História Hogwarts por outros olhos - Capítulo 46


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alvo Potter, Andromeda Tonks, Angelina Johnson, Arthur Weasley, Astoria Greengrass, Blásio Zabini, Carlinhos Weasley, Dominique Weasley, Draco Malfoy, Fleur Delacour, Fred Weasley, Fred Weasley Ii, Gui Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Horácio Slughorn, Hugo Weasley, Jorge Weasley, Kingsley Shacklebolt, Lílian L. Potter, Lorcan Scamander, Louis Weasley, Lucius Malfoy, Lucy Weasley, Luna Lovegood, Lysander Scamander, Merlin, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Molly Weasley II, Murta Que Geme, Narcissa Black Malfoy, Neville Longbottom, Percy Weasley, Personagens Originais, Poppy Pomfrey (Madame Pomfrey), Rolf Scamander, Ronald Weasley, Rose Weasley, Roxanne Weasley, Rúbeo Hagrid, Scorpius Malfoy, Ted Lupin, Tiago S. Potter, Victoire Weasley
Tags Albus Potter Dominique, Dezenove Anos Depois, Harry Potter, Hermione, Hogwarts, Hugo, James, Lily, Ron, Rose, Scorpius, Weasley
Exibições 40
Palavras 2.611
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bom, esse ficou grandinho, eu acho... espero que gostem, beijinhos!

Capítulo 46 - A verdadeira ideia de Peter


POV Annie

Acordo animada, tínhamos o passeio em Hogsmead, tomo banho me arrumo, vejo Lauren mechando no cabelo

- Está ótimo, relaxa – ela me olha

- Podia me dar umas dicas – eu olho

- Eu? – Rose ri – porque eu?

- Já ficou com ele...

- Ah – eu olho – bom não quero nem saber como você sabe disso, mas isso sou eu, sei lá, ele já te acha bonita, então apenas seja você – ela sorri, nós descemos para o café, não estava frio exatamente, então estávamos de calça Jeans, tênis e bulas finas de frio

- O que acham? – Lily fala dando voltinhas

- Linda – eu falo e ela sorri – branco fica tão lindo em você – ela ri, nós encontramos os meninos, tomamos café e vamos pegar as carruagens, quando chegamos ficamos andando nas lojas

- Parou para pensar que todos estamos em casais e alguma hora vamos – Lily fala, faz um gesto com a mão de se separar

- Acho é que você não vê a hora de isso acontecer... – eu falo e Rose ri

- Não... não sei – Lily olha para baixo – Luke e eu nunca mais... vocês sabem foi só aquele dia – eu olho para Rose

- Serio? – Rose pergunta, Lily confirma – Bom pode ser que ele não tinha tido uma oportunidade, sempre estamos com vocês, Al e Jay sempre por perto, uma chatice! – Eu rio e concordo com Rose

- E você Annie? – Ela fala rindo

- Eu? Eu o que?

- Ah qual é! – Ela e Rose falam – acabar logo com isso! – Rose continua – beija logo Jake e pronto

- Ou melhor, para de fugir dele – Scorpius fala na minha costa me fazendo pular

- O que? – Eu olho – isso é um complô?

- É sim – Peter fala passando e rindo, mas ele vai para lá, eu olho perplexa

- Credo gente – eles riem, nós vamos almoçar em um restaurante bem bacana, os meninos escolhem nossos pratos

- Tenho medo disso – Amber fala olhando para Peter

- Te conheço a cinco anos se não souber o que você come posso me matar! – Ele fala e nós rimos, Albus pergunta para Lauren o que ela quer, já que nunca tinham saído antes, já fizeram trabalhos juntos, conversaram algumas vezes, mas nada assim, Jake escolhe massa para mim, minha preferida na verdade, depois de um almoço animado vamos dar mais uma volta

- Olha – eu falo para Jake apontando para um canto, era Dominique com um garoto

- Vamos ignorar? – Albus fala

- Claro – eu falo rindo – deixa ela pensar que isso é legal

- E se a gente tentar juntar esses dois de novo? – Lily fala – sei que meu irmão gosta dela

- Verdade – Albus fala – ele vive falando dela, bem antes da... bom da merda toda de falar com a menina lá, enfim

- Ok – rose fala se sentando na grama do parque nós sentamos em roda – alguém tem alguma ideia?

