História HUMANIDADE POR UM FIO - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 11
Palavras 452
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Magia, Suspense, Violência
Avisos: Canibalismo, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Algumas pessoas vão querer me matar, outras não hahaha. Bom, espero que gostem :>

Capítulo 13 - Especiais... 😏



Todos nós, viemos morar na Alemanha depois disso. Era um país bem preparado para tudo, foi o que menos se prejudicou.

Bom, hoje eu sou médica e autora, amo a medicina e amo escrever e também ler. Me casei com Victor e estou grávida de gêmeos.

A Bruna está namorando com um garoto que ela vivia flertando no oitavo ano. O nome dele é Eduardo, Dudu. Ele tem cabelos pretos, usa óculos e é muito engraçado.

Vanessa casou-se com Bruno, um menino gato de olhos que já havia conhecido há um tempo. Eles se amam muito.

Marina casou-se com Pedro, nosso amigo da escola. Confesso que já gostei dele uns dois anos antes de conhecê-la. O Pedro tem cabelo curto, olhos castanhos e é bem bonito.

A Juliana está conhecendo melhor um garoto, que chama Ricardo. Chamo ele de Ricardão pra deixar ela puta, porque ele é realmente gato (mas não se compara ao meu hahaha)

A Luana está namorando com o Carlos, eles descobriram que se gostam. Sério, eu tava escondidinha vendo e o momento foi muito fofo quando ele pediu ela em namoro.

Giulia se casou-se com o Lu, Lucas. Ele já estudou com a gente na escola. Casaram-se a um mês.

Léo quer ficar com a Melissa, a menina que ele ainda é muito gamada de muitos anos atrás, mas parece que ela já tá em outro.


    ~Dia do nascimento~

     ~ P.O.V. Victor ~

Eu estava com Amanda assistindo TVD na Netflix e de repente ela disse que estava sentindo uma dor muito forte na barriga. Fomos logo para o hospital. No carro, eu liguei para os pais dela e também para os meus. Eu estava tão nervoso...

Chegando no hospital, eu disse que ela estava entrando em trabalho de parto, e eles rapidamente a colocaram numa cadeira de todos e levaram-na para um quarto. Fiquei do seu lado o tempo todo, segurando sua mão e dizendo para se acalmar.

Quando chegou a hora do bebê nascer eu continuei no quarto. Somente ouvia ela gritando de dor, e estava tão nervoso que acabei desmaiando. Isso só acontece comigo mesmo. Acordei numa cadeira que estava de fora da sala, junto com meus pais e os dela tentando me acordar.

- Eles já nasceram? - disse atordoado.

- Sim. Mas somente daqui a uns 20 minutos você pode ir lá - me disse a mãe de Amanda.

Esperei por aqueles 20 minutos que pareciam não ter fim e entrei na sala, Amanda já havia tomado banho e nossos filhos também, era um casal. Uma linda menina com os olhos verdes como os meus, seu nome seria Sophia. E um menino lindo com os olhos brilhantes igual os da mãe.

- São lindos, né amor?

- Muito muito lindos!

Sempre os amei desde que estavam na barriga da mãe.





Notas Finais


Gente, espero que tenham gostado, muito obrigada por todos os favoritos e pelas pessoas que me acompanharam. Acompanhem minhas outras fanfics 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...