História Hybrid Sex {Jikook/KookMin} - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Kai, Lisa, Lu Han, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, V, Yugyeom
Visualizações 487
Palavras 1.278
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


ACHOU QUE EU NAO BROTAVA HJ NÉ? KDKDKDKDKDKD

Capítulo 15 - ♦ 14 ♦


Já havia amanhecido o dia a muito tempo quando Taehyung decidiu que não iria mais esperar e ir atrás de Jimin.

Ele estava com muita pressa e sozinho, não havia avisado nem Hoseok nem Dong que havia saído atrás do híbrido.

Ele passou pela casa do loiro e não sentiu a presença de ninguém, na verdade a casa parecia totalmente vazia, antes de ir embora ele ouviu pequenos ruídos na casa ao lado, no caso a de Jungkook.

E sem pensar duas vezes ele foi em uma velocidade rápida até a casa do outro híbrido. Abrindo a porta com força e fazendo Jeon o olhar confuso com uma sobrancelha arqueada.

– O que foi? - perguntou, com sua voz soando puro tédio.

– Cadê o Jimin? - perguntou afobado, demostrando aflição.

– Não sei. - deu de ombros, fazendo o Kim suspirar cansado.

– É lógico que sabe, o cheiro dele 'tá recente aqui. - falou fechando a porta atrás de si e andando até o balcão onde o moreno estava encostado, com sua jaqueta de couro fazendo um leve barulho de roçar enquanto caminhava.

– Ele dormiu aqui ontem a noite, mas quando eu acordei não estava mais aqui. - disse de uma forma desleixada, sem importância. – Já tentou procurar na casa dele? - disse como se fosse óbvio.

– Que pergunta. - comentou. – Por coincidência. - deu uma pausa olhando Jungkook. – Foi o primeiro lugar que eu procurei.

De repente o clima entre os dois ali estava saindo de amigável para um clima tenso e meio desconfortável. Taehyung parceria nervoso e Jungkook não tinha paciência para um Taehyung nervoso.

– 'Tá. - Jungkook deu continuidade, impaciente. – Mas porque quer tanto saber do Jimin em? Você sabe que as vezes ele dá essas sumidas.

– O Jackson apareceu na casa do Hobie todo machucado, parece ataque de lobo, mas ele apagou antes mesmo de dizer alguma informação importante, a única coisa que ele disse foi pra gente avisar o Jimin. - Taehyung explicou tendo o olhar sem expressão de Jungkook em si.

– Já avisaram o Mark? - agora o híbrido se movia rapidamente, colocando sua camiseta preta meio apertada e saindo pra fora da casa junto com Taehyung.

– Não, ele também sumiu. - Kim disse de uma maneira rápida, sua voz soando com muita agonia enquanto passava a palma da mão na testa, poderia se dizer que ele limpava o suor, porém não tinha nada ali.

– Como assim sumiu? - Jungkook perguntou com firmeza, da mesma forma que um capitão pergunta para os recrutas de uma forma meio ácida.

– Não atende o telefone, não demonstra presença, do mesmo jeito que Jimin sumiu ele também evaporou. - o vampiro dizia sem parar.

Agora os dois estavam na frente da casa do Park, analisando a pelo lado de fora.

– Eu vou entrar. - Jungkook falou antes de correr para os fundos.

Taehyung estava aflito, Jimin costumava sumir sim, mas ele nunca havia desaparecido em um momento tão importante como aquele. Jimin era o mais velho e o mais experiente, por ele ser híbrido sempre o chamavam para resolver os problemas.

Sem ele ali, era como ficar com tudo bagunçado, e não saber arrumar. Você tem a solução tem o problema, mas não tem algo que a faça se resolver. Jimin era aquele que fazia tudo se resolver. Ele sempre tinha uma ideia pra alguma coisa.

Era o primeiro a saber dos problemas e antes mesmo de você começar a pensar ele já havia resolvido. Taehyung tinha medo, imaginava a reação de Mark ao ver o namorado machucado e desacordado.

Ele só se sentia confuso, tentava de todas as formas pensar no que havia feito aquilo com Jackson, pelas marcas de garras afiadas, só lhe vinha um lobo na mente. Porém porque um lobo teria atacado Wang? Logo ele, um lobo tão raro e forte, vítima de um lobo comum? Pensava.

