História Hostage ( Kim Taehyung ) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Suga, V
Exibições 431
Palavras 2.341
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


aloouuuu
ESSE CAP N IA TER HENTAIZÃO MAS
UMA LEITORA PEDIU AI
E COMO SOU BOAZINHA
TA AI
HEUEHUEU ESPERO QUE GOSTEM :3

Capítulo 4 - Novas sensações


Fanfic / Fanfiction Hostage ( Kim Taehyung ) - Capítulo 4 - Novas sensações

 

_______: P--PORQUE ?

Tae: caso você precise de algo durante a noite..- fecha a porta e me cara encostado na mesma.- eu vou ta aqui pra te dar, você não pode forçar a perna- diz com outro sorrisinho nos lábios.

_______: Como vou forçar.. SE VOCÊ ME ACORRENTOU ???- digo ja irritada com aqueles sorrisinhos que ele dava ( por mais que sejam fofos.. fofos até demais )

Tae: por isso to aqui, se quiser algo eu pego- diz se jogando no colchão que estava na frente da minha cama me impedindo de vê-lo deitado.

Me sento e tento ir para frente para encara-lo mas minha perna machucada não permite.

_______: não... não preciso de você aqui!- digo um pouco alto já emburrada 

Tae: não seja mal agradecida, eu poderia estar aproveitando meu aniversario mas.. preferi cuidar de você.. pode me agradecer depois- diz apoiando o queixo na beirada da cama.

_______: porra nenhuma..- digo baixo mas ele me encara com um olhar de raiva.

Tae: oque disse ?- diz se levantando e engatinhando até mim.

_______: Na.. NADA, então.. ta fazendo quantos anos ?- tento mudar de assunto pois ele ainda me encarava e estava ficando perto de mais.

Tae: 19..- diz ainda engatinhando ele já estava sobre mim com o rosto um pouco ´perto.

_______: hm sim.- digo virando o rosto

Tae: não vai me dar parabéns _______?- diz perto do meu ouvido.

_______: NÃO! - grito e o empurro para o lado e ele se deita na cama, escuto o mesmo bufar.

Tae: ainda não me disse sua idade ..

_______: por que quer tanto saber ?.- digo olhando meus tornozelos enfaixados e mexendo os pés.

Tae: não sei.. só.. só quero.- ele vira o rosto e me olha nos olhos.- não custa nada você dizer..

_______: 16..

Tae : OQUE ? - diz alto arregalando os olhos.

______: 16 ué.
Tae: meu deus..vo- você parece ter bem mais- fala enquanto seus olhos percorrem minhas pernas..

Estalo os dedos na frente de seu rosto o fazendo me olhar .

______: mas não tenho..

Nos olhamos por alguns segundos, eu estava observando  cada traço de seus rosto, se o visse na rua não imaginaria que poderia ser um sequestrador.. ele era bonito, fofo em alguns momentos e assustador em outros, principalmente quando deu um tiro em Yoongi..

______: tae..- ele pisca algumas vezes e se ajeita na cama se sentando ao meu lado de frente pra mim.

Tae: sim.

______: por que, fez aquilo..- ele me olha confuso- porque atirou nele ?

Tae: Yoongi? - assinto e ele engole em seco.- era pra ele ter me obedecido eu disse que não queria você machucada..

Dou um leve sorriso que logo desaparece quando Tae me chama, o olho nos olhos.

Tae: ainda quer saber porque esta aqui ?

______: s- sim..

E então foi ai que tudo fez sentido.. Tae me contou que eu estava ali como uma isca, eu.. a prisioneira do maior traficando da cidade, meu pai mesmo tendo muitos casos e sempre muito ocupado com o cargo de delegado, usava todo dia um tempo para poder investigar e descobrir a onde esse homem estava, o homem que meu pai perseguia a anos, o homem que eu ouvia meu pai dizer durante o jantar que o pegaria, nem que essa fosse a ultima coisa que ele fizesse, o mesmo homem que..

_______: O DESGRAÇADO DO SEU PAI. ELE.... ELE MATOU MINHA MÃE !!- sentia meus olhos marejarem, de raiva.. 

Tae: ... e o seu matou a minha..- Tae me encara.

_______: eu.. eu não tenho culpa..

Tae: e eu tbm não tenho.. ou tenho ?- se refere a morta da minha mãe.

_______: não..
 

Tae: olha.. eu estou tentando evitar que meu pai se aproxime de você.. não quero que você seja mais uma delas.. então, tenta confiar em mim. Você só ta aqui pra atrair o seu pai, você não precisa se machucar.. eu, eu vou proteger você, mas precisa colaborar, precisa confiar em mim.. se você conseguir sair dessa casa, não vai chegar longe, eles vão te achar e ai, vão castigar você e eu não vou poder fazer nada, não posso ir contra meu pai. Tenta entender.

_______: não consigo.. não confio em você..

Tae: tenta, com o tempo.. só não tente fugir de novo.- diz se levantando da cama.- Vou tomar um banho, -ele tira o celular do bolso e joga em cima do colchão que estava no chão.- ja volto.

