História HUMANIDADE POR UM FIO - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 15
Palavras 354
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Magia, Suspense, Violência
Avisos: Canibalismo, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpem por não postar todos os dias, é que tenho estado meio ocupada, mas, espero que gostem <3

Capítulo 6 - Vanessa virou um zumbi - Parte 2


- Como?! - perguntei esperançosa.

- Vocês devem saber que eu adoro assistir filmes de terror. Eu aprendi em um deles, a como fazer seu próprio livro de magia! Tenho um feitiço para que Vanessa não nos coma, devore somente pessoas que não tem nenhuma ligação, até porque ela tem que se alimentar, pelo menos por enquanto...

Olhei para ela com essa carinha 😏, quando disse: "nos coma". Haha.

- Vamos logo, Luana! - interveio Juliana.

Luana teve que fazer o feitiço separada pelas grades, pois não sabia o que poderia acontecer. E pronunciou as seguintes palavras (só consegui escrever com a ajuda dela haha):

- "Et populi tui non possunt occidere: hoc Zombie velit. Et cum esurierit, non tibi populi, et semper, et in plateis cooperatores trolaremos (segurei o riso nessa parte) in fame est et infirmi!" - Acho que estava falando em latim, só podia ser.

Vanessa caiu no chão e começou a se tremer, aquilo não parecia uma convulsão, pior, parecia que estava sendo possuída, só para terem uma ideia, mas não estava sendo possuída, graças a Deus. Depois, levantou-se com os olhos vermelhos que minutos depois, ficaram normais e começou a falar conosco:

- Gente, o que foi que aconteceu? Por que estão me olhando assim? Estou com muita fome! Pera, porque estou assim?! Virei zumbi? Como estou conseguindo falar?!

- Calma, Vanessa! Realmente você foi mordida por um zumbi. Mas, descobrimos que a Luana é feitiçeira e ela fez um feitiço para você não nos devorar!

- QUE LOUCURA!!

Ela entrou e... digamos... o jantar dela foi uma PUTA que ela tinha que tirar satisfações a muito tempo - Bernadette - ela era uma PUTA da nossa escola que ficava empinando o cu, pra ver se conseguia ter algum volume, andava parecendo uma pata, tentando mostrar os peitos e a bunda que não tinha, ficava dando em cima de Victor e Léo e tinha um nariz que tinha "5 palmos de comprimento" - como era muito magra, teve que se satisfazet com Arlete e Jeanete, outras duas putinhas seguidoras da Bernadette.

Fomos descansar desse dia tão longo, fizemos revezamentos para proteger o portão para não ter perigo de sermos atacados.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...