História HEYAHE - a culpa; - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias 1PUNCH, Bangtan Boys (BTS), Neo Culture Technology (NCT)
Personagens 1(Jung Jaewon), Jin, Taeyong
Tags Bangtan, Bangtan Sonyeondan, Bts, Jaewon, Jin, Jung Jaewon, Kim Seokjin, Kpop, Nct, One, Seokjin, Taeyong
Visualizações 22
Palavras 1.229
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá. Eu normalmente posto somente depois das 22h. Mas hoje estou me mudando então vou ficar sem internet até amanhã de tarde.

Enfim, 'Novo' porque essa é uma nova parte da fic. A introdução geral acabou. Espero que gostem.

Boa leitura~

Capítulo 7 - Novo


Fanfic / Fanfiction HEYAHE - a culpa; - Capítulo 7 - Novo

JAEWON

Aeroporto 

Sentado, esperando o vôo. Meu irmão está do meu lado.  

ㅡEu ainda não acredito que você vai mesmo. ㅡ diz. 

Suspiro. 

ㅡNão é como se fosse fácil pra mim, Taeyong. Você não entende, ninguém entende. ㅡ digo.

ㅡAbandonar seu filho não é compressível. Sabe que esse bebê um dia vai crescer e saber disso, né? ㅡ me encara.

ㅡEu ainda não acredito que Mandi esteja realmente gravida. E se for o caso, ele ainda vai ser um bebê quando eu voltar. ㅡ digo.

ㅡMas Mandi não vai esperar você, provavelmente não te deixará ver o bebê.  

ㅡÉ meu direito. 

ㅡE daí? Vai ser fácil pra você, hyung. Você abandona Mandi durante a gestação, primeiros meses de vida do bebê, e então volta quando ele já tem mais de 1 ano. Palmas. ㅡ bate levemente suas mãos de forma sarcástica.

ㅡTaeyong, eu estou indo para ter a certeza que tentei. Nunca abandonaria Mandi e nem o bebê. É um sacrifício que estou fazendo, mas é o único. Eu já estou me condenando, então pare de colaborar com isso. ㅡ peço. 

Ele fica em silêncio. 

 

× Minutos depois × 

Já prestes a embarcar.

ㅡ Por favor, me dê notícias dela e do bebê, se for o caso. Você e a May, cuidem dela por mim. ㅡ faço outro pedido. 

ㅡHyung, você vai se arrepender. ㅡ ele diz. 

 

 

 

 

1 mês depois 

 

MANDI 

Estou no apartamento de Taeyong, ele e May foram ao supermercado comprar algumas bebidas e comidas. Hoje é sábado e Taey quis chamar um amigo de faculdade para beber e conversar. Estou evitando ficar sozinha, me sinto mal, então já que May vai ficar por aqui, resolvi também ficar. Afinal, de qualquer jeito ainda tem a cama e quarto do Jaewon. Não que seja muito saudável mentalmente, mas eu gosto de deitar lá e ficar pensando nele. Chorar minhas dores e tudo mais; De vez em quando ele até me manda mensagens e quando quero respondo. Mas é raro; Contra minha vontade,  Taeyong mandou foto do ultrassom pra ele e agora ele acredita em mim. Mesmo que não seja possível ver praticamente nada naquele borrão do exame. 

No momento estou apenas mexendo no celular, esperando o frango a parmegiana que fiz, ficar pronto, daqui poucos minutos.

Deitada no sofá, quando...

Ouço o interfone.

‘Aí caralho ele chegou antes deles, que ódio’, penso. 

Suspiro. Forço um sorriso. Vou até a porta. Abro. 

ㅡAh... Oi? ㅡ sorri ㅡ Desculpa, talvez tenha me confundido mas esse é o apartamento do Taeyong?

ㅡÉ sim, pode entrar. ㅡ me viro deixando a porta aberta. 

Decido caminhar até a cozinha. 

ㅡOnde posso deixar as bebidas que trouxe? ㅡ ele pergunta. 

ㅡDeixa aí na mesa de centro, ou aqui na cozinha. ㅡ digo, já passando pela porta.

Sento-me na bancada. Sinto-me nervosa. Ele é atraente e estamos sozinhos. Odeio quando estou somente com alguém que é amigo de um conhecido meu, essa pessoa SEMPRE vai querer puxar assunto contigo, soa tão forçado que me sinto tão incomodada. 

Ele vem até a cozinha.

ㅡLicença. ㅡ diz colocando a bebida na geladeira. 

ㅡTranquilo, eu não moro aqui também não. ㅡ digo ainda olhando pra tela do celular. 

ㅡOnde o Taeyong tá? ㅡ pergunta me encarando. 

ㅡNo mercado com a May. 

ㅡAh... ㅡ puxa uma cadeira, senta. ㅡ Então... desculpa perguntar mas quem é você? ㅡ ri com a própria pergunta. 

ㅡPrima da namorada dele. ㅡ explico. ㅡ Acho que eles já estão chegando. ㅡ levanto-me, indo direção ao forno.

Tiro a forma de lá. Deixo-a em cima do fogão. 

ㅡO cheiro está bom, foi você quem fez? ㅡ puxa assunto. 

