História Hold Me Tight - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Comedia Romantica, Drama, Escolar Superior, Sexo
Exibições 53
Palavras 1.583
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Dois


Fanfic / Fanfiction Hold Me Tight - Capítulo 2 - Dois






- Agora você quer me contar o que aconteceu? - Hope peguntou quando já estávamos no carro.

- Não foi nada demais... Só estava cansada! - disse encostada no porta.

- Tinha medo no seu olhar quando eu te achei, alguma coisa aconteceu... - ele disse desconfiado. - Mas, se não quer contar, não conta. Ainda não temos intimidade pra isso mesmo.

Fiquei em silêncio, encostada no banco. Até que chegarmos no meu apartamento, onde Hope estaciono bem em frente.

- Obrigada Hope, gostei muito de te conhecer! - disse enquanto saia do carro.

- Também gostei gracinha... Se cuida, a gente se vê amanhã! - ele disse sorrindo e saiu com o carro.
Subi até o apartamento cansada. Eu ainda estava um pouco bêbada da festa. Tudo que eu queria fazer era dormir e me esquecer de tudo. Esquecer de ter conhecido aquele garoto, esquecer que ele me fez chorar... "AÍ QUE RAIVA!" aquele imbecil! Eu deveria ter batido nele com mais força.
Por sorte eu estava bêbada o suficiente para adormecer logo, mas não para esquecer.

(...)

Acordei no outro dia com minha cabeça estourando. Park já deve estar em casa... "AH NÃO, EU NÃO DISSE QUE VINHA PRA CASA COM O HOPE ONTEM..." me levantei meio tonta e sai procurando por ela pela casa. Até que achei ela dormindo no sofá com fazia de costume quando a gente bebia nas festa do Brasil.

- Ahr... Park? - a chamei e ela não respondeu. - Park acorda a gente tem aula...

- Hum... - ela grunhiu se espreguiçando. - S/N?

- É...

- S/N?!! AHHH ME CONTA TUDO! - ela disse se levantando rápido e vindo correndo animada na minha direção.

- O que criatura? - perguntei não entendo.

- Não se faça de santinha... O Hope me disse que te trouxe pra casa ontem, Hum... Ele é LINDO!!

- Não aconteceu nada.. ele só me deixou em casa! - disse sem ânimo. O sorriso no rosto dela sumiu.

- Como assim não aconteceu nada?

- Menos Park, por favor... Hope é legal mas, eu acabei de conhecer ele e foi em uma festa que vendia maconha então...

- Não acredito nisso, S/N... Os amigos do Jimin são os maiores pegadores da faculdade e você tá me dizendo que não fez nada com ele? - ela disse indignada.

- É? Nossa, eu não sabia! Por falar em faculdade... Hoje é o meu primeiro dia de aula, tá lembrada? - disse voltando pro meu quarto para me trocar.

- Você é inacreditável... - ela disse me seguindo desanimada.

- Pra sua informação ele não tentou nada comigo, tá?! - falei trocando enquanto trocava de roupa.

- É sério? Que estranho... - ela disse franzindo o senho.

- Porque?

- Porque o Hope passou a festa quase toda com você e... Pelo jeito que ele tava te olhando ele tava bem afim! - ela disse e foi pro seu quarto se vestir.
"Deve ter sido porque ele me viu com medo que ele não tentou nada... Né?!"
Seja como for, eu gostei do Hope... Acho que se a gente se conhecer melhor, talvez role alguma coisa.

(...)

~NA FACULDADE~

Era meu primeiro dia como aluna transferida, Park já tinha entrado no começo, então ela estava mais familiarizada doque eu. E como eu não queria ficar sozinha a maior parte do tempo, eu me inscrevi em algumas cadeiras que a Park estava. Só pra gente passar por essa juntas!
Mas infelizmente a Park não curtia música então.. essa eu tive que fazer sozinha.

- Não sei porque você se inscreveu pra isso! - Park disse enquanto me levava para a nossa sala.

- Porque eu gosto de música e de questionar suas expectativas! - falei rindo e ela me olhou sem ânimo.

- É aqui.. Tenta não se perder de mim, as pessoas daqui são barra pesada! - Park disse abrindo a porta de uma sala e entrando nela toda convencida. - Anda com a cabeça erguida. - ela cochichou pra mim e saiu andando na minha frente dessa forma. Eu ri e segui ela.

- Pra que isso?

- Eu preciso ter a fama de poderosa! - ela disse se sentando em uma mesa e eu sentei junto com ela.

- Cadê todo mundo? - perguntei vendo que a sala estava quase toda vazia.

- Provavelmente dormindo, a festa de ontem foi até as três da manhã!

- Então, todas aquelas pessoas da festa são da faculdade? - perguntei torcendo pra que a resposta fosse não.

- Sim! Jimin só dá festas pra nossa fraternidade, pessoas de outras faculdades não são bem vindas! - ela disse se ajeitando na cadeira.

