História How not to love her? - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lily Collins, One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais
Exibições 13
Palavras 920
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, pessoas. Tudo bom com vocês? Comigo tá tudo ótimo. Espero que vocês curtam esse capítulo, comentem, favoritem e indiquem para quem vocês quiserem. Okay? Vamos lá! LEIAM AS NOTAS FINAIS.

Capítulo 3 - Two


Segundo Capítulo.

"É difícil lutar quando a luta não é justa." - Taylor.

POV'S JADE

22 de novembro de 2016, às 8:26

Eu estava comendo quando ouvi a campainha tocar, me levantei e segui a porta, por um motivo, talvez por intuição, ou conhecer demais meu irmão, eu até sabia que seria ele.
Não tive surpresa, eu realmente estava certa, ele entrou como um raio em casa, mas nem liguei, esse lugar também era dele.
- Me conte sobre isso. - disse apontando para a foto em celular, eu beijando Harry, ou ele me beijando.
- Não foi nada.
- Nada? Vocês estão se beijando, Jade.
- Foi inevitável, foi sem querer.
- As pessoas beijam sem querer. - disse afirmando com a cabeça em deboche.
- Eu ia dar um beijo na bochecha dele, desculpe, acabou virando um selinho.
- Ah! Então esse canalha que te beijou? - Eu revirei os olhos.
- Sério mesmo? Você vai ficar com ciúmes do Harry?
- Por que não me contou que eram amigos? Não confia mais em mim?
- Eu conheci ele ontem por um acaso, Philippe, e eu estou achando que VOCÊ. - Disse apontando meu dedo indicador em seu peito e dando ênfase ao "você". - Que não confia mais em mim, não temos nada, não tem porque ficar com tanto ciúme.
- Me desculpe. - Ele disse levantando as mãos, em sinal de rendição. - Só te amo muito e não quero ver alguém esmagar o seu coração. - Veio vindo me abraçar, um abraço confortante e bom, que só ele sabe dar.
- Não tenho coração. - O som saiu meio abafado, pela sua camisa estar sendo pressionada contra minha boca, me dificultando de falar, mas não de respirar.
- Odeio quando você fala isso. - Ele diz se afastando. - Agora vamos, vou te levar no trabalho. - Falou dando um beijinho na minha testa. Enquanto ele foi abrir o carro, peguei minha bolsa e saí de casa e tranquei a porta. Sentei no banco ao lado do motorista, meu irmão me levou no departamento, se despidindo com um beijo na minha bochecha, eu acenei e entrei no local.
Assim que entrei, Matheus veio falar comigo, ele também era brasileiro e nos ajuda bastante por aqui. Me recepcionou com um abraço apertado.
- O que foi aquilo, bicha?
- Aquilo o quê?
- Vai se fazer de desentendida? - disse se afastando e cruzando os braços.
- Se você me disser o que é, talvez eu não me faça mais.
- Vai dizer que você não pegou o Boy Magia Harry?
- Nada a ver.
- Tudo a ver, tem até fotinha de selinho, nem vem. - Quando ia responder, Joe me chamou, um dos donos do VS, porque o outro é a Margarete, ambos são muito gente boa, porém exigentes.
Joe é casado com Kiera, juntos, eles tem 3 filhos: Robert, 32, Luke 21 e Mark 13. Os meninos vivem por aqui, o mais novo nem tanto, pois ele tem escola. Kiera tem 51, Joe tem 53, acho o casal mais lindo que já vi!
Margarete tem 47, solteira e de muito bem com a vida, sempre simpática, mas quando ela tem que pegar no pé, ela faz mesmo.
Espanto esses pensamentos, quando noto que estou na sala de Joe, ele me chamou e eu vim conversar com o mesmo, sentei - me na cadeira de frente a sua mesa, e ele no assento a minha frente.
- Bom, você já deve imaginar do que a nossa conversa vai se tratar. - Na verdade, eu já até sabia, porém não tinha certeza, eu deveria esperar ele falar. Então, apenas afirmei com a cabeça.
- Não quero brigar com você. - Disse calmamente. - Você sabe, é minha modelo preferida aqui, faz um trabalho fantástico.
- Obrigada. - Eu disse sorrindo.
- Só quero que você me explique. - Joe jogou uma revista e na capa estava a maldita foto e com a seguinte legenda: "Novo casal? Confira na página 27." Fui na página e estava escrito: "Nesta segunda - feira, 21, alguns de nossos paparazzis presenciaram um momento épico, a modelo da marca Victória's Secrets, Jade Coutinho, apareceu dando um selinho no cantor, Harry Styles da banda One Direction. Veja a foto."
Eu encarei Joe, ele estava calado e pensativo.
- Não foi nada demais - Eu disse atraindo sua atenção e seus olhos cor de mel para mim. Dei - me a permissão de continuar. - Nos esbarramos no shopping, ele me convidou para ir no Starbucks e nós fomos, ele me deixou em casa e quando fui dar um beijo em sua bochecha, ele foi fazer a mesma coisa e acabou virando um selinho, foi na hora que os paparazzis tiraram a foto."
Ele voltou com sua expressão tranquila. UFA! Acho que consegui o convecer.
- Tudo bem, confio em você. - Me levantei e quando estava indo em direção a porta, ele completou. - Só me diga quando estiver em algum relacionamento sério. - Apenas assenti.
O dia passou voando, fizemos o vídeo da propaganda, só uma parte iríamos completar amanhã, hoje foi só as roupas do VICTORIA'S SECRETS SPORT. Era de tarde, umas 5:17, parei no Starbucks, para comer, pedi duas panquecas e um milk shake, peguei o pedido e saí, sentei na mesa de fora, já que todas de dentro estavam ocupadas, uma mão atrás de mim, tampou meus olhos, com a estratégia de que eu não visse quem era.


Notas Finais


QUEM SERÁ? TANTANTARAM
Espero imensamente que tenham gostado, favoritem e comentem. Só dar uma explicadinha básica: Deu pra escrever hoje, porque arranjei um tempinho, tá gente?!
Beijinhos e até o próximo capítulo que não sei quando vai sair. Até lá! Amo vocês. ❤💋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...