E mesmo que Jimin estivesse ali, do que adiantaria avisa-lo. Avisa-lo de quê? Se o lobisomem nem ao menos pôde dizer o que deveria avisar.

O que eles fariam agora? Sua segunda opção era Jungkook, mas primeiro o moreno tinha que analisar os detalhes e ele parecia tão confuso quanto todos.

– Ah, Jimin. Quando você voltar... - deixou a frase no ar, como uma forma de ameaça.

– Acho que ele não vai voltar. - foi surpreendido pela voz mais grossa do que a de Jungkook que tinha uma expressão vazia.

– Por que? - Taehyung se assustou, com o que o moreno poderia ter visto ou encontrado lá dentro.

– Porque as roupas dele... Todas... Sumiram. Se ele não caiu fora de vez, foi ter umas férias de verão e não avisou a gente.

×××


Jimin corria, corria muito, se não corresse não chegaria a tempo. Naquele momento ele meio que se perguntava porque havia aceitado aquele proposta, de qualquer forma, não voltaria atrás agora.


Quando finalmente chegou ele já sabia que lhe esperavam, então apenas deixou a mala ao seu lado, e arrumou sua camisa, antes de arranhar a garganta, como uma forma de "tocar a campainha", e saberem que ele estava ali.


A porta foi aberta, os cabelos negrumes avistados e um sorriso consideravelmente doce apareceu no rosto de seu velho amigo.


– Jimin. - ele soltou o nome do híbrido que sorriu abaixando a cabeça. – A quanto tempo. - ele parecia realmente feliz em ver o amigo ali. – Entre.


∆∆∆


– Como assim? - Dong perguntou confuso.


– Sumiu, Sun. Simplesmente caiu fora. - Jungkook o respondeu entrando mais para o centro do lugar. – Onde está o lobo?


– Está lá em cima. - Hoseok disse, e logo após Jungkook subiu as escadas indo até o quarto em que o lobisomem repolsava.


– E agora, o que a gente faz? - Dong perguntou de novo, trocando o olhar entre Hoseok e Taehyung.


– Eu não sei. Mesmo que Jimin estivesse aqui, o que a gente avisaria pra ele? O Jackson não disse. O Mark também não deu sequer um sinal de vida.


– Falando nisso, eu vou atrás dele. - Hoseok falou se levantando e indo atrás de seu casaco.


– Eu também vou. - Dong disse antes de sair de casa com o gêmeo.


O Kim suspirou, cansado, agora era ele e Jungkook naquela casa com um lobisomem desacordado.


Taehyung subiu as escadas com calma, olhando para o chão e parou assim que chegou em frente a porta entre aberta onde ele via Jungkook encarar o loiro desacordado.


Franziu assim que o moreno colocou a mão no peito do outro, como se quisesse sentir alguma coisa, talvez os batimentos, também tinha que pensar que Jungkook havia sua parte loba, era um híbrido, um lado do seu corpo ainda era igual a de Jackson.


Talvez por conta disso ele soubesse o que estava acontecendo, e como se o moreno ouvisse os pensamentos do acastanhado ele disse, ainda encarando Wang.


– Eu posso até ser um híbrido, mas minha parte lobisomem ainda não reconhece o que ele tem. É como se fosse um problema dele próprio, do próprio corpo.


– Eu não sei o que fazer. - Taehyung disse, parecendo cansado, sua voz soando cansada. – Jimin saberia.


– É, mas Jimin não está aqui.


– Onde será que ele 'tá? - perguntou, mais a si mesmo passando a mão na testa se aproximando da janela que tinha ao lado refletindo um pouco do quarto.


– A esse ponto, eu não sei mais nada. Chego a me perguntar se realmente conheço Park Jimin.


– Se realmente conhece o Jimin? - riu sem humor. – Você é a pessoa premiada que conhece o Jimin! Tantas pessoas que não fazem a mínima ideia de como ele é, e você sabe exatamente o que ele está pensando apenas de olhar pra ele. - disse tendo o olhar de Jungkook em si.

– É.



Notas Finais


OMMA AMA VCS MUITÃO.

ALGUM PALPITE DE ONDE JIMIN ESTÁ?

COMENTEM MEUS BEBES.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...