- Que legal... - eu disse meio irônica. Então significa que o menino de ontem estuda aqui? E se eu ver ele por ai? Pelo jeito que sou azarada ele é a primeira pessoa que eu vou tropeçar quando tiver na fila da cantina.
O professor chegou na sala e olhou ao redor. Ele não deu muito importância e começou a aula mesmo assim.

(...)

Quando a aula terminou. Fomos para a cantina da faculdade, onde encontramos o Jimin e os meninos.
Eu tinha minhas dúvidas de que a Park tava ficando com o Namjoon,p porque se não me engano eu vi eles se pegando na festa de ontem... E minha dúvidas sumiram quando ela avistou ele é foi correndo para o abraçar, fazendo os outros fazerem um "eca" em coro.

- Que casal lindo... - eu disse me aproximando.

- Ah... Você acha? - Namjoon peguntou fazendo Park corar. Eu sorri confirmando.

- E aí, S/N dormiu bem? - Hope perguntou se aproximando de mim.

- Sim, valeu por ontem Hope! - Agradeci sorrindo e os meninos zoaram fazendo um "hummmm" malicioso para nós.

- Não liga pra eles, tem azeitonas na cabeça! - Hope disse rindo.

- Porque azeitonas? - Jungkook perguntou fazendo cara de dúvida. Hope deu de ombros.

- Eu gosto de azeitonas! - ele disse e os meninos riram.

- Eu ouvi azeitonas? - um menino alto e super lindo perguntou se aproximando de nós.. essa faculdade melhora a cada dia.

- Jin seu cuzão, onde você tava? Sumiu ontem à noite! - Jimin disse dando um soco fraco no braço do menino.

- Ah, sai pra comer com uma galera! - Jin respondeu sem ânimo e olhou pra mim. - Quem é a garota nova?

- É a S/N... Nem olhe pra ela o Hope já reivindicou! - Jimin disse rindo e Hope deu soco forte em seu braço fazendo ele protestar. - Doeu!! - Jimin disse fazendo bico e Hope riu.

- Então senhorita S/N, é um prazer conhece-la.. Me chamo Seokjin, mas pode me chamar só de Jin! - ele se apresentou e se curvou pra mim, confesso que adoro esses homens educados. Ao contrário de brasileiros que pedem logo o seu número ao invés de dizer Oi.

- O prazer é meu, Jin! - falei estendendo a mão que ele apertou e sorriu.

- Em que cadeiras você tá? - Jin perguntou.

- Nas mesma da Park, tirando a de música... Que ela me abandonou para fazer sozinha! - disse me fazendo de vítima e Park revirou os olhos.

- Nessa escola ninguém gosta de música S/N, você é a única esquisita que vai tá na sala, aposto! - Park disse convencida. - Ou então, outra pessoa que se matriculou atrasada assim como você.

- Veremos... - eu disse a desafiando.

- Vocês são tão fofinhas! - Jin disse rindo. E nós olhamos pra ele com cara de interrogação.

- Vão se acostumando... Ele é assim mesmo! - Hope disse rindo. Fazendo a gente ri também.

(...)

Eu e Park estávamos voltando pra sala quando me lembrei que ainda não tinha ido no meu armário.

- Ah... Park, tenho que ir descobrir qual é o meu armário!

- Agora?

- É agora, me aconselharam para me fazer isso logo que chegasse porque a chave pode não servir e meu material está lá dentro.. - disse olhando ao redor.

- Ah essa droga de faculdade.. Boa sorte, os armários sempre são tocados por aqui então, você vai demorar uma eternidade pra encontrar o seus.

- Não se você me ajudar... - disse me encostando nela e sorrindo de orelha a orelha.

- Vai sonhando... - ela disse se virando e voltando pra sala.

- Que péssima amiga! - disse e ela me deu o famoso dedo do meio me fazendo ri.
Resolvi procurar logo por esse armário. A etiqueta da minha chava dizia que era o 201 então eu segui a numeração até esse número.
Girei a chave no armário que tinha o número 201 na porta mas ele não abriu. Girei com mais força e ele não abriu. Se eu girasse com mais força a chave iria quebrar dentro.

- Que saco... Abre logo caralho! - reclamei dando um soco no armário que o mesmo abriu já caindo aos pedaços. Sorri vitoriosa abrindo ele mais ainda e... Ele estava cheio de coisas dentro, como se já estivesse sendo usado por outro aluno.

- Ei! O que você ta fazendo no meu armário? - ouso alguém perguntar furioso e me viro pra encara-lo, meus olhos quase saltão pra fora de tanto que eu os abri. - V-Você? É a moça do pa-parapeito? - o menino perguntou gaguejando me reconhecendo também.

- Merda... - suspiriei e ele riu, vindo para mais perto de mim.



🌼🌼🌼🌼🌼🌼🌼🌼🌼🌼🌼🌼🌼🌼
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...