História Hi, Im Maya - Capítulo 34


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chandler Riggs, Garota conhece o Mundo (Girl Meets World), Josh Duhamel, Lauren Cohan, Norman Reedus, The Walking Dead
Personagens Chandler Riggs, Josh Duhamel, Lauren Cohan, Norman Reedus
Exibições 342
Palavras 2.120
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Luta, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 34 - Comic con and I love you


Fanfic / Fanfiction Hi, Im Maya - Capítulo 34 - Comic con and I love you

Eu e Lauren esperávamos Norman vir nos buscar. Estávamos na porta do set com as nossas malas e quando minhas pernas começaram a doer, eu me sentei em cima dela. Peguei meu celular e comecei a olhar algumas notificações enquanto não havia nenhum sinal deles.

_Será que eles nos esqueceram? –ela perguntou e eu ri.

_Acho difícil. –eu disse e um carro foi estacionado rapidamente na nossa frente.

_Hey princesas, vão vir ou não? –Norman perguntou abaixando a janela do carro e colocando um óculos de sol.

_Ah, já era hora. –Lauren falou e Andrew desceu. Ele abriu o porta-malas e colocou nossas malas lá dentro. Eu abri a porta de trás e entrei ao lado de Chandler.

_Oi. –eu disse e o beijei.

_Oi. –ele falou.

_Eai Normanine? –perguntei fazendo um toquinho com ele.

_Fala ai Maionese. –eu o olhei séria e ele riu. _Troca de apelidos ué.

_Vocês são hilários. –Lauren falou entrando e fechando a porta.

**

Nós descemos no aeroporto e Chandler me puxou pela mão. Ele estava lotado de pessoas tirando fotos e Lauren vinha bem atrás de mim segurando minha bolsa. Eles acenavam e gritavam o nome deles. Chandler parou para tirar fotos e eu segui Andrew até o avião.

_Sobe ai. –Lauren falou e eu subi atrás dele.

_Hey a Maionese veio. –Chris (Rosita) falou e eu me abaixei para abraçar ela já que a mesma estava sentada.

_Fica quieta Angela. –falei e ela riu.

_Nem me lembra, crepúsculo foi o meu primeiro filme. –ela disse e Michael riu. _Cadê sua pequena Rapunzel?

_Tirando fotos lá embaixo. –eu disse e me sentei ao lado de Lauren. Robert passou por mim e fez um toquinho comigo.

_Cadê o Erick, o feiticeiro?

_Está em casa fazendo seus feitiços para saber o que eu vou fazer aqui. –eu falei e ele riu.

_Eu não quero nem saber o que você vai fazer. –Norman falou.

_Ela não vai fazer nada. –Chandler falou entrando no avião.

_Ah ate que fim. Pensei que foi seqüestrado. –eu falei e ele se sentou ao meu lado.

_Então, parece que já estão todos aqui, então eu desejo uma boa viagem para nós no vôo da morte. –Robert falou.

_Credo. –Andrew falou. _Em todas as comic cons você fala isso.

_Ele é do mau. –Jeffrey (Negan) falou e eu ri.

_Calem a boca e vamos. –Robert falou se sentando. Eles riram e eu coloquei o cinto de segurança.

Já tinha dado uma hora de viagem e eu estava morrendo de sono. Eu fechei meus olhos e quando eu os abri tinha uma caixa no meu colo. Eu esfreguei o rosto e olhei para Chandler lendo um livro.

_Desde quando você lê?

_Desde que não tem nada para fazer aqui. –ele respondeu tampando seu rosto com o livro. Eu olhei a caixa e fiz uma cara estranha.

_ O que é isso? –perguntei balançando a caixa.

_Eu ganhei de um fã. –Norman falou e Andrew segurou o riso. _Mas pode ficar para você.

_Porque? –perguntei.

_Porque eu quero ué. –ele respondeu. Eu abri a caixa e um jato de glitter voou na minha cara e no meu cabelo. Eu fechei os olhos e tossi enquanto ouvia Chandler, Norman, Andrew, Jeffrey e os outros rindo. Eu deixei a caixa cair no chão e esfreguei meus olhos vendo minhas mãos brilhando.

_Filhos da... –eu falei e senti glitter dentro da minha boca. Eu olhei para Chandler e ele riu mais ainda.

_Seu rosto está todo brilhando. –ele disse.

_Olha o seu cabelo. –Steven falou.

_Norman eu te mato! –eu falei passando a mão e tentando tirar. Aquilo não saia, só fazia ficar mais brilhante. Eu me levantei e sacudi a blusa vendo 1Kg daquele negocio cair no chão. _Você sabia? –perguntei olhando para o Chandler que fechou o livro.

_Mais ou menos. –ele disse e eu dei um tapa nele.