- Eu tenho – Luke fala – não, não tenho – nós rimos

- Já sei, Pete – ele me olha – sabe da estratégia da mamãe quando a gente briga

- Nossa – ele me olha – sério?

- Claro funciona com a gente...

- Minha mãe nos bate – Albus fala

- Bom é uma boa ideia também, dar uma surra nos dois – eu falo rindo – mas não, minha mãe simplesmente me tranca num quarto com Pete até nos entendermos!

- Maldade – Lauren fala – se minha mãe fizesse isso eu matava minha irmã! – Nós rimos

- Bom eles não vão se matar – Rose fala – irmãos são diferentes sabe, mas é ótima a ideia de Annie, trancar ele e pronto

- O problema é... onde? – Jake fala

- Sala... – Luke começa – em alguma sala – ele fala, nós entendemos o que ele ia dizer, era uma boa

- Podemos fazer isso na sexta à noite – eu falo

- E tirar eles de lá só no domingo! – Albus fala e Lily olha assustada

- Queremos que eles se entendam não morram de fome Albus! – Nós rimos, começamos a planejar, íamos inventar algo, como Lily passando mal, ou algo assim, não era um encontro, ninguém ia beijar ninguém na frente dos outros, então eu fico mais tranquila até que...

- Quer saber isso não está dando certo – Peter fala se levantando e puxando Amber – agradeço pela ajuda, mas vou tentar sair com Amber, vamos ver no que dá – nós rimos – e vocês deviam fazer o mesmo

- Olha, acho que isso foi planejado, meio que pelos meninos – Lily fala olhando

- Ah você acha Lily? – Eu falo irritada, Jake me olha rindo – espera aí! A conversa de vocês na toca... ah sabia que tinha algo

- O que? – Jake fala rindo – não

- Ok, Amber seus sapatos são confortáveis? – Peter pergunta olhando para os pés dela

- Sim – ela fala irônica porque estava de tênis

- Que bom, a verdade é que eu planejei isso, sozinho, bom me agradeçam depois – ele puxa ela e sai correndo, ela corre com ele rindo

- Ele o que? – Eu falo todos me olham e riem

- Deixa ele, ele é doido! – Luke fala olhando – Espera como ele pensou nisso

- Eu tenho uma ideia – eu bufo – bom não precisamos fazer isso – eu olho – ah é claro o plano perfeito, voe estão loucos para ficarem sozinhos... ah juro que devia ter matado Peter na barriga de minha mãe – eles riem, nós nos levantamos – vem, vamos comprar aqueles pirulitos legais – eu falo puxando Jake, ele ri e todos nos olham rindo, vejo eles indo cada um para um lugar – eu odeio Peter

- Não, não odeia – Jake me olha – tive uma ideia e se fizermos um piquenique? – Eu sorrio – podemos colocar uma coberta na grama e comer doces...

- Jake, você é genial! – Ele sorri, nós compramos doces, e refrigerantes, compramos uma coberta e vamos procurar um lugar legal, vamos até além do vilarejo para acharmos um lugar mais sossegado, achamos uma linda arvore magica, ela ficava mudando de cor - nunca tinha visto uma dessa e perto, só nos livros e o Prof. Longbotton falando delas – eu olho admirada, estendemos uma coberta no chão e sentamos

- Bem legal – ele fala olhando, eu viro o saco de doces na coberta

- Bom vamos comer! – Ele ri, eu abro um pirulito e coloco na boca logo em seguida eu tiro e cuspo – AAAAA credo é de pimenta! – Eu jogo o pirulito longe e meus olhos começam a lacrimejar – AAAAAA está queimando! – Jake me olha assustado e me passa um copo de refrigerante e eu viro com tudo

- Passou? – Ele me olha e eu começo a rir ele ri também

- Só eu para fazer essas coisas! – Ele pega a embalagem do pirulito e fala

- Mas também aqui está escrito cereja! – Ele me mostra e estava mesmo – Te enganaram legal! – Ele ri e eu pego outro e abro e fico olhando

- Lambe esse se for de pimenta eu não como! – Ele me olha e ri

- Pera ae – ele cheira – tem cheiro de cereja, não espera – ele pega minha mão e cheira meu pulso – Você cheira cereja!

