História Hypnose - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Iruka Umino, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara
Tags Festa, Hinata Hyuga, Naruhina, Naruto Uzumaki, Sasusaku
Exibições 94
Palavras 1.165
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Estou repostando a fic, algumas partes estão editadas (inclusive a Sinopse), espero que gostem ♥

Capítulo 1 - Welcome


Durante semanas Hinata insistiu para que o pai deixasse-a ir para a Universidade Publica, mas ele diversas vezes relutante apenas negou. Agora, depois de tanta insistência, o pai permitiu que ela ingressasse em tal. A sua real preocupação era mera hipocrisia, já que ele não queria que a filha se interasse com pessoas de classe social abaixo da sua. Hiashi Hyuga era dono de uma das maiores rounds do país e sempre foi cauteloso com a família, a fim de que não fossem expostos qualquer um de seus familiares, o medo de que seus inimigos ferissem seus tesouros lhe dominava. Por essas e outras, suas filhas, Hinata e Hanabi tiveram que estudar em casa com professores particulares durante grande parte de suas vidas.

Dentre todas as universidades, Hiashi só permitiu que a filha estudasse na tão famosa University D’Ford pelo fato de seu sobrinho também estar lá, dessa forma o garoto ficava de olho em sua filha. O campus estava distante de sua casa, e ela teria que ficar nas dependências da universidade durante o tempo que cursasse.

Hinata já com seus dezoito anos queria ser livre de toda aquela prisão.

(...)

Foi com um abraço demorado e um beijo na testa que pai e filha se despediram. Hiashi não poderia acompanha-la, pois teria reuniões importantes na empresa, mas liberou um de seus seguranças para ir junto com a garota. Durante todo o percurso desde a casa até a Universidade, Hinata foi sorrindo, apenas imaginando as imensas coisas que viriam pela frente.

Ao chegarem ao campus, foram recebidos pelo coordenador – um homem alto, careca e barbudo trajando roupa social escura – que ajudou a levar as duas malas que a garota portava. O homem não apresentou bem o campus para ela, alegando que no dia seguinte alguns alunos estariam dispostos a fazer tal trabalho, e sem muitos detalhes eles foram diretamente para o quarto em que ela iria dividir com mais duas garotas.

O quarto ficava no segundo andar do prédio e ao entrar no cômodo ela pode ter a visão deslumbrante – ou nem tanto – do quarto: Dois beliches postos em cada canto, um armário de porte médio no centro e uma mesinha de estudos em outro canto. Uma das camas já estava com alguns utensílios e malas, de certo que uma das garotas já havia chego.

— Tenha bom proveito do seu novo lar, irei recepcionar outros alunos, sinta-se a vontade. – o coordenador falou se retirando e deixando tanto ela quanto o acompanhante.

Hinata respirou fundo e seguiu até o outro beliche.

— Tenho certeza que o se o senhor Hiashi visse este local, certamente te levaria de volta para casa, a senhorita tem certeza que ainda deseja ficar aqui? Podemos ir atrás de outra universidade. – o segurança de seu pai falou enquanto colocava as malas em cima da cama.

— Não se preocupe, eu gosto daqui, ficarei bem... – começou a falar, porém foi interrompida com um baque na porta.

Uma garota entrou um pouco mais alta entrou no lugar, o rosto estava tampado por uma grande caixa de papelão que ela carregava. Assim que ela largou a caixa no chão foi possível ver sua fisionomia: Pele clara, olhos verdes e cabelo rosa (?) um pouco acima da cintura.

— Olá! Você deve ser a Hinata, muito prazer, meu nome é Sakura e daqui em diante seremos colegas de quarto. – Sakura lhe estendeu a mão e de forma tímida Hinata a cumprimento. — Oh, olá para o senhor também. – falou dirigindo-se ao segurança.

— Bom dia senhorita, bom eu já vou me retirar, caso precise de algo é só me ligar, bom proveito senhorita Hyuga. – fez um aceno de respeito as duas e saiu logo em seguida.

— Que legal você tem seu próprio mordomo... Bom, vamos arrumar as coisas, escolha a cama que quiser, a Ino chegara amanha e ela fica com o que sobrar. – Sakura falou enquanto retirava algumas roupas de dentro da caixa que trazia.

Antes que elas continuassem com a conversa, a porta do quarto foi aberta abruptamente e dois garotos entraram, uma explosão de confetes e algumas bexigas voando no quarto vieram logo em seguida.

— Bom Dia! Viemos dar as boas vindas aos novos alunos da Universidade D’Ford e dizer que os banhos só podem durar cinco minutos, já que a água do mundo está acabando... – um dos garotos falava enquanto lia em um pequeno papel. O porte alto, os cabelos loiros arrepiados e uma camiseta de banda de rock eram o que mais chamavam a atenção nele.

— Ok Naruto, já deu, ninguém precisa dessa sua recepção amorosa. – Sakura falou enquanto pegava um aparelho de lançar confetes da mão do garoto, ela apenas o disparou e uma ultima explosão de confetes foi lançado no quarto.

— É mais divertido quando sou eu que faço.

Hinata olhava tudo atentamente, o outro garoto escorado na porta – usando bermuda e camiseta preta – com expressão séria, também tinha atenção nos outros dois que discutiam por besteira. O garoto pigarreou e se aproximou dos três.

— Bom. Olá a todas, prazer, meu nome é Shikamaru e por pura infelicidade do destino eu fui colocado para recepcionar os novos alunos junto com esse ser. – falou se direcionando a Naruto.

Ao final da frase, Shikamaru recebeu um soco na cabeça por parte do loiro, fazendo com que todos no ambiente dessem risadas, aquilo era como um alivio para o que viria neste novo ano.

 (...)

No dia seguinte de sua chegada, Hinata conheceu a outra colega de quarto, Ino — que era tão hiperativa quanto Sakura — e que iria cursar junto a morena na mesma turma, ambas tinham em mente o curso de Administração, um área bem afastada da de Sakura que iria no decorrer dos anos cursar bioquímica. O pai de Hinata, Hiashi, por diversas vezes ligou para a filha, uma chama atrás da outra e sempre com as mesmas perguntas, a preocupação de que a filha estivesse sozinha pela primeira vez lhe domava, não sabendo ele o quanto aquilo a deixava irritada.

O domingo foi para se estabelecer melhor em seus quartos e conhecer o campus por completo, no dia seguinte já começariam as aulas e elas teriam que estar prontas para que não ocorressem problemas logo em seu primeiro dia. O monitor lhes apresentou praticamente tudo naquele local, e ao fim da tarde foi que a pequena turnê na Uni acabou, aos poucos as pessoas foram se dispersando voltando aos seus dormitórios.

O tempo estava completamente nublado, a garoa fina que caía fazia com que a temperatura ficasse cada vez menor. Por ser domingo a maioria das lojas estavam fechadas, as meninas tiveram que sair do campus para achar algum estabelecimento aberto, depois de uma pequena procura elas encontraram um bookcoffe.  Por conta do tempo fechado, a maioria dos estudantes se aglomerou no local, todos procurando um aconchego. Elas estenderam seu tempo no estabelecimento até o anoitecer.

Ao chegarem a seus dormitórios as garotas só tiveram tempo de tomarem banho e se jogar na cama, sabendo que o dia seguinte seria de grande correria.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...