História History (BTS) - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Block B, BtoB, Seventeen, UNIQ
Personagens Ilhoon, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kim Sun Joo, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Ana&namjoon, Bts, Cah&suga, Vkook
Exibições 18
Palavras 1.176
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Harem, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Então gente! Desculpa pela demora, mas sabe... Eu tenho ido não muito bem na escolinha, por isso eu estive postando capítulos em datas demoradas e tals... Maaaas não quer dizer que vou parar de escrever "History (BTS)" Ok? Ok.
Boa History para vcs! ^-^

Capítulo 5 - Emotion


Fanfic / Fanfiction History (BTS) - Capítulo 5 - Emotion

« Narradora »

 

Depois de Ana ter feito sua “vingança” se passou um pequeno tempo, em que ela se encontrava jogando Cand Crush no celular. Jeonghan se aproximou dela, a mesma ainda ficou um pouco desconfiada, mas não hesitou em conversar com o rapaz. Parou de jogar e saiu do aplicativo, assim desligou a tela do dispositivo. Ele pergunta:

— Então... Eu acho que nós podíamos começar a sentar juntos a partir de amanhã... Sabe reunir a galera... — Parece estar escolhendo bem as palavras certas a se usar em suas frases.

— Com certeza! Onde vocês ficam normalmente? — Ela pergunta espontânea.

— Ás vezes pelos Campos, mas normalmente mesmo ficamos na quadra.

— Oh!  Digamos que o meu “grupinho” — Ele riu por ela ter feito aspas com um gesto dos dedos. — gosta de ficar ás vezes pelo pátio, porém quase sempre ficamos em uma das mesas do fundo da cantina conversando todos juntos.

— Aah, então está explicado o porquê de não nos vermos.

— Sim, entretanto acho que já nos vimos mesmo sendo que bem pouco, mas o mais estranho é que eu não me lembro de ter visto nenhum menino de cabelos azuis na Universidade. — Referiu-se a Suga.

— Oh... Bem, na verdade foi uma aposta entre amigos. Foi um jogo e tanto, porém ele perdeu, pois então ele tinha que cumprir a aposta. Então ele teve que descolorir o cabelo e pintar de azul. Mas iria ser o azul que ele quisesse... Também não somos tão malvados assim. — Riram ambos. — Pintou nesta quinta-feira, mas não foi no dia seguinte para a aula.

— Hum...  Então quer dizer que o Min Yoongi antes tinha o cabelo preto?

— Aham... — Sorriu ao ver a empolgação do casal.

Ana virou a cabeça pare ver o garoto, o qual estava com o braço direito em volta da amiga e com a mão esquerda entrelaçando os dedos com os da mesma. Conversavam animadamente sobre algo que a fez muito querer saber o quê, porém sua curiosidade logo se desfez.

Ana sentiu seu celular vibrar em suas mãos. Olhou para a tela que mostrava uma foto de Namjoon de fundo, estava muito engraçada. Ele estava dormindo de boca aberta dentro do ônibus, o qual estava os levando para a cidade natal dele: Ilsan.

— Oops! Ahm... É meu namorado. Preciso atender...

Ele balançou a cabeça positivamente e sussurrou um “Okay”. Ela se levantou para ir atender a ligação, ficando um pouco distante das conversas de seus amigos. Jeonghan voltou para perto de Ilhoon e Jun.

 

[...]

 

Os meninos conversavam agora sobre as meninas da universidade e, também debochavam de Ilhoon por antes ser conhecido como o galã da universidade, mas de uma hora para outra não foi visto com mais nenhuma garota do prédio.

— E a ê cara? Por que eu não te vejo com mais nenhuma garota nos corredores mais vazios da Uni? —Jun o interroga antes de encostar os lábios ao bico de sua garrafa de cerveja.

Ilhoon parece um pouco irritado com a pergunta, porém com uma sombra de medo. Responde:

— Ah... Eu cansei de procurar aquilo que eu não consigo encontrar em nenhuma garota, só isso.

