História Hey Daddy (Imagine Hot BTS) - Capítulo 10


Escrita por: ~ e ~DarkPanda40

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts
Visualizações 406
Palavras 1.148
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie gente! Obg pelos favoritos até agora, vocês não sabem o quanto os favoritos e comentários nos deixam felizes. Aproveitem esse capítulo.

Capítulo 10 - New Family


(S/N) P. O. V 

 Quando eu voltei do ensaio com o Jungkook, fomos para o meu dormitório. Assim que chegamos, fui direto para o quarto da minha irmã ver como ele estava, mas ela não estava lá. Eu comecei a entrar em desespero. Onde será que ela estava? Peguei meu celular e disquei seu número inúmeras vezes, sempre dava na caixa postal. Disquei o número do Yoongi e o mesmo também não atendia. 

 –JUNGKOOK! - Gritei seu nome e rapidamente o garoto apareceu na porta do quarto. Não precisei dizer nada, Jungkook entendeu o que estava acontecendo ao passar seu olhar pelo cômodo e me ver parada com o celular na mão e a cama desarrumada. Corremos até seu dormitório e ele retirou a chave do bolso, para destrancar a porta, mas a mesma já estava aberta me dando uma sensação de alívio. 

Entramos na sala e Jungkook se sentou no sofá enquanto eu andava até um dos quartos. Bati em uma, duas, três portas, nada. Fui até a última porta do corredor. Bati uma vez e logo uma voz masculina se pronunciou. 

–Entra! - entrei no quarto vendo Yoongi e (S/I) deitados na cama. 

 –(S/N)!! - Minha irmã disse com um sorriso no rosto se levantando da cama revelando seu corpo coberto apenas por um sutiã e uma calcinha. 

 –(S/I) EU VOU TE ESGANAR MENINA! COMO É QUE VOCÊ SAI ASSIM SEM ME AVISAR?! - Gritei com a mesma a empurrando até a cama, ficando por cima dela e batendo em seus braços e cabeça. 

 – YOONGI ME AJUDA AQUI! - Minha irmã gritava pela ajuda do garoto que nos olhava divertido, rindo da situação. 

 –Eu não me meto em assunto de família. 

 –YOONGI VOCÊ É O PRÓXIMO OUVIU? EU TAMBÉM TE LIGUEI E VOCÊ NÃO ATENDEU, NÃO PENSE QUE SAIRÁ ILESO! - Yoongi se levantou da cama e tentou vestir sua calça o mais rápido possível, já que estava de cueca box, mas eu fui mais rápida. Saí de cima da minha irmã e pulei em cima do Yoongi, o derrubando no chão. Assim que me ajeitei, comecei a bater em seus braços e cabeça assim como fiz com minha irmã.

 –(S/I) ME AJUDA! - O garoto gritava pela ajuda da minha irmã que nos olhava divertido, rindo da situação. Acho que já vi essa cena antes... 

 –Eu não me meto em assunto de família. 

 –Espera um minuto... - parei de bater no Yoongi e o mesmo agradeceu baixo - Assunto de Família? 

 –Está tudo bem aqui? - Jungkook apareceu na porta do quarto pondo as mãos em seus bolsos esperando que alguém lhe desse uma resposta. 

 –Está tudo ótimo! Tão ótimo que a (S/N) estava me agredindo e a (S/I) apenas rindo. Agora me faz um favor Jungkook, TIRA ELA DE CIMA DE MIM. - Jungkook chegou perto de mim e me estendeu a mão. Eu a segurei e ele me puxou para me levantar. 

 –Hyung, esqueci de dizer... (S/N) agora é minha namorada. - Jungkook me olhou com os olhinhos brilhantes e eu selei seus lábios com um simples selinho. 

 –Então (S/N), esqueci de dizer... Yoongi agora é meu namorado. - (S/I) disse abraçando Yoongi. Eles se olharam e se beijaram. 

 –Ótimo, agora somos uma família. - disse Yoongi deitando na cama. 

