História Hidden truth - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Suga, V
Visualizações 23
Palavras 1.065
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Self Inserction, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 13 - XIII


Hidden truth

Introdução:

Talvez a gente se vê lá... -Yoongi.

Capítulo 13:

-No que estava pensando?! Isso é muito perigoso, não permitimos isso em nossa escola.

-E vocês permitem bullying? Preconceito? Nossa bela escola...

A diretora se calou por ver que Jungkook estava certo.

-Sinto que você já foi vítima disso e que... Não veio falar à mim.

-E pra quê? As coisas ainda estão acontecendo por conta da loucura da Yang Mi, e essas coisas não se resolvem somente com palavras....

-Pretendia machucá-los?

-Não. 

-Ah -suspiro- . Eu te conheço Jungkook. Sei que não é assim e que não faria isso se não fosse por uma causa que te preocupa ou até mesmo o atormenta... Você já pode ir. Mande a Yang Mi entrar.



-Muito obrigada Jungkook! Agora eu levei uma suspensão de uma semana.

-Você que provocou isso e da próxima você vai ser expulsa.

Yang fez uma cara de brava e foi embora.

-Você pode ir também Jungkook -A diretora o observava.

-Mas e as aulas...

-Não se preocupe. 

O mesmo agradeceu com a cabeça.

-Espere! Ainda tenho algumas coisas pra conversar com você.



-Que tipo de coisa que ela fez a você?

-Você nem perguntou à ela!?

-Ela me falou apenas de um vídeo.

-Bom, pra começar... A gente namorava desde o ano passado. Só que esse ano... Eu descobri que a mesma me traía. Depois que eu me afastei dela conheci outra pessoa. E ela não aceitava o fato que eu estava com outro e...

-Já entendi. Mas... Outro?

-Sim. Taehyung.



-Hyung, cheguei!

Jungkook iria tomar conta de Taehyung enquanto a mãe do mesmo trabalhava.

Tae nem havia ouvido seu dongsaeng chegar, o mesmo estava deitado sobre sua cama assistindo série.

-Hyung? Ah! Você está aí.

-Amor! -Tae dizia feliz ao beijar o mais novo.

-O que está assistindo?

-Scream.

-A assassina...

-Não Fala!! Eu ainda tô na 1° temporada, mas graças a você eu já sei que é uma mulher...

Tae o olhou com uma cara de "eu te odeio". Riram.

-Eu tava pensando... -o mais novo dizia abaixando a tela do laptop- que tal a gente...

-Jeon Jungkook... -riram.

-Calma, eu só queria fazer algo com o meu namorado pra esquecer o que aconteceu hoje.

-Namorado...? -ele dizia olhando para os lados a procura de alguém e em seus dedos também.

Jungkook riu e pegou um salgadinho em formato circular que o mais velho estava comendo e colocou no dedo do mesmo.

-Sim. Namorado.

Eles sorriram e o mais novo o deu um pequeno beijo.

-Mas me conta... O que aconteceu hoje?

Jungkook mudou seu humor e contou tudo ao mais velho.



-Eu não acredito...

-Aquela puta da Yang Mi só ganhou uma semana de suspensão. Ainda não contei pra diretora que ela mandou aqueles caras baterem em você...

-Não conte. Por favor, não quero que ela se dê mal...

-Mas hyung! Ela mandou aqueles caras baterem em você! Ela te odeia...

-Amor, sério, eu não quero que ela... Quando os pais dela souberem eles vão... Sério, não desejo mal à ela.

-Ah hyung. Como você é bonzinho...

Tae riu enquanto puxava Jungkook para ele.

-Namora um pouco comigo, quero sentir sua presença, seu beijo. -Sorriram.

-Te amo hyung.


1 semana depois

-Ah porra.

-Jungkook!

-Desculpa. É que... A Yang Mi vai voltar pra escola hoje.

Tae ficou quieto enquanto terminava de comer seu café da manhã.

-Sério, não tem nenhum ódio dela?

-Um pouco. Digamos que eu ia fazer o mesmo -Ficaram quietos, principalmente Jungkook com um olhar assustado até que Tae começou a rir- Tinha que ver a sua cara.

-Ha ha, que engraçado.

-Bom. Eu tenho que me arrumar pra voltar a minha rotina normal de ir à escola.

-Teve sorte de ficar uma semana em casa.

-Esqueceu a parte de ficar com dor -Kook riu.


Ao chegarem na escola, o clima piorou. Todos ficavam rindo e olhando feio pra eles. Yang Mi permanecia com raiva por dentro, mas morrendo de rir por fora. Ela observava os dois sendo excluídos e zoados com sorriso nos lábios, vendo que a responsável por tudo aquilo era ela mesma.

Jungkook estava com raiva e cansado de Yang Mi e de todas aquelas coisas. Ele via que seu hyung estava triste por aquilo, o mesmo estava de cabeça baixa, olhando de relance para as pessoas que não paravam de zoar os mesmos.

Jungkook vendo tudo aquilo ocorrer e não poder fazer nada ao não ser repreendê-los e irritar Yang Mi, optou pela segunda opção, puxando seu hyung com força e beijando o mesmo ferozmente. Isso deixou Yang Mi extremamente brava.

Jungkook puxou Taehyung para dentro da escola deixando todos que alí estavam presentes perceberem que os mesmos não estavam ligando para eles, nem para suas zoações.


-O que foi isso Jungkook!?

O mais novo riu.

-O engraçado é que se eu te beijo na escola você fica bravo e se não beijo você também fica bravo.

-Mas você... Sabe que as coisas já estão ruins e ainda... -suspiro- Não me beija na frente da Yang Mi de novo, sei que você quer fazer ciúmes pra ela.

-Não hyung... Não foi isso que eu quis f...

-Foi sim -ele disse um pouco desapontado indo para sua sala.


Quebra de tempo

-Jungkook. 

-Si... Pelo o amor de Deus, o que você quer?!

-Nada de mais. A pergunta é: "o que você quer?".

-Fala logo o que é.

-Bom, você tem duas escolhas. A primeira é: você vai acabar seu relacionamento com o Taehyung...

-E por que eu faria isso? Eu amo ele, Yang Mi.

-Eu sei. E é por isso que vocês vão terminar, porque se você não acabar com essa palhaçada agora... O taetae vai dar uma visitinha bem grande num hospício ou quem sabe ficar um bom tempo no hospital.

-Não faria isso...

-E por que não? Eu já comecei... Agora basta você continuar. Escolha Jungkook. Ou você volta pra mim ou o seu namoradinho vai sofrer.

-Yang Mi você é doente.

-Sou doente por você -ela disse antes de selar seus lábios aos de Jungkook.



Por mais que não queria fazer isso, Jeon não tinha outra opção. Ele amava de mais seu hyung e não queria que nada de ruim o acontecesse.

-Hyung... -ele dizia indo atrás de tae, que andava rapidamente- hyung, espera! -ele falava chorando.

-O que foi?!

-Por... Que está assim?

-Não sei, me diz você, por que está chorando? Na hora que você beijou a Yang Mi não estava chorando.

-Esquece essa ela! Hyung eu te amo, eu não queria ter feito aquilo e nem o que vou fazer mas... Não podemos continuar mais juntos. Sinto muito -ele começa a soluçar e a cara de Taehyung nem se quer muda- saiba que eu nunca vou te esquecer mas... Não podemos continuar com isso.

-É, eu sei. Você precisa ficar com a Yang Mi. Boa sorte pra vocês dois -ele disse indo embora com ódio.

-Hyung...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...