- Ah é meu perfume novo, tem cheirinho de cereja – Eu ergo meu cabelo e falo – Sente – ele se aproxima e cheira meu pescoço, que bela ideia essa minha!

- Muito bom – ele fala e se afasta – toma esse aqui é de cereja! – Ele me devolve o pirulito

- Ah isso sim é cereja! – ele me olha rindo

- Eu realmente não planejei isso Annie – eu rio

- Sei que foi meu irmão- eu rio

- Como? – Ele me olha

- Sabe aquele dia, que ele falou com você – ele concorda – ele veio com um papo bisado de que eu devia... – ele me olha erguendo uma sobrancelha – sei lá nós dois devíamos começar a sair logo... sabe – ele concorda rindo –

- Bom ele falou isso para mim naquele dia também

- Filho de uma... – Jake me olha – mãe maravilhosa – ele ri – não acredito, o que ele disse?

- Que você era um unicórnio? – Eu rio

- Ah, foi essa a conversa então – ele ri – ele disse que era para você fazer isso, mas que eu era inocente e tinham medo de tudo

- Sim – ele me encara – agora eu te pergunto o medo é de que mesmo? – Eu suspiro, ele olha para o nada – nas férias vamos passar um mês e meio juntos

- Um mês e meio? – Eu olho – quer dizer, o que vai fazer nos quinze dias? –ele ri

- Vou ficar um pouco com meus avós – ele me olha eu concordo

- Adoro eles, sabia? – Ele sorri

- Sabe já não sei mais onde é seu hálito de cereja ou seu perfume – eu rio e estendo o pirulito para ele, ele pega com a boca – realmente muito doce!

- Sabia que ia falar isso! – Ele me devolve e pega um de limão para ele – Seu azedo! – Nós rimos e continuamos conversando, resolvemos deitar na coberta

- Sabia que você fala a noite?

- Que? – Eu falo assustada e me sento olhando para ele – Como assim? O que eu falo?

- Relaxa princesa – ele se senta – você só resmunga as vezes e mal dá para entender, aquele dia no sofá, eu acordei com você me chamando

- Eu te chamei? – Pergunto confusa, não me lembro de nada disso

- Sim, eu acordei com você me chamando, aí eu olhei e disse “O que foi? ” E você falou meu nome de novo e me abraçou mais e dormiu! Ou parou de falar sei lá, porque você estava dormindo...

- Caramba agora sou sonâmbula também! – nós rimos e nos deitamos de novo dessa vez eu deito no peito dele e ele faz carinho no meu cabelo – Sabe que horas são? – ele olha no relógio

- Nossa! Meia hora para irmos embora!

- Já? O tempo passou tão rápido!

- Viu eu disse que não tinha com o que se preocupar! – Ele fala se levantando nós arrumamos as coisas e dobramos a coberta que ele usa uma magia para pôr no bolso

- Adorei nosso dia – eu falo olhando para a arvore, ela era realmente linda, me viro e encontro Jake a centímetros de mim – Jake? – Ele me olha e ri

- Você realmente não se dá muito bem com essa proximidade né? – Eu olho para ele – Sério Annie, porque você tem tanto medo?

- Não sei, eu realmente não sei – meu estomago está estranho, estou suando e minhas pernas esquisitas, então minha ficha cai, eu estava com medo de beijar Jake, e tudo isso entre nós piorar

- Você está com medo, não é? – Ele ri – Medo de tudo isso piorar, de a gente não conseguir mais ficar longe um do outro, por causa do encantamento e de tudo que Hermione disse!

- Sim – eu olho para ele e ele coloca a mão em meu rosto

- Não vai piorar Annie! Pelo contrário! – Ele me puxa juntando nossos corpos, ele me olha intensamente e então dá um beijo no canto da minha boca meu coração acelera e sinto as pernas bambas, agora sim eu estava ansiosa, ansiosa por um beijo de verdade, coloca uma mão em minha nuca, ele então finalmente junta nossos lábios, um beijo calmo e apaixonado, eu coloco meus braços em torno do pescoço dele e ele aperta minha cintura ao mesmo tempo sobe a mão para meu cabelo, sinto um arrepio involuntário e ele ri, os sabores se misturam, o azedo e o doce causando uma sensação boa, ele para me olhando