 –Yoongi, vai vestir uma calça. - Falei para o mesmo que estava começando a se ajeitar na cama. 

 –Não... 

 –Yoongi! 

 –O Rei do Swag! - completou ele. 

 –YOONGI EU VOU EU BATER DE NOVO! - Em um pulo o garoto se levantou da cama e começou a vestir sua calça. - Obrigada! Aproveita e veste uma camisa porque está frio lá fora. Peguei na mão do Jungkook e o guiei para fora do dormitório. 

 –E você coelhinho? Quer fazer o que hoje? - Segurei suas duas mãos e as pus em minha cintura, depois levando as minhas à sua nuca. 

 –Eu estava pensando em te levar pro cinema. - disse um pouco tímido. 

 –Woah, adorei a ideia! Que filme vamos ver? 

 –Tem um filme de terror... Tem outr... - O interrompi. 

 –Vai ser o de terror okay? 

 –Okay - Sorriu com aqueles dentinhos de coelho. 

 –Te amo coelhinho. - selei seus lábios novamente, que foi seguido por um abraço apertado. Cada um foi para seu respectivo dormitório se arrumar para ir ao cinema. Depois de tomar um banho quente, vesti minha calça jeans preta, uma camisa preta de manga comprida, um all star preto e um gorro cinza escuro. Passei meu perfume preferido, Dimitri. Era perfume de homem, mas eu amava aquele cheiro. 

Avisei a minha irmã que sairia e não sabia a hora que ia voltar. Saí do meu quarto e encontrei Jungkook sentado no sofá mexendo no celular. Ao perceber minha presença, o mais velho voltou sua atenção a mim, me encarando sem dizer uma palavra, me deixando corada. 

 –Você... Está muito bonita. - o garoto se levantou do sofá ainda me encarando. 

 –Você também está muito bonito. - Jungkook usava uma calça jeans preta, uma camisa de manga comprida também preta, sua Timberland mostarda e um gorro preto. Parecíamos aquele típico casal coreano usando as mesmas roupas. 

Ficamos nos encarando até minha irmã adentrar o cômodo com uma caneca de café na mão. 

 –Vão ficar se encarando o resto da noite ou vão ao cinema? - Minha irmã sentou no sofá atrás do Jungkook e deu um gole em seu café. 

 – É melhor a gente ir logo. - eu disse pegando a mão do garoto e o levando para fora do dormitório. No corredor do nosso andar, paramos em frente ao elevador e o chamamos. Jungkook voltou a me encarar, dessa vez com suas costas na parede, suas mãos em seus bolsos da  calça e sua cabeça levemente inclinada para o lado. 

Eu cheguei perto do garoto e o abracei, afundando meu rosto na curva de seu pescoço. 

 –Hm... Você está tão cheiroso. - sentia o cheiro de seu perfume, que realmente era muito bom. 

 –Eu não ia deixar de passar meu perfume para sair com a minha namorada. - retirou suas mãos de seus bolsos e envolveu minha cintura com seus braços, colocando seu nariz em meu pescoço, me dando leves arrepios. 

 –Hm... Você também está muito cheirosa. - Dizia dando beijinhos no local. Os beijinhos aos poucos foram se tornando pequenas mordidas que me faziam arfar. 

 –J-Jung... A-Aqui não... - eu mordia meus lábios para evitar que os ruídos saíssem da minha boca. A cada palavra que eu dava, Jungkook apertava minha bunda, cada vez mais forte. Suas mordidas foram sendo alternadas por beijos molhados e chupões. 

 –Não me provoque desse jeito (S/N)... - Seus beijos foram subindo para minha boca - Seus lábios... Ah... Quando você os morde assim... - Olhou para entre nossos corpos. Direcionei meu olhar para a mesma direção que o garoto e percebi que um volume crescia em sua calça. 

 O elevador chegou.


Notas Finais


Um beijo no core de vocês, até o próximo capítulo! S2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...