História I Fell In Love - II - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Selena Gomez
Personagens Personagens Originais
Tags Justin Bieber
Exibições 137
Palavras 2.627
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 27 - The end


4 anos depois.

P.O.V's Allexia.

- Filha não! VICTÓRIA - Gritei com a menina mais bagunceira do mundo.

- Ai mamãe - Vic resmunga caída no chão.

- Eu falei para você não pular do sofá! Vai ficar de castigo! 

- Ta doendo mamãe - Vic fala fazendo cara de dor.

- Machucou? Aonde dói? - Perguntei me abaixando na sua altura.

- Minha costas - Vic fala e eu ri baixo. Peguei ela no colo e coloquei no sofá.

- Sobe e vai para o seu quarto, ja eu vou lá te dar banho - Falei, ela assentiu e se levantou do sofá.

Jack está com cinco anos e três meses, Victória está com quatro anos. Eles cresceram muito rápido. E durante esses quatros anos muitas coisas mudou.

Madison terminou a faculdade, ela esta morando aqui em Los Angeles com nós. Sim, nós mudamos para Los Angeles.

Mandy se casou com Mark, dono da clinica aonde nós duas trabalhamos. Sim, eu fiz faculdade de medicina, estou quase terminando. Falta apenas dois anos. Mas eu já trabalho nessa profissão, sou psicóloga.

- Jack caiu - Justin chega com Jack no colo  e com o joelho ralado.

Justin não morreu e não estava com câncer no pulmão. Foi tudo um erro do hospital. E as tontura, ânsia de vômito e todos os sintomas mal que ele sentia era por causa dos remédios forte que ele estava tomando. Quando descobrimos foi o melhor dia da nossa vida.

Ah esqueci de mais um detalhe. Tenho um irmãozinho de 1 ano. Mandy ficou grávida. O nome dele é Mike. Sou apaixonada por ele.

- Meu amor, como você caiu? - Perguntei indo ate o Justin.

Justin ainda é um traficante esta mais poderoso, pelo simples fato de está dominando metade de L.A, outra metade é seu pai. Os garotos também vieram para L.A, eles são um grupo e nunca vão se separar.Eu tenho medo da vida que ele leva, mas eu já sabia dos riscos que iria correr.

Muitas coisas mudaram com a vida dos meninos. Ryan se casou com a Kennya. Madison e Chaz vivem um relacionamento escondido, na verdade só o Justin não sabe... E se ele souber mata o Chaz. Chris esta namorando com a Molly. Martin esta casado com a Danniela e com uma filha de sete meses.

- Cai do "escolegador" mamãe - Jack fala com lágrimas nos olhinhos - Papai ficou rindo depois me ajudou - Jack fala e Justin riu baixinho.

- Mas eu te ajudei - Justin se defende depois de eu lançar um olhar mortal para ele - Pega a caixa de primeiros socorros, vou fazer um pequeno curativo aqui - Justin fala para mim.

- MAMÃE VEM - Victória me grita.

- Ta doendo mamae - Jack resmunga.

- MAMÃE - Victória grita.

- PARA DE GRITAR VICTÓRIA - Justin grita. É sempre assim. Mandamos parar de gritar gritando.

- Papai vem dar banho en mim? - Victória para no topo da escada e pede.

- Eu vou cuidar do machucado do Jack, filha.

- Voxe só dá atenção pro Jack - Victória faz cara de choro.

- Sua mãe te dá banho....

- Eu cuido do Jack, pode ir - Falo pegando Jack do colo dele. Justin me dá um selinho e sobe as escadas. Fui ate a cozinha e peguei a caixa de primeiros socorros. - Como foi sua manhã com o papai? - Perguntei me sentando no sofá.

- Allexia o almoço já esta pronto - Mari fala.

- Tudo bem, Mari - Sorri.

- Foi bem legal.... Papai comprou um carrinho para mim - Jack olha para os lados, parecia está procurando algo - Esquexi dentro do carro - Jack faz biquinho. Ele começou a contar como foi sua manhã com o Justin. Contou ate que uma mulher perguntou como era o nome do seu papai, que no caso é o Justin. Vagabunda!

