História I Came to Find You - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Find You
Visualizações 4
Palavras 486
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Estupro, Heterossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Leiam escutando "Hear Me Now (feat. Zeeba) - Alok & Bruno Martini" (se quiserem).

Capítulo 2 - Sorry Father


Fanfic / Fanfiction I Came to Find You - Capítulo 2 - Sorry Father

Depois do dia 26 eu certamente não conseguia mais ser a mesma de antes. O sorriso que eu mantinha em meu rosto no meu dia a dia, passou a não existir mais.


Meu pai cada dia ficava mais preocupado, enquanto a minha coragem de contar pra ele, ficava mais inepta. Eu não comia direito e, depois do colégio eu voltava pra casa e ficava fechada em meu quarto. Meu pai era advogado e trabalhava o dia inteiro, só nos víamos de manhã, no almoço e de noite.


Contei o que aconteceu para as minhas amigas, Lisa e Vivian. Elas ficaram pasmas com tudo que eu havia as contado. Lisa insistiu para eu contar ao meu pai, de fato eu iria contar, mas eu simplesmente não conseguia. Só de imaginar a sua reação, minha garganta começava a doer, e meus olhos se enchiam d'água novamente. A sua reação era inimaginável, porém sabia que ele iria ficar triste com isso de alguma forma.


15 de Novembro de 1977


Por fim veio o dia em que meu pai me encurralou de perguntas, fazendo com que eu entrasse em desespero emocional, por não querer contar a ele. Isso deixou meu pai confuso. “Por que você está se comportando dessa maneira?”

É… O meu comportamento estava tão mudado, tanto em casa quanto na escola, realmente não conseguia me reconhecer mais.


Meu pai veio até mim e me abraçou e disse que iria me entender, independente do que fosse.

Com o rosto molhado por minhas lágrimas desfiz o abraço, assim fiz sinal para que ele se sentasse no sofá da nossa sala.


Assim, eu comecei a contar… Quando cheguei na parte do parque percebi meu pai começar a chorar. Eu nunca tinha visto aquela cena… Meu pai estava chorando bem alí na minha frente, percebi que ele tentava conter as lágrimas, mas parecia muito para o mesmo. Eu parei de contar, pois ele não precisa saber os detalhes, somente dizer que eu… Fui estuprada, já era o máximo que eu poderia contá-lo.


Eu não queria que meu pai ficasse daquele jeito, eu sabia que isso iria acontecer.

— Me desculpa pai… Eu não queria que o senhor ficasse neste estado, eu sou uma irresponsáv...

— Pelo amor de Deus filha, não precisa se desculpar. — Me interrompeu.  

— Simplesmente não consigo ver o senhor assim por minha causa.

— Eu sou o de menos querida, porém… O com você aconteceu foi horrível.

— Eu sei… — Comecei a chorar.

— Conta comigo para o que precisar minha linda, eu sempre estarei aqui para você. — Ele me abraçou e assim eu o correspondi.


Consegui achar em seus braços todo o afeto e segurança que eu precisava.


Depois daquela noite eu já pude ao menos dormir melhor, por não ter mais algo para se esconder de meu pai. Entretanto meu pai andava mais cabisbaixo, eu sei que era por minha causa, mas também sabia que aquilo iria parar conforme o tempo passasse.


Notas Finais


Bye


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...