Olho para o celular e logo depois para a porta do banheiro que é fechada por Tae.

E se eu conseguisse ligar pra alguém?... 

Me arrasto pela cama com dificuldade, tinha medo de mexer a perna com rapidez, me sento na beirada da cama, acho que não consigo ficar em pé ainda, então com cuidado me sento no colchão que Tae havia deixado ali na frente, as correntes encostam no chão fazendo um barulho, fecho os olhos com força rezando para que ele não tenha ouvido. Fico parada por alguns segundos, me estico um pouco e pego o celular.

Ainda sentada na cama vejo que o mesmo tinha senha,- MERDA! - digito o numero da policia de Seul mas da numero incorreto, tento mais duas vezes e nada.- Mas que droga de celular é esse..- escuto a porta ser destrancada. Coloco o celular no lugar e me sento na cama.

Vejo Tae sair só de toalha, seus cabelos molhados pingavam sobre seus ombros  e encorriam até sua barriga , seu corpo é lindo.. penso comigo mesmo. Ele me olha e sorri da lado,- já volto ! - diz saindo do quarto.

Pego o celular novamente e tento ligar de novo pra policia mas sempre dava numero errado, não estou entendo.. até que finalmente desisto. E me sento novamente na cama, só que agora apoiada na cabeceira. 

A porta é aberta.

Tae estava só com uma calça moletom , ele fecha a porta e logo em seguida tira uma chave do bolso .

Tae: hora do banho mocinha- diz abrindo um dos cadeados.

 _____: na.. não quero tomar banho, e- eu já tomei !

Tae: que porquinha..- diz me olhando e sorrindo. ele retira o cadeado do outro tornozelo me deixando livre..- vem logo! gosto de garotas cheirosas- diz me pegando no colo e me levando pro banheiro.

 ______: eu.. eu to limpa Tae! - ele me senta em cima da mármore da pia.

Tae: e cheirosa também- diz cheirando meu pescoço, sempre que ele faz isso eu arrepio puta merda assim não dá.

Tae: é que.. -ele passa a mão nas minhas costas por baixo da camisa grande que eu usava- eu to loco pra poder tocar nesse corpinho de novo..- diz no meu ouvido me fazendo estremecer. 

Ele sorri e me dá um beijo no pescoço, eu estava estática, não sabia como reagir, não entendo como ele consegue me deixar assim, sem reação alguma. 

Ele começa a abrir os botões da minha camisa, ele encara meus seios e morde o lábio inferior- Essas marcas que eu fiz, só te deixam ainda mais gostosa. Aquilo me faz sorrir, não sei porque mas, abri um sorriso que nem eu mesma entendi. Ele me olha e sorri também retirando minha camisa,ele me pega em seu colo e eu entrelaço minhas pernas na sua cintura, ele segura firme minha bunda e eu seguro em sua nuca, Tae me leva de volta pra cama e me deita nela , ele apaga a luz do quarto e a unica coisa que clareia o lugar são as luzes do banheiro.

Tae tira minhas faixas do tornozelo e deposita um beijo em cada local, ele sobe os beijos até minhas coxas e passa a linguá por cima da minha calcinha me fazendo arrepiar , ele fica por cima de mim e me beija, sua língua invade toda minha boca, e eu seguro seus cabelos para que o beijo não parasse, nossas línguas brincavam , era um beijo lento porém muito excitante, sinto uma mão de Tae apertar meu seio e massageá-lo me fazendo arfar entre o beijo, ele chupa minha língua e logo em seguida morde meu lábio o puxando entre os dentes.

Tae: eu to adorando te beijar sabia ?- diz no meu ouvido e eu respondo somente " humrum" ele começa a chupar meu pescoço e a parte de cima dos meus seios, sua mão segura minha garganta e ele abaixa os chupões até minha barriga, ele adentra meu sutiã e seus dedos passeiam sobre meu mamilo que já estava durinho, meu corpo todo se arrepia com seus toques.

______: aann! - gemo entre um sorriso, aquelas sensações eram incríveis, sinto minha calcinha ficar molhada, Tae me da um selinho rápido , ele se senta na minha barriga e eu sinto sua ereção pulsar, sem pensar duas vezes eu a aperto e ele arfa sorrindo, ele puxa as alças do meu sutiã e o abaixa tendo a visão dos meus seios, ele se deita ao meu lado e com cuidado me coloca sobre seu, ele retira meu sutiã e senta abocanhando meu seio, eu seguro em seus cabelos. Ele o chupa forte e mordisca meu mamilo.

Tae: gostosa de mais pra quem tem só 16- diz enquanto chupa meu outro seio, suas mãos apertavam minha bunda, sinto um de seus dedos massagear minha intimidade, tombo minha cabeça pra trás gemendo ele começa a deixar mais chupões em minha barriga. 