Dei um banho no Jack arrumei ele e logo descemos para almoçar, Victória e Justin já nos espera na mesa.

- Então... Eu estava pensando, e acho que vou colocar a Victória em um internato - Justin fala serio e eu começo a rir - Nao tem graça isso! 

- Justin, isso é serio? 

- Muito serio! Já vi ate uns nomes do internato daqui - Justin fala jogando seu celular para mim. E ele realmente pesquisou.

- Amor para com isso.... - Comecei a rir muito.

- Allexia! Não é brincadeira, isso é serio muito serio.

.

.

- O que é isso? - Perguntei para o Justin que me entregou uma caixinha de veludo vermelha.

- Abre - Ele movimenta os lábios sem som. Abri a caixinha e dentro me deparei com um colar com dois pingentes, uma menino e uma menina, atrás dos pingentes bem pequeno tem escrito o nome do Jack e da Victória.

- Que lindo.... Meu deus - Falei encantada - Te amo - Olhei sorrindo para o Justin.

- Victória que falou para eu comprar, semana passada quando nós fomos no shopping comprar a arvore de natal, ela parou em frente uma loja de jóias, ela apontou para esse colar e falou " Papai, compla pra mamãe, aqui tem um meninu e uma menina... É nós dois" Vic apontou para ela e o Jack e sorriu... Nossa menina é muito esperta - Justin fala todo bobo. Pedi e ele colocou o colar no meu pescoço.

- Eu amei... Que lindo, amor - Sorri e me aproximei Lara beijar ele. Selamos nossos lábios e o beijo foi aprofundando.

- ECAAAAA - escutamos duas vozes na porta do quarto. Paramos o beijo e encaramos Jack e Vic.

- Eca? Um dia você vai fazer isso também, Jack - Justin fala.

- E eu papai? - Victória pergunta correndo até nós.

- Você não, minha menina não vai beijar nenhum safado - Justin pega ela no colo.

- O que é safado? - Victória pergunta confusa estendendo os bracinhos para Justin pegar ela no colo.

- com o tempo você vai aprendendo essas coisas... - Justin beija a sua bochecha. Peguei Jack no colo e beijei seu lindo rostinho.

- Papai me ama mais - Victória fala para o Jack e Justin coloca ela sentada na cama. Ele ficou bravo.

- Escuta aqui filha... Não fala mais isso para o seu irmão! Eu amo os dois igual! - Justin segura nos seus pequenos bracinhos.

- Vuxe ficou bravu? - Victória faz cara de choro.

- Filha, papai ficou bravo sim, você não pode falar essas coisas para o seu irmão. Nós amamos vocês igualmente... - Falei colocando Jack sentado do lado dela.

- Disculpa - Victória fala baixinho. Jack e Victória logo saíram do quarto correndo.

- Hoje tenho um assalto - Justin fala empolgada.

- Por que não para com isso? Você tem a empresa de Ferreria junto com o Alfredo e.....

- Uma vez traficante para semore traficante..... E eu gosto da vida que levo - Justin fala.

- Tudo bem - Sorri fraco.

- O último assalto desse ano... Isso é o máximo!

.

.

{...}

- Mamãe papai, é natal... É natal - Jack entra gritando no quarto junto com Victória. Eles pula na cama em cima de nós.

- Hey... Que horas é?

- Ah não! Ainda são sete horas da manhã - Justin resmunga.

- Por que acordaram cedo? - Beijei a bochecha dos dois.

- É natal mamãe.... Quelemos presentes do papai noel - Victória fala empolgada.

- Amanhã é natal filhos, hoje é véspera - Sorri de lado.

- Papai noel que se chama Justin - Justin levantou da cama e entrou no closet.

- Espero que o papai noel deixou os presentes que vocês pediu - Sorri junto com eles.

- Mamãe quelo brincar na neve - Jack pede manhoso.

- Depois... Tudo bem?

- Tudo bem mamãe - Jack beija minha bochecha. É o beijo mais gostoso desse mundo.

- Hey garoto, já chega... Já beijou muito a bochecha da sua mãe - Justin fala irônico puxando Jack da cama. Justin