História Hora de aventura (interativa) - Capítulo 30


Escrita por: ~, ~CavaleirodaLua9 e ~Misza-chan

Postado
Categorias Akame ga Kill!, Hora de Aventura
Tags Ficção Cientifica, Hora De Aventura, Interativa
Visualizações 24
Palavras 545
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


ele, pessoal, tudo bem? Minha internet voltou (Mr.noite: AAAAAEEEEEOOOOOOO, PORRA!!! Bora voltar a fic?
Enzo:se já escreveu um Cap da fic. Deixa os outros aparecerem.
Mr.noite: se é chato ;-;
Enzo: ... to nem ai, to nem ai...

Capítulo 30 - "The Begin 2: os anos não deram piedade a nada"


Nerissa pov 

Após aquele encontro péssimo entre eles, logo saíram daquela sala e perturbadora; indo em direção a um corredor estranho. Sons de rangidos e andar de aranhas, junto às coisas espalhadas a torte direita, deixavam o lugar com um aspecto mais abandonado e perturbador.

 - Que silêncio... Perece que algo vai aparecer a qualquer momento...- diz Chris, forçando a mão na espada em sua cintura. Comparando com as outras duas ao seu lado, estava querendo sair do lugar gritando como uma criança. Mas ele ainda precisava demonstrar que podia fazer algo para o trio. - N-Não que queria fugir ou algo assim, sabé? É mais...

- Você já está pagando mico. - disse Lynn, sem se importar de como a frase soasse naquele momento. - Não se preocupe. Não é como me importasse com seus medos ou preocupasse com seu estado vergonhoso, apenas estou te dando um aviso para impedir de ficar agindo como um machista idiota. 

- Não é o que aparenta para assim de mim...

- Hã, gente, eu sei que o papo ta bom, mas... onde estamos?

Fora a vez de Nerissa falar algo antes que aquilo se tornasse um massacre.

- Devemos estar em um corredor das instalações...

- AVA,É MEMO?!? QUEM DIRIA QUE A SABE TUDO DESCOBRIU ONDE ESTAMOS? 

Logo os dois começaram a discutir como duas crianças. Nerissa queria sair de perto deles o mais rápido possível. Mas ir a onde? Está num caixão estranho, não se lembrava de nada e as únicas pessoas que estavam ao seu lado eram um mais estranho que o outro. 

E assim fez. Quando ambos já levantavam armas, ela começou a correr para longe deles, o mais longe e e preferência, foi quando notou uma sala cheia de plantas ao seu lado. Ela logo caminhou para aquela estranha sala. Foi chegou, ela foi recebida com o cheiro de Rosas para mesma. A sala tinha fileiras e fileiras de todos os tipos de plantas e flores. Mais a frente, no que parecia ser uma pirâmide Redonda, ficava uma grande árvore de maçãs vermelhas.

"Maçãs..." 

Ela estava com fome.

"Quanto tempo não como nada?" Com apenas um passo, pega pega uma das maçãs. Só de olhar ela, se lembra da passagem bíblica que dizia o fruto proibido, a maçã proibida. "Vá matar minha fome". 

- mas isso vai me poupar?

Uma voz grossa e firme chamou a atrás dela. Com o dedo no gatilho, ela se virou para trás. Era um homem. Tinha olhos quase Como os de uma abelha, possuía ombros largos, pernas longas demais para ser um humano e parecia ter raízes saindo de suas costas. Sua pele era verde e seus lábios tinham cor marrom no mesmo. Ela aponta seu revólver para o mesmo, mas ele assopra em sua frente, fazendo ela cair num sono profundo.

/////////////////////////

- ... Eu te odeio.- Lynn fala, ofegande, enquanto estava sentada no chão com um olho roxo. Eles haviam brigado um pouco depois da Nerissa ter sumido, o que explica o motivo deles terem parado de lutar.- Notou que Nerissa meio que sumiu?

Chris não disse nada, apenas olhou para cima, cançado. 

- Quando ela sumiu?

-sei lá. Bora procurar? 

-está bem, vamos atrás dela. 

Eles logo se levantavam e foram atrás de Nerissa.


Notas Finais


Desculpa se sumi. É que fiquei sem internet por um mês, e tudo que tinha era internet de chip (E É MUITO RUIM EM MINHA CASA) então sinto muito se sumi.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...