Tae: você geme tão gostoso..- sua voz rouca me arrepia, com cuidado ele estica minhas pernas uma de cada vez, ele segura minha cintura e me da impulso para que eu me afaste, ele me deita na cama e minha cabeça fica pra fora do colchão, ele distribui beijos em meu pescoço enquanto seu dedo adentra minha calcinha, assim que o sinto gemo arrastado.

_____: aannw! Taehyung..

Tae: posso te deixar mais molhada? só que agora com minha boca?- fala enquanto seu dedos estimulava meu clitóres, eu gemia  tanto que nem conseguia o responder, ele lambia meu seio e seu dedo se movia cada vez , mais rápido.

_____: hhmm.. aa- aanw!

Tae: deixa eu te provar ? hm ?- fala rente minha barriga, sua voz rouca que enlouquecia 

_____: Taaaehyung..!!

Tae: você é minha _____- diz beijando minha barriga e dando leves mordidas nela.

Ele retira minha calcinha, e me puxa fazendo minha cabeça se encostar no colchão, ele senta na minha barriga e pega minhas mãos as juntando, ele amarra meus pulsos com ela, e me beija afoito.

Tae: vou tomar cuidado com sua perna.

Ele me vira me fazendo ficar na beirada da cama, abre minhas pernas e se ajoelha no chão. Sinto ele depositar um beijo na minha intimidade, me fazendo arfar com aquilo.

Logo sinto sua língua quente passear por toda ela, ele lambia devagar, ele a chupava lentamente, a deixando toda babada.

______: aaann, aaaah! Tae, hmmmmm!

Tae me penetra com seu dedo indicador, ele o movia devagar enquanto me chupava com mais força , eu me contorcia toda, ele aumenta a velocidade de seu dedo , em seguida coloca mais um, os movimentos dele eram sincronizados,  seus dedos entravam e saiam fazendo leves giradas dentro de mim, eu gemia feito louca, já estava rebolando em sua boca, com as mãos amarradas, eu coloco em volta de sua cabeça fazendo ele me chupar sem mover a cabeça, seus dedos iam mais fundo.

______: hhhmmmmmm!! TAEHYUNG!- eu me contorcia não estava mais aguentando, mordia os lábios tentando conter o gemido, sinto meu corpo esquentar e uma onda de prazer gigante, minhas pernas ficam bambas.

______: ai meu deus.. eu.. hhmm, tae vou.. vou- eu me movia ainda mais em sua boca, até que sinto meu liquido sair de dentro de mim, tiro minhas mãos da cabeça de Tae, sinto ele lamber toda minha intimidade, ele se levanta e o olho chupar seus dedos, eu já estava suada, minha intimidade se contraia. 

Tae: mais gostosa do que eu imaginava- diz ficando de joelhos em cima da cama, estico as mãos para ele e ele me puxa me fazendo sentar o empurro para fora da cama o fazendo ficar de pé, ainda com as mãos amarradas, o puxo pela calça e ele fica em pé entre minhas pernas na minha frente, aperto seu membro e ele sorri olhando pra baixo, abaixo sua calça e distribuo beijos em sua ereção ainda coberta, ele passa as mãos nos meus cabelos os tirando do meu rosto, abaixo sua cueca e seu membro bate em meu rosto me fazendo sorrir, olho para Tae.

______: me ajuda ?- digo mostrando minhas mãos amarradas. Abro a boca e ele entende.

Tae segura seu membro e se aproxima da minha boca, coloco a língua pra fora lambendo sua glande, me sento mais na ponta , e abocanho o mesmo.

Começo movendo minha cabeça devagar, sinto ele quente e pulsante, Tae segura nos cabelos na minha nuca, suas veias sobre saltadas roçam em minha língua.

Tae: aaa! sua boca é ainda melhor chupando!- diz jogando a cabeça pra trás, Tae segurava meus cabelos cada vez mais firme, aumentando a velocidade, eu o chupava com força , sinto seu membro atingir minha garganta e continuo com os movimentos mais fundo o fazendo atingir o local mais vezes.

Tae: porra.. aaaah! - diz movendo seu quadril na minha boca- caralho!- ele aperta mais meus cabelos. a-aaaaah!

Sinto seu membro pulsar mais, e logo sinto um gosto salgado e amargo, seus jatos invadem minha boca e um pouco escorre para meu queixo, Tae retira seu membro e eu engulo seu liquido, ele passa o dedão no meu queixo e logo depois eu o chupo. Ele sorri com aquilo, passo minha língua em meus lábios e depois em sua glande tirando todo o resto que tinha ali.

Tae: pelo visto gosto hein- diz passando os dedos nos meus lábios e eu sorrio para ele. Ele se abaixa e veste sua cueca. 

Tae: agora..- me pega no colo- vamos tomar um banho !- diz me levando até o banheiro.


Notas Finais


ESPERO QUE TENHAM GOSTADO
COMENTEM E DIGAM OQUE ACHARAM DESSE CAP
DESCULPEM OS ERROS
GENTE EU AMO QUANDO VCS EXPÕES SUAS OPNIÕES SERIO MESMO
ATÉ O PROXIMO CAP AMO VCS
BEIJÃO SUAS TARADAS !!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...