Eu disse, desconhecidos que são conhecidos dos seus amigos sempre vão tentar interagir contigo. 

Sinto-me envergonhada, mesmo sem motivos. 

ㅡ Fui eu, sim. ㅡ digo. Viro-me para ele, sorrio. ㅡ Obrigada.

Sento-me novamente próxima a bancada.  

ㅡImaginei que você não fosse a May, mas tive dúvidas, é que só vi ela uma vez. ㅡ Ele explica. ㅡ Qual seu nome?

ㅡPode me chamar só de Mandi, e o seu? 

Nesse momento o casal chega, então vamos até lá ajudar eles. Trazemos tudo até a mesa. 

ㅡE aí, Jin? Desculpa, não sabia que chegaria tão cedo. ㅡ diz Taeyong.

ㅡCheguei no horário que combinamos... ㅡ diz e ri. ㅡ Sem problemas, só faz uns 5 minutos que cheguei. 

ㅡTô morrendo de fome, já tá pronto, Mandi? ㅡ pergunta minha prima.

ㅡSim, aliás acho melhor comermos logo antes que esfrie. 

 

 

×Após todos comerem× 

Durante a refeição apenas Taeyong e Jin conversaram entre si. Durante a conversa descobri que Jin é estudante de medicina por causa de influência da família, onde todos são médicos, mas que ele gosta desse ramo de qualquer forma. 

ㅡEnfim, eu trouxe soju, vinho e whisky. Por qual quer começar? ㅡ ele pergunta. 

ㅡTanto faz. Mas olha, eu sou pobre então só comprei uns coquetéis, skol beats, essas coisas. ㅡ Taeyong diz e ri. Levanta ㅡ Vou ao banheiro e você decide o que abre. 

Também me levanto, mas para ir pra sala. Poucos segundos e...

ㅡVocê não vai beber com a gente? ㅡ Jin se aproxima do sofá e pergunta.

ㅡEu não posso. 

ㅡPor que não? ㅡ senta ao meu lado ㅡ Só um pouco não faz mal pra ninguém. 

ㅡNa verdade não é especificamente sobre mim, mas... Eu tô grávida. ㅡ digo.

Ele parece surpreso. Levanta as sobrancelhas.

ㅡSério? Quanto tempo? ㅡ  pergunta.

ㅡQuase 2 meses. ㅡ digo.

ㅡAh sim... Seu namorado deve estar feliz. 

ㅡNão tenho namorado. ㅡ demostra mais surpresa ㅡ É do irmão do Taeyong, o Jaewon. Nos namorávamos mas ele foi embora pra Coreia.

ㅡ E deixou vocês dois aqui?! ㅡ indignado.

ㅡSim...

O clima fica pesado. 

ㅡEnfim, eu sei bastante sobre gravidez. Minha irmã é dessa área. Não tem problema tomar uma taça de vinho, então se quiser. ㅡ levanta ㅡ Estarei te esperando lá na cozinha. 

ㅡOk... Talvez eu vá, obrigada de qualquer jeito. 

Ele apenas sorri e então volta a cozinha.

Após alguns segundos, decido também ir até a cozinha. 

ㅡTá, eu só vou tomar um copinho e então vou dormir. ㅡ digo para Jin que já está abrindo a garrafa. 

ㅡMas não faz mal pro bebê? ㅡ pergunta May.

ㅡVinho é fraco, e só vai ser um copo. ㅡ Jin explica.  

Todos sentamos novamente, então nos servimos. Novamente Taeyong e Jin conversam entre si. May apenas mexe em seu celular então faço o mesmo, até acabar logo minha taça, o que não demora já que enchi apenas pela metade. 

ㅡVou dormir. ㅡ levanto.

ㅡPoxa, ainda está cedo. ㅡ Jin me encara. 

ㅡEu ando muito cansada. ㅡ bocejo. ㅡ Boa noite pra vocês.

Caminho até o quarto.

 

 

×Madrugada× 

Acordo com uma pequena claridade. 

ㅡTe acordei? Perdão. ㅡ ouço a voz de Jin, ele usa a lanterna do celular. ㅡ Eu só quero usar o banheiro, procurei mas não encontrei então imaginei que tivesse suíte. Taeyong e May estao dormindo feito pedra então vim pra cá.

ㅡTudo bem... ㅡ digo. 

Volto a deitar a cabeça e fechar os olhos; Ele usa o banheiro então sai. 

ㅡSe quiser, durma aqui na cama. Pode dormir no canto. ㅡ sugiro. 

Se Taeyong o convidou ele deve ser alguém de confiança, certo? 

ㅡNão, tudo bem. É sofá-cama então não é tão desconfortável. ㅡ diz ㅡ Mas obrigado. ㅡ sorri.

Então sai do quarto. Mentalmente eu agradeço por ele recusar.

Volto a dormir.

 


Notas Finais


O Jin entrou agora mas vai ser um personagem muito importante. Isso foi um spoiler? Provavelmente ㅎㅎㅎ foi mal.

DEIXEM SEUS COMENTÁRIOS POR FAVOR a falta está me desanimando muito...

Fighting~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...