História I Did Not Forget - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Magcon
Personagens Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Carter Reynolds, Hayes Grier, Jack and Jack, Jack Gilinsky, Jack Johnson, Jacob Sartorius, Jacob Whitesides, Mahogany LOX, Matthew Espinosa, Nash Grier, Nate Maloley, Sammy Wilkinson, Shawn Mendes, Taylor Caniff
Tags Califórnia, Família, Fanfic, Husky, Magconold, Maggielindermann, Musical, Natemaloley, Shawnmendes
Exibições 5
Palavras 519
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oitudobom, aqui está o primeiro capítulo da história, tá curto, mas foi de coração, espero que gostem, xoxo.

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction I Did Not Forget - Capítulo 1 - Prólogo

Alice Maloley

2012

Escola Artística

Los Angeles - Califórnia

02:47 AM

- Rápido Alice! Corre antes que nos peguem. - O moreno falou segurando meu pulso e correndo a minha frente.

- Do que estamos correndo? -Eu estava rindo enquanto o acompanhava, tentando entender o motivo daquela correria, olho para trás tentando ver algo, ou alguém mas sinto meu corpo ser puxado e quando percebo estávamos na sala de produtos de limpeza, que se encontrava em baixo da escada que dava acesso às aulas teatrais, olho para o garoto assustado e com a respiração ofegante e dou um sorriso de lado negando com a cabeça, olho para as suas mãos que se mantinham firmes na minha cintura e me afasto, tentando recuperar o ar. - Vai me dizer porque estava fugindo? -Falo assim que recupero o ar.

- Eu estava na sala de instrumentos, e o professor me viu... O que estava fazendo até tarde aqui?

- Eu... Espera, porque você estava aqui até tarde? -O olho.

- Eu perguntei antes.

-Estava ensaiando, estou nervosa para a apresentação de amanhã.

- Por que está nervosa? Você é ótima no que faz, e sabe disso. - Ele falou enquanto eu fitava seus olhos, e sorriu, aquele típico sorriso de lado que ele dava, e percebi que estava se aproximando cada vez mais.

- Não sei, só estou nervosa. -Sorrio fraco e abro minha boca para falar algo, mas escuto algumas vozes no corredor e olho para ele, depois disso a porta se abriu, e de alguma forma, não sei como, nós dois conseguimos nos encolher atrás da porta.

- Não tem nada aqui. -Foi tudo que pude ouvir após a porta ser fechada novamente e os passos se distanciarem.

- Bom, conseguimos escapar de um possível sermão. -Ele falou e nos olhamos, com sorrisos no rosto, estávamos tão próximos que eu podia sentir sua respiração bater contra minha pele, havíamos nos abraçado para podermos nos encolher o máximo possível para não sermos encontrados, e o pior de tudo é que não conseguíamos se separar um do outro.

- Shawn, nós... -Antes de terminar a frase sou interrompida por ele, que colocou seu dedo sobre os próprios lábios, indicando que era para fazer silêncio, foco meu olhar ali, não para o dedo, para sua boca, e acabo me perdendo naquele sorriso sorrateiro, que se aproximou cada vez mais de mim.

- Alice... -Ele para de falar assim que percebe meu olhar, e sorri, colando seus lábios nos meus, eu não consigo definir qual foi minha reação, não consegui me separar, seus lábios eram doces e me prendiam ao dono, o beijo era suave porém foi se intensificando cada vez mais assim que ele segurou minhas coxas me puxando para cima, o que me fez entrelaçar minhas pernas na sua cintura, escuto um barulho e assim que separo nossas bocas vejo que acabamos derrubando as vassouras no chão.

- Ops. -Sussurro e nos olhamos, soltando risadas baixas pelo o que havia acabado de acontecer, depois disso? Nada, ficamos nos olhando até que decidimos finalmente voltar para a casa e ter uma boa noite de sono, juntos.


Notas Finais


Boa noite de sono, ein?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...