História House Of Cards. - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys (bts)
Exibições 17
Palavras 749
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi oi geeenteee!
Eu sei, demorei, mas eu tava sem criatividade :v
Mas estou de voooltaaa :3

Capítulo 3 - Jeon Jungkook?


Fanfic / Fanfiction House Of Cards. - Capítulo 3 - Jeon Jungkook?

Cara, eu não mereço essa vida. Meus pais morreram,  tive que ir pro Japão, depois pra Coréia  do Sul, e agora eu sou meia irmã do garoto que eu mais odeio nesse pais inteiro. Caralho! Eu não mereço isso. 

Nesse momento, estou sendo forçada a estar em uma mesa, conversando civilizadamente com alguém que eu odeio. Super legal. 

A única coisa que salva é que a comida da Amika é maravilhosa! Sério, ela deveria ser cozinheira de restaurante. 

-Ouvi falar que a Maya gosta muito de dançar. E verdade?- perguntou o pai do Jimin. Finalmente vou falar de algo que eu gosto. 

-Sim, eu adoro! Ganhei dois concursos de dança no Japão. - disse. 

-Nossa, parabéns. O Jimin também gosta de dançar. Mas o negócio dele mesmo, e cantar. - disse o mesmo colocando um pouco de comida na boca. 

-Sim, gosto bastante de cantar. Até tenho uma banda com alguns amigos. - disse Jimin brincando com a comida. 

-Legal! Bem, como todos já acabaram, me ajuda a tirar a mesa Ma...- antes de Amika terminar a frase, ela viu que meu braço estava vermelho, que foi causado pelo que Jimin faz mais cedo. 

-O que é isto no seu braço, Maya?- disse ela fazendo Jimin olhar imediatamente para mim,  com um olhar de "Se você falar, eu te mato". 

-Não foi nada! Brincadeira sem graça de uma amiga. - disse me levantando da cadeira. 

- Ah! Ok então. Não precisa me ajudar, apenas mostre a casa ao Jimin. E mostre onde é o quarto dele. - disse Amika tirando os pratos da mesa. 

-Amika, aqui em casa a gente só tem dois quartos. - disse. 

-Por isso mesmo, ele vai dormir no seu quarto!- disse Amika fazendo Jimin engasgar com o suco. 

-Park, está bem? - perguntou Amika. 

-...  Tô. - disse Jimin se levantando.- Bem, já que sou obrigado a dividir quarto com você, me mostra aonde é. 

- Ok, vem. - disse subindo as escadas. 

Chegamos no quarto e ele logo foi se jogando na minha cama. Ah, se ele acha que vai ser assim, tá muito enganado. Folgado. 

-Sinto lhe informar, mas essa cama e minha, e só eu durmo nela, ok? Então vaza!- disse jogando ele da cama. 

-Quem você acha que é pra fazer isso? Sua idio... - antes que ele terminasse, o impedi. 

-Primeiramente: Sou dona da cama e quase dona da casa. Segundamente: É meu quarto e eu mando nesse porra!- disse arrumando a cama. 

-Que eu saiba esse quarto também é meu, e eu vou ficar aonde eu quiser, e eu escolhi ficar na cama.- disse ele se jogando de novo e a bagunçando. 

-Caralho Jimin! - disse batendo no mesmo, que segurou meus braços fortemente, e me aproximando de si. 

Senti um calafrio em minha espinha, que não consegui explicar. Ele era tão, lindo...  cheiroso e...  boboca. 

- Eu não deixei você encostar em mim, idiota. - disse. 

- Eu também não deixei você me bater... - disse ele que não parava de olhar pra minha boca. 

-Jimin... Me... - antes que eu pudesse acabar de falar, Amika entrou e nos separamos rapidamente. 

- Eu e o Pai do Jimin vamos sair, ok? Só vamos voltar amanhã de tarde. Juízo vocês dois. - disse Amika fechando a porta. 

Jimin imediatamente tirou o celular do bolso e discou um número. Saiu do quarto e minutos depois voltou. 

-O que você vai fazer?- disse. 

-Uma festinha...  E se você contar pra alguém, vai se ver comigo.- disse ele saindo do quarto novamente. 

- Meu São Caralinhows... - pensei comigo mesma. 

Iria ser uma festa, mas com certeza eu não ia participar, então nem me arrumei, fiquei apenas trancada dentro do quarto ouvindo música e jogando. 



      


                      [... ]


Algumas horas depois, o barulho do andar de baixo já estava insuportável, então desci descer para tentar pedir pro Jimin abaixar aquela porra daquele som. A música que estava tocando era " EXO - LOTTO" mas no meio da música, mudou para "2NE1 - Hate you" (doeu citar 2NE1 nisso) achei até estranho, porque Jimin quem escolheu as músicas, e ele não tem cara de quem gosta de GirlGroup. 

Tinha muita gente na festa, então não estaca conseguindo avistar o Jimin, então avistei um garoto e fui até ele perguntar se havia visto o Jimin. 

-Ei, garoto! Você viu o... - O som da minha voz parou de sair do nada, quando o garoto se virou e eu vi a face dele. 

-Maya? 

-J-Jeon Jungkook? 


Notas Finais


Espero que tenham gooostaadooo ♡
Kissus da louca :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...