta e por ela passou Percy, Poseidon e Atena.

_Annie minha filha, você está bem?

_Sim mãe, eu estou.

Sai de lá vendo a cena e sorrindo. Fui para o Olimpo ver como estava Ártemis, a encontrei  parada olhando para dentro de dois berços um com o desenho do sol e outro da lua. Cheguei perto e a abracei por trás.

_São lindos não são Apolo?

_Muito meu amor, qual o nome deles?

_Vinicius e Lunna.

_Vinicius é grego, significa de bela voz, e Lunna, esse não é grego.

_É italiano, significa Lua.

_Já decidiram de que eles seria deuses?

_Sim, o Vinicius vai ser do eclipse solar e a Lunna do eclipse lunar.

Beijei o topo da cabeça de Ártemis pensando o quão sortudo eu sou por ter essa deusa do meu lado.

Pov. Percy

Estava eu e Annabeth admirando nossa filha depois que finalmente todos nós deixaram em paz.

_Annie meu amor, qual nome vamos dar para ela?

_Eu pensei em Sophia, mas aí chegou uma filha de Demeter com esse nome, então eu não sei.

_Eu pensei em Aryane, achei que você fosse gostar.

_Aryane... gostei desse nome.

Assim que nos ouviu pronunciar esse nome ela abriu seus olhos que eram castanhos, se eu liguei? Não, meu pai já tinha me dito que isso poderia acontecer. Seus cabelos também eram castanhos. Ela olhava atentamente para mim e Annabeth.

_Seja bem vinda ao mundo Aryane.

Continuamos ali admirando a tamanha beleza da nossa filha, que por sinal ia me dar muita dor de cabeça.

Pov. Nico

Eu tive que passar pelas três horas mais agonizantes da minha vida, de repente tudo escureceu, raios cortavam o céu, ventos muito fortes, a névoa brincava de fazer desenhos e o lago de canoagem estava agitado. Passaram mais duas horas e tudo voltou ao normal, as filhas de Apolo saíram correndo dizendo que eu já podia entrar, elas foram em direção a casa de Percy, isso significa que Annabeth também estava em trabalho de parto. Dei de ombros e entrei. Encontrei Thalia deitada ao lado das duas coisas mais fofas desse mundo.

_Vem logo Nico, eles ainda não mordem.

_Muito engraçada você viu.

_Vem amor conhecer nossos filhos

Fui andando até lá e me sentei na cama, um casal de gêmeos, assim eu e Thalia poderia escolher os nomes.

_Nico, já escolheu o nome dele?

_Sim, eu escolhi Hicky, e você já escolheu o dela?

_Sim, será Bianca.

Meu coração encheu de alegria quando ouvi o nome da minha irmã, me surpreendi quando Bianca abriu os olhos, eram tão negros, já os do Hicky eram azuis como os da Thalia.

_Nico, eles são muito lindos.

_Puxaram a você meu amor.

_Puxaram a nós dois.

Se lei um beijo na testa dos dois e um nos lábios de Thalia.

_Amo vocês três, Thalia, Hicky e Bianca.

Ficamos ali no quarto curtindo nossos filhos, estou feliz pelo o que a vida me reservou, obrigado Parcas.


Notas Finais


É isso, eu espero que tenham gostado.
Bjs com gosto de chocolate


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...