História I am Uny - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Batman, Esquadrão Suicida, Exterminador "Deathstroke/Slade", Gotham, Liga da Justiça
Personagens Barry Allen (Flash), Bruce Wayne (Batman), Coringa (Jack Napier), Diana Prince (Mulher Maravilha), Harleen Frances Quinzel / Harley Quinn (Arlequina), Harvey Dent (Duas-Caras), Oliver Queen (Arqueiro Verde), Oswald Chesterfield Cobblepot (Pinguim), Personagens Originais, Selina Kyle (Mulher-Gato), Wally West (Kid Flash)
Tags Desenhos, Escola, Super Herois, Vilões
Exibições 90
Palavras 522
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Super Power, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Ep novo!
Mandem perguntas sobre a fic e sobre o que acharam
Espero que gostem

Capítulo 21 - Cap 15- D. O. L. L. H. O. U. S. E


Fanfic / Fanfiction I am Uny - Capítulo 21 - Cap 15- D. O. L. L. H. O. U. S. E

Chegamos em casa cansados, e pelo menos eu... Morta de fome.
  - Pai cheguei! - Disse ao chegar... Sem resposta...
  - Ele não vai ficar bravo? - Perguntou R.
  - Por que ele ficaria?
  - Sei lá! Talvez por que a gente chegou tarde... Tipo... - Ele disse olhando para o relógio. - São meia-noite
  - Meu pai não liga! - Abri um sorriso um pouco forçado. - Tô com fome! - Andei em direção a cozinha e abri a geladeira. - Droga! Não tem nada.
  - Hump...  - R.  Parecia encomodado com alguma coisa.
  - Amorzinho? - Perguntei fazendo massagem em seus ombros. - O que foi?
  - Nada... E que... Vocês... Tipo, você seu pai e sua mãe... Sempre se mostram a família perfeita, a família do crime perfeita! Mas as vezes parece o ao contrário... Tipo... Sua mãe foi presa... Quem cuida de você?
  - Eu mesma!
  - Não agora.... Mas antes?
  - Se o papai ou o Johnny não tivessem muito ocupados seriam eles... ou uma das empregadas... Por que a pergunta?
  - Bem... - Ele se virou para mim. - Você é uma pessoa muito feliz para o ambiente que vive! Muito perfeita para essa casa de bonecas!
  - Everyone thinks that we're perfect,
Please don't let them look through the curtains.… - ( Tradução: Todos acham que somos perfeitos, mas por favor não olhe atrás das cortinas. )
  - E se você tentasse ser diferente? - Falou Robin me abraçando. - Tipo uma heroína?
  - O que? - O Empurrei. - Nunca! - Lhe dei um tapa na cara lhe fazendo cambalear.
  - Ai! Isso doeu!
  - E para doer! Eu já te disse Robin's! Nunca tente me mudar! - Andei até a cozinha. Eu me sentia um pouco mal por ter batido nele, mas mesmo minha família tendo problemas eu amava eles! Amava a minha Casa de Boneca! Depois de dezessete anos morando com a escuridão eu já havia me acostumado com ela. Bebi um copo de água rápido e depois o lavei... Também limpei as poucas lágrimas em meu rosto e voltei para sala.
   Robin estava sentado no sofá, com cara amarrada. Quando percebeu minha presença não mostrou muita expressão e voltou a olhar para frente.
  - Você terá que se acostumar. - Falei.
  - Com que? - Ele finalmente olhou em meus olhos.... Ele ficava mais sexy bravo.       - Desculpa...
- Você pedindo desculpa? Que milagre!
- O que eu posso fazer para você me perdoar.  - Subi em seu colo.
  - Hum... - Ele pareceu pensar um pouco antes de falar. - Já sei! - Ele me jogou no sofá  e me beijou loucamente!
  - Já começou bem! Hahahaha! - Ele me pegou no colo e me levou até o quarto. Alguns capangas nos viram, soltei um olhar assasino para eles, se eles contassem para meu pai estariam mortos! Ele me jogou na cama.
   - Cookie? - Ele me olhou.
   - Todinha sua! - Respondi tirando sua blusa.


Notas Finais


Música da Uny na cozinha - Dollhouse
Música deles se beijando - Gangsta kelhani


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...