História Histórias de uma Adolescência - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Carrossel
Personagens Marcelina Guerra, Mário Ayala
Tags Adolescente, Carrossel, Marilina, Paulicia, Romance
Exibições 81
Palavras 609
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Gente, já to aqui de volta, por favor comentem pra eu ficar mais animada a postar, bjoss :*

Capítulo 2 - O Melhor Livro


O sinal tocou;

Todos corremos animados para a nova sala;

Me sentei no mesmo lugar de sempre;

Mas ele se sentou atrás de mim;

Longe do meu irmão.

O primeiro professor a se apresentar à nossa turma ainda não havia dado aula pra gente antes, ele tinha um nome, mas já esqueci qual era, dava aula de matemática. A segunda foi a professora Fernanda, já conhecíamos ela, uma professora de biologia super legal, o resto dos sortudos (nem tão sortudos assim) que pegaram nossa turma, eu não prestei muita atenção, a sensação de ter o Mário sentado logo atrás de mim me deixava com borboletas no estômago, e eu só conseguia ficar olhando pras pessoas ao redor da sala e reparando em alguns detalhes, meu irmão dormia descaradamente em cima da mesa, Maria Joaquina usava uma mochila azul muito bonita, Bibi havia alisado o cabelo e o de Valéria havia crescido bastante durante as férias, acho que só eu continuava a mesma de sempre. 

- Hamm... Marcelina? - Ele me chamou, com aquela voz maravilhosa <3

- Ooi Mário!? *-* - respondi tentando disfarçar a vergonha, mas tenho certeza que minhas bochechas coraram.

- Então... É que... Eu acho que vou na sua casa hoje...

- Ah, o P-Paulo te c-convidou? *-*

- Sim, mas vou ter que levar a Diana, a Natália pediu pra eu cuidar dela, queria saber se você não toma conta dela pra eu e seu irmão jogarmos videogame...

- Ah, claro! Pode deixar. -  ¬_¬ 

Estava bom demais pra ser verdade, ele me chamou pra pedir um favor, mas o que mais ele iria querer comigo né, eu adoro a Diana e tal, mas acho que em poucos segundos eu consegui criar um montão de expectativas, parabéns Marcelina, parabéns ! AF! 

Tivemos um intervalo pra lanchar, mas não comi nada, resolvi usar o tempo pra ir devolver um livro que estava pendente na biblioteca, e procurar um outro pra ler. Mas no caminho lá estava ele me chamando de novo...

- Mar... celina!

- Oi Mario, eu vou cuidar da Diana pra você sim, não precisa se preocupar... - Ah Marcelinaaa, por que você fez isso? Pra falar besteira não fica tímida... Ai meu Deus o que eu fiz?!!!?

- Desculpa Marcelina, eu não ia falar nada disso não...

- Ah n-não, desculpa eu, é que eu estava com p-pressa de ir a biblioteca, fui grossa, me d-desculpa!

- Ah, tá tudo bem... É que eu só estava querendo conversar com você, sabe...

-  P-por mim tudo bem, v-vem comigo pra biblioteca?

- Vou sim! *-*

Fomos pra biblioteca devagar, eu não sei o que aconteceu comigo, mas sabe quando você fica tão nervoso na frente de alguém que chega a esquecer até como se fala e se anda? Pois é...

Mas até aí tudo bem, a biblioteca estava vazia, exceto pela bibliotecária, devolvi o livro que estava comigo desde o ano passado, fiquei com medo de tomar algum tipo de "puxão de orelha" ou uma "bronca" dela, mas ela só disse algo como "Você deve ter gostado bastante desse livro, hein mocinha!", e eu sorri pra ser simpática e pedi ao Mario pra me ajudar a achar um livro interessante no tempinho que nos restava de intervalo.

Ele disse que não entendia dessas coisas;

Mas disse que havia um livro interessante atrás da ultima estante, fiquei curiosa e fui procurar seguida dele.

Perguntei sobre o livro;

Ele me beijou;

Não na bochecha;

Não um selinho;

Foi um beijo;

Eu não quero parar nunca;

Ele beija bem demais;

O que está acontecendo?

Não importa;

Eu estou feliz;

Foi o melhor livro que já encontrei.

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado ! ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...