_Ai! –ele falou. _Para de me bater, quem armou tudo foi eles!

_Vai ter volta. –eu disse me sentando novamente enquanto eles engoliam o riso.

_Mas ate que foi engraçado. Mandaram bem. –Chandler falou fazendo um toquinho com eles.

_Ah é assim né Riggs. –eu disse. _Está na minha lista negra. –ele riu e me puxou para um abraço. Eu lambi a cara dele e Norman fez uma careta junto com Andrew e Steven.

_Eca. –eles falaram.

_Agora sua bochecha ta brilhando. –Steven falou e Chandler me olhou de olhos arregalados. Eu pisquei para ele e sorri depois de mandar um beijo.

**

Após chegarmos no hotel e eu tomar um banho, eu troquei de roupa e fiz um coque mal feito. Passei uma maquiagem simples e fiquei olhando o vídeo que Norman colocou no instagram e me marcou.

_Me aguarde. –eu resmunguei e Lauren parou de fazer sua maquiagem para me olhar.

_O que?

_Nada não. Pensando alto. –eu me levantei e calcei o vans preto. _Sabe do que o Norman tem medo?

_Ele e o Andrew tem medo dessas coisas de espírito e trem de terror. –ela disse e eu sorri.

_Tem é? –ela assentiu e eu me levantei. _Já sei o que eu vou fazer.

Nós descemos para a recepção e entramos dentro de uma van escrito Comic Com Experience. Eu me sentei ao lado de Chandler e ele tirou uma foto comigo da gente fazendo uma careta. Eu ri da foto e Norman se sentou de frente para mim.

_E ai, vejo que conseguiu tirar o brilho. –ele disse.

_Você é um bobo. –eu falei.

_Só um bobo reconhece outro, bobona. –eu fiz um careta para ele e ele devolveu uma igual antes de começar a rir.

Nós entramos pelos fundos e eles caminharam para uma sala e eu e Gina nos sentamos na primeira fileira do Painel Comic Con, o lugar onde acontecia as entrevistas. Gina tinha vindo antes, e nós nos encontramos com ela na entrada.

_Se o Grayson soubesse que você viesse, ele já estaria aqui há muito tempo. –ela falou colocando seu crachá. Eu ri e coloquei o meu enquanto a sala começava a encher com alguns fãs. Uma garota acenou para mim e para Gina e nós acenamos de volta. Chris caminhou ate o microfone e sorriu.

_Vamos começar a noite trazendo aqui Scott M. Gimple. –ele disse e Scott entrou com uma camisa com o rosto de Robert nela. Eu e Gina rimos e ele acenou para as arquibancadas. _Andrew Lincoln! –Andrew entrou levantando a camiseta do Robert e acenou antes de se sentar. _Norman Reedus! –eu aplaudi e gritei enquanto ele se sentava. _Danai Gurira!

_Isso aqui vai lotar. –Gina falou e eu olhei em volta antes de concordar.

_Carl! Chandler Riggs! –nós gritamos e aplaudimos enquanto ele entrava. Ele sorriu e se sentou. _Steven Yeun! –eu peguei meu celular e comecei a filmar. _Lauren Cohan! –eu gritei e aplaudi enquanto ela se sentava. _Ross Marquand! (Aaron). Sonequa Martin-Grenn! Michal Cudlitz! Christian Serratos! Josh McDermit! E Jeffrey Dean Morgan! –ele entrou segurando um taco de baseball e todos gritaram.

_Já estão fazendo xixi nas calças? –ele perguntou e o elenco riu. _Seus filhos da mãe. Você pode respirar. Você pode piscar. Você pode chorar. Diabos! Todos irão fazer isso. –ele continuou e nós ouvimos um monte de gritos. _Mas hoje podemos ter um pouco de moderação.

_Certo, eu não gostaria que fosse comigo no final, mas as pessoas ficariam bem com isso. –Hardwick falou e Jeffrey se sentou ao lado de Andrew. _Scott, você pode falar sobre as novas locações, sobre os novos personagens, e sobre algumas coisas que vamos ver na sétima temporada?

_Bom, tem personagens. –ele falou. _E são incríveis. Vocês viram o Rei Ezekiel. –ele disse e nós gritamos. _esse é o Khary, ele é um ator incrível. E é mais jovem do que nos quadrinhos. Mais forte. Mas ele vem com o seu poder. E o mais importante, é que quando eu mostrei a audição dele para o Robert, Robert adorou.

_Vamos voltar para o elenco. Vamos começar com Andrew Lincoln. Em todos os episódios da metade dessa ultima temporada todos os fãs estavam: “por favor não morra” e parecia que estavam: nós dominamos tudo, nós cuidamos de tudo, pode descrever como foi gravar essa ultima cena?

