História I can not be weak - Capítulo 47


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Pattie Mallette
Tags Justin Bieber, Romance, Tragedia
Exibições 47
Palavras 417
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 47 - Eu te amo tanto


P.O.V da Sophia 

Minha mãe estava deitada no quarto de hóspedes e eu estava no escritório com Justin, os meninos e alguns homens 

Eu quero que vocês façam de tudo pra encontrar ele - ordenou 

Mas ele não era seu inimigo? - um dos homens perguntou 

Ele é pai da Sophia - apontou pra mim 

Todos os olhares foram direcionados para mim e eu corei

E quem é ela? - o mesmo cara perguntou 

Ta fazendo perguntas demais, você não acha, Mauro? - ironizou rindo

Não acho - sorriu pra ele 

Acho que esse segurança é oque tem mais tempo de trabalho com ele. Justin não é de brincar com nenhum segurança e com esse ele estava de boa.

P.O.V do Justin 

Eu não gosto do pai da Sophia, não mesmo. Mas acho que agora ele não me intimida mais. 

Eu tô fazendo isso por ela e não por ele. Quero matar o Mateus também, aí já aproveito a oportunidade.

Depois de resolver com os caras todo o esquema pra procurar o pai da Sophia, ficamos no escritório só eu e ela. Eu levantei e caminhei até a porta, mas fui surpreendido quando fui virado e empurrado contra a mesma. 

Gemi com a dor que senti nas costas e meu rosto foi segurado com força 

Eu te amo tanto - Sophia começou a me encher de beijo 

Eu também - peguei em seu rosto 

Também oque? - me olhou 

Te amo - sorri 

Ama muito? - perguntou rindo 

Amo muito - sorri e ataquei seus lábios 

P.O.V da Sophia 

E da próxima vez que você me surpreender assim, eu vou te foder até você pedir pra parar - falou serio -Não importa onde estejamos - gargalhou 

Que merda, Justin - gargalhei junto com ele 

Vem cá - me puxou e me beijou 

Ficamos um tempo nos amassos e carinhos. Eu segurei em seu rosto e o beijei novamente 

Fica assim comigo o dia todo - abracei ele 

Assim como? - cheirou meu cabelo 

Bem carinhoso - sorri e olhei pra seus olhos 

Ta bom, só hoje - riu e me deu um selinho 

Quero sempre assim - rocei nossos narizes 

Ta querendo demais, não acha? - perguntou irônico 

Não acho, não - fiquei seria 

Vou pensar em seu caso - mexeu em meu cabelo 

Ah, Justin - lamentei com cara de bebê 

Eu tô brincando, amor - sorriu e me beijou 

Amor - o abracei fortemente

Vamos comer - me abraçou de lado e fomos pra cozinha 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...