História Hostage-Camren - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Visualizações 110
Palavras 1.005
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Drogas, Estupro, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 30 - Parte 30


Camila Pov

Assim que as portas de metal se abriram, visualizei Troye na porta do apartamento de Ariana.

-O que faz aqui?. -Perguntei irritada quando cheguei perto dele.

-Mila. -Tentou me abraçar porém me afastei. -O que?.

-Você não pode esconder as coisas de mim Troye, e achar que ainda vai ser o meu amigo depois disso. -Bufei irritada.

-Do que você está falando Camila?. -Ele perguntou franzindo o cenho.

-Estou falando sobre você ter ficado com o Austin. -Ele colocou as mãos na cintura.

-Quando eu iria te contar, a gente parou de ficar. -Revirei os olhos.

-Não importa Troye, você devia ter me contado. -Trinquei o maxilar e a porta foi aberta.

-Entrem. -Ariana disse e seu rosto estava banhado de lágrimas.

Troye passou primeiro e eu passei depois olhando para Ariana. Ela fechou a porta e caminhou até estar de frente com Troye e só pude ver o movimento da sua mão batendo em seu rosto.

-Jesus. -Falei levando a mão até a boca.

-Você nem devia estar aqui pra início de conversa, você é um idiota. -Cuspiu as palavras em seu rosto.

-Por que estão contra mim?O que eu fiz?. -Choramingou.

-O que você fez?Vocês não se cuidaram Troye. -Franzi o cenho.

-Que história é essa Ariana?Vai me dizer que Austin está grávido?. -Falei com irônia.

-Caralho Camila, você tem distúrbio mental ou bateu com a cabeça antes de chegar aqui?. -Perguntou e eu cruzei os braços.

-Fala logo o que você quis dizer com "Vocês não se cuidaram". -Fiz aspas.

-Não se atreva. -Ouvimos a voz de Austin e todos nós olhamos para a escada. -Eu quero contar, vocês são meus amigos e eu tenho o direito de falar tudo. -Disse descendo.

Eu estava estática, sua expressão não era algo que pudéssemos ficar parados ali, se minhas pernas ajudassem eu já teria saído correndo dessa sala.

-Mezzy. -Troye disse baixo, surpreso talvez.

-Troye. -Ele disse parando na frente de Troye, e novamente ele recebeu um tapa na cara.

-Porra. -Troye exclamou. -Quer me dar um também Camila?. -Perguntou irônico.

-Bem que eu queria. -Dei de ombros.

-Acontece que você não me disse que tinha aids. -Austin disse me fazendo arregalar os olhos.

-O que?. -Troye disse sem acreditar.

-É isso mesmo que vocês ouviram, eu estou com aids e eu peguei de você. -Ele empurrou Troye.

-Como você tem tanta certeza que fui eu?. -Perguntou irritado.

-Porque o único que eu transei foi você seu idiota. -Empurrou ele de novo. -Ou você esqueceu que eu era virgem?. -Coloquei a mão na boca.

-Austin para. -Ariana pediu.

-Você é soro positivo, você nunca me contou isso, eu me entreguei pra você Troye, e você traiu a minha confiança, você me infectou. -Empurrou Troye de novo que já chorava.

-Vocês não usaram proteção por que caralho?. -Falei irritada.

-Ele disse que não ia "gozar" dentro. -Que escroto meu Deus.

-Austin por favor. -Troye disse baixinho.

-Por favor o que?Some da minha frente Troye, eu quero que você suma da minha vista, não me procura mais, você é um imbecil, um cretino. -Disse chorando.

-Vamos conversar por favor, não foi porque eu quis. -Tentou se aproximou mas Austin o afastou de novo.

-A gente não tem o que conversar Troye, você foi um idiota e assuma isso, da próxima vez eu vou pensar bilhões de vezes antes de chupar seu pau. -Arregalei os olhos e ele saiu correndo subindo as escadas em uma rapidez absurda.

-Eu vou falar com ele. -Ariana disse subindo atrás.

Olhei para Troye que estava agachado perto do sofá aos prantos. Coloquei a mão no peito e me aporximei dele.

-Troye. -Ele passou a mão no nariz.

-Não precisa ficar perto de mim. -Disse se afastando.

-Eu não vou me afastar de você por causa de uma coisa inútil Troye. -Ele me olhou rápido.

-Eu tenho aids Camila. -Gritou me assustando.

-Ah, e eu estou grávida de um estuprador, e nem por isso estou arrancando meus cabelos Troye. -Toquei seu braço. -Você tem que fazer exames, saber se isso está grave ou ainda tem um modo de reverter. -Ele me olhou reprimindo os lábios. -Meu Deus, venha aqui. -Puxei seus ombros e o abracei.

-Ele está me odiando Mila, ele não vai querer mais olhar na minha cara, a culpa não foi só minha céus, será que ele não entende?. -Disse soluçando.

-Vai ficar tudo bem Troye, eu prometo que vai. -Afaguei seus cabelos.

Lauren Pov

-Você devia ter visto Vero, os pais dela são horríveis. -Cruzei os braços.

-Eu imagino que devem ser piores que os seus. -Revirei os olhos.

-Notícias de Chris?. -Ela suspirou.

-Está em Londres com Taylor, sabe como é não é mesmo?. -Assenti. -Mas Taylor não me disse nada sobre ele estar aprontando ou metido em encrenca.

-Melhor assim, não é nada bom saber que ele anda se drogando e eu não posso fazer nada, infelizmente Chris não aprende nunca que o que ele faz é errado. -Vero negou.

-Se ele soubesse que o que faz é errado Lauren, teria parado no mesmo momento que pôs aquele cigarro de maconha na boca. -Soltei um riso sarcástico.

-E pensar que foi tudo culpa minha. -Verônica estralou a língua.

-Para de se culpar por aquele dia Lauren, a culpa nunca foi sua, você não disse "Fume Chris, se não irei dar um tiro na sua cabeça", aconteceu, você se dispersou e ele fumou, a culpa nunca foi sua, a culto é dos amiguinhos dele.

-Mas eu não fiz nada para impedir Iglesias, nada. -Ela suspirou.

-Você fez muitas coisas Lauren, coisas que nem você mesma imagina que fez. -Neguei em um suspiro e deitei a cabeça na mesa. -Difícil pra você Jauregui?. -Sorri negando e olhei para ela.

-Nada é difícil para um Jauregui baby. -Ela assentiu.

-É assim que se fala. -Ergueu o copo de whisky e o virou me fazendo rir.

Camila Pov

-Quer dormir lá em casa hoje?Comemos pipoca e chocolates enquanto assistimos Titanic. -Falei baixinho.

-Eu iria adorar Mila, mas eu preciso conversar com o Mezzy. -Suspirei e segurei seu rosto.

-Amanhã você tenta conversar com ele, mas agora não dá Troye, ele ainda está abalado. -Ele assentiu.

-Vamos, eu preciso me distrair, e ninguém menos que a Srta.Cabello. -Sorri.

-Você veio de carro?Porque não vou subir na merda da sua moto. -Ele riu.

-Vim de carro madame. -Sorri e me levantei ajudando ele a levantar também.


Notas Finais


Tam tam tam tam...Ergam seus bilhetes por favor senhores...

Nos vemos no próximo capítulo dessa novela mexicana...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...