_Foi um saco, obvio. O engraçado é que minha mãe se tornou uma grande fã. Ela esta sempre checando a internet para ver coisas da serie. E isso nunca tinha acontecido antes. Ai ela disse: “Você tem que voltar para aquele espaço que você chama de Alexandria.” “e ter um ano abençoado” e eu perguntei “o que quer dizer?” ela disse “você tem que ir afundo. Você tem que estar seriamente comprometido, e o seu rosto, você estava apavorado, quase morrendo por causa de um cara que chega com um bastão?” –nós rimos e ele também. _Eu perguntei se ela estava tentando me ensinar a como atuar e minha esposa mandou eu aceitar tudo isso. Mas sim, foi um retorno bem intenso, eu acho que essa é a melhor temporada de todas. –nós aplaudimos e a próxima pergunta foi para o Steven. E logo depois ele fez uma para a Lauren.

_Chandler, para você o final....

_Chandler eu te amo! –uma garota gritou e ele sorriu meio envergonhado. Eu ri e ele voltou a olhar para o Chirs.

_Carl, ele esta tentando crescer, ele teve que crescer rápido, e agora, ele só tem um olho. Então você estava ajoelhado e com o tapa-olho, como é a experiência de estar usando um?

_Hmm...isso é uma excessão. Uma grande perda de um olho. –ele falou e algumas garotas riram no fundo. _Por exemplo, se tem uma mosca, eu não sei dizer se ela esta perto ou longe então eu fico me batendo, só que daí ela esta longe.

_É um momento natural. –Steven falou e o elenco riu.

_Não. –Chandler falou.

_Então você é louco.

_Talvez. –ele respondeu e eles riram. _Eu não sei, na verdade, eu gostei do processo. É bem longo mas tem suas vantagens. As desvantagens são que toda hora que eu levanto a minha sobrancelha, eles tem que ficar levantando a bandagem porque ela cai. Mas na hora de colocar fica bem legal, só que não é muito fácil.

_Legal, eu gostaria de usar uma bandagem no olho para eu ver como fica. Mas agora, eu soube que você esta namorando não é? –eu me encolhi e Chandler sorriu.

_É. Quase três meses. –ele disse.

_E o nome dela, é Maya certo?

_Certo.

_Nós não conhecemos ela ainda. Nos conte sobre ela. –ele pediu e Chandler riu.

_Gina, eu vou desmaiar. –eu resmunguei.

_Hmm... eu não gostaria de encontrar outra Maya. –Chandler falou e eu o olhei. _Eu estou dizendo isso porque ela me faz feliz. Ela é...Ela é linda e tem um grande talento. Eu quero que ela saiba que, para mim nada é impossível e eu acredito nisso. Eu só... –ele sorriu e eu também. _estou muito feliz de que ela seja minha. E não importa onde ela esteja, como ela esteja eu... sempre vou amar ela. –meu olhos se encheram de lagrimas e eu as enxuguei.

_Auntii... –Algumas pessoas fizeram incluindo o elenco e eu ri.

_E ela está bem ali, então... –Chandler falou apontando para mim e todos me olharam.

_Oi Maya. –Chris falou.

_Oi. –eu disse e acenei.

_Depois disso tudo, eu acho que o Chandler precisa de um abraço. –ele falou e eu fiz um sinal de positivo. _Agora, vem cá.

_Agora? –eu perguntei e ele assentiu. Um moço me puxou pela mão e me pegou para eu passar pela grade. Ai meu deus, que vergonha. Que vergonha. Andrew contornou a mesa e me pegou para eu subir no palco. Eles riram e eu dei a volta na mesa. Chandler se levantou e eu o abracei enquanto ele passava os braços em volta do meu pescoço.

_Meu Deus, ela é pequena. –ele disse e eles riram. Chandler me beijou e eu senti minhas bochechas queimando. _Venha falar oi Maya. –eu caminhei ate ele e peguei o microfone estendido.

_Oi. –eu falei e sorri.

_Está com vergonha? –ele perguntou.

_Um pouco.

_Você está acompanhando a serie?

_Estou.

_E quem você acha que o Negan matou? –ele perguntou e Jeffrey fez um joinha.

_Hmm... Abraham. Eu acho que ele matou o Abraham.

_E vai te matar depois? –eu ri assim como os outros.

_Não vai vir atrás de mim depois né? –eu perguntei para Jeffrey.

_Não, eu estou de boa aqui. –ele falou.

_Graças a Deus, mas eu ia te quebrar. –eu falei e eles riram. Eu desci do palco e voltei para o meu lugar enquanto algumas garotas acenaram. A pior parte já tinha acabado, agora eu só pensava na pegadinha contra o Andrew e o Norman.


Notas Finais


Comentem ;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...