- Porque mesmo eu tinha medo disso? – ele sorri

- Porque você se preocupa demais?- eu rio – bom agora temos um problema – eu olho preocupada - não vou mais parar com isso – eu rio e ele me beija novamente, ele me vira me encostando na arvore e então o beijo passa de calmo a quente, eu queria mais, quando vejo estou com a mão no seu braço e outra na nuca dele, o puxando para mais perto, não, não era possível ele se aproximar mais, mas mesmo assim parecia que sim, ele segura meu cabelo e puxa levemente, eu deixo escapar o nome dele pelos meus lábios ele para e me olha

- Desculpa – na verdade não sei porque pedi desculpa, pelo meu descontrole?  Ele ri e me beija novamente, ele não estava brincando quando disse que não ia mais parar, dessa vez o beijo é calmo, nós nos olhamos e eu começo a rir

- O que? – Ele ri e me dá um selinho

- As meninas vão pirar quando contar!

- Com toda certeza! – Nós vamos andando de mãos dadas, perto das carruagens encontramos Rose, Scorp, Lily e Luke

- Vocês estão vivos? – Luke pergunta entrando na carruagem, nós rimos e entramos, o silencio era muito bizarro

- Pelo amor gente parece que cometemos um crime! – Lily fala e nós rimos – alguém fala algo!

- Eu e Jake fizemos um piquenique com doces – eu falo apenas Jake ri

- Divertido –rose fala sorrindo – eu e Scorp fomos ver uns livros – nós rimos – depois demos umas voltar por aí – eu rio, logo chegamos, vamos para o jardim e vemos, Peter, Amber, Albus e Lauren nos esperando, eles pareciam bem e felizes

- E aí com foi o dia de vocês? – Peter pergunta irônico                            

- Ainda estou decidindo se te mato ou se te dou um presente – Jake me olha rindo

- Ah, pelo menos seu dia foi bom

- Pode se dizer que sim – eu falo, todos riem, ficamos conversando até a hora do jantar, Lily e rose me olhavam desconfiadas

- Bom foi um dia bem legal, mas estou morto de sono – Luke fala e todos concordamos, vamos cada um para nossas salas comunais, quando chegamos nos sentamos no sofra. No tapete

- Eu vou dormir – Lauren fala sorrindo – boa noite pessoal – nós falamos boa noite, ela dá um selinho em Albus, eu e rose nos olhamos sorrindo, ela sobe

- Bom vou nem comentar sobre isso – Lily fala rindo, nós rimos também

- Ah ela é bem legal gente – nós olhamos para Albus – serio não sei como não chamei ela antes, ela é engraçada, divertida, bonita...

- Ih, tem alguém apaixonado! – Rose fala e nós rimos, começamos a cantar uma musiquinha par ele

- Podem parar – ele taca uma almofada na gente

- Vou dormir – Lily nos dá beijinhos de boa noite e sobe

- Ela ficou com Luke ou não? – Rose me pergunta

- Não quero saber – Albus fala saindo – boa noite para vocês! – Nós olhamos, ele sobe

- com certeza sim! – Eu falo e eles riem

- Pelo menos tivemos encontros de verdade – Scorpius fala

- Improvisados, mas sim – eu falo rindo

- Annie – rose me olha – estamos entre amigos aqui e esse seu sorrisinho não engana ninguém – Jake começa a rir

- Não dá para enganar Rose – ele fala e ela nos olha e Scorpius também

- O que houve... – Scorp fala rindo

- Ah está bem nos beijamos felizes? – Eu falo e Jake ri

- Aleluia! – Ele e Rose falam e nós rimos

- Vamos dormir vai – eu falo rindo, Rose se despede de Scorp com um selinho também, eu olho rindo, ela sobe e ele também, Jake me olha

- Boa noite Jake – eu me aproximo e dou um selinho nele

- Boa noite Annie – ele sorri e sobe, quando eu entro me troco e me jogo na cama

- Ah que dia animado – Rose fala e nós rimos

- Foi o melhor – eu falo e ela me olha

- Viu, eu disse que ia ser bom! – Eu olho

- É, mas agora não quero mais parar – ela ri

- Não precisa – eu rio, nós então dormimos. 


Notas Finais


E finalmente! Sei que estava esperando por isso! Beijinhos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...