— Bem... E o que seria? Sexo? Eu sei que é bem difícil conseguir isso com essas "santinhas" da Univer...

— Não Jun! Pare de pensar com a cabeça de baixo e pensa com a que eu estou olhando agora, por favor?

— Ook... — Em bora ele tenha ficado um pouco confuso, logo começou a entender o que o amigo queria dizer com aquilo. — Então quer dizer que você procura paixão?

— Sim — Olhou para as pedras da calçada. — Mais ou menos isso... — Voltou à cabeça para o amigo, começando a olha-lo bem nos olhos.

Para Jun aquilo só foi um olhar normal do amigo, pois sempre o encarava assim quando falava a verdade, mas Ilhoon não tinha tanta certeza se estava certo daquilo que sentia. Ele tem um enorme medo de por tudo a perder. O que Jun poderia pensar? 

Jeonghan, não estava nem prestando atenção na conversa dos dois garotos e sim na garota que conversava muito feliz ao telefone em uma pequena distância.

 

[...]

 

Vamos agora saber um pouco da conversa do casal, segundo Ana, que já os consideravam um casal.

Camila estava conversando empolgada com Suga, por em quanto que o mesmo se mostrava bom humorado e tranquilo:

— Até que tem muitos alunos estrangeiros na escola. — Pausou por um momento, mas logo se pôs a dizer — Mas nunca tinha visto duas ocidentais antes. Acho que foi isso... — Sussurrou a última frase.

— Isso o que? — Sorriu não podendo prever o que ele poderia falar.

— Acho que foi isso que me chamou a atenção em você. — A olhou nos olhos. Ela baixou o olhar, se sentindo um pouco envergonhada, mordeu levemente o canto dos lábios sorrindo.

— Ah! Então quer dizer que você já havia me notado na Uni? — Voltou ao encarar.

— Sim... Você é aquela garota loira, a única que não tem traços da Korean e nem Orientais. Talvez seja um pouco reservada ou tímida, porém gosta de conversar muito quando está com os amigos.

— Nossa! Eu sou tão previsível assim? — Perplexa.

— Bem... Digamos que já faz um tempo que eu te estou observando.

— Estranho... Não me lembro de nenhum garoto de cabelos azuis pelos Campos. — Bagunçou o cabelo dele conforme passou sua mão.

— É uma longa história...

— Ah... — Tentou adivinhar o que poderia ser, mas não fez esforços. — Qual lugar você mais gosta da Uni?

— Hum... — Pensou um pouco. — A quadra de esportes.

— Oh! Então quer dizer que você gosta de praticar esportes?

— Bem, na verdade eu prefiro basquete. — Sorriu.

— Hey, hey, heey! Eu curto muito basquete. Não querendo me gabar, mas eu sou uma boa jogadora.

— Mesmo?! — Riu. — Eu diria que você não tem muita cara de quem pratica esporte!

— Só porque eu sou “reservada” — Ambos riram — não quer dizer que eu não goste de esportes.

— Haha Okay. Então que tal uma partida depois da aula, você contra mim? — Levantou a sobrancelha esquerda ao me propor tal desafio.

— Fechado! — Ela encostou a cabeça no ombro de Suga.

Ana começa a se aproximar da amiga dizendo:

— Então Camis... Amanhã tem aula e já tá tarde né? Melhor irmos pra casa. — Disse com tédio.

— Bem... Verdade. Temos que acordar cedo, além do mais, tenho um jogo para ganhar amanhã.

— Ah Nossa! — Suga reagiu surpreso. — Tão convencida! Eu se fosse você não comemoraria a vitória antes campeonato. 

— Aham...  — Riu — Só pra dar um ar de competitividade.

— Ok, Ok! Desculpas aceitas.

— Que desculpas o que?! — Fala surpresa. Suga começa a rir e  Ana também, então Camila dá um leve soco no braço esquerdo do garoto.  


Notas Finais


Ilhoon? O que será que ele sente realmente? Wow.
Só acompanhando os próximos cap. para saber... hehehe
Thank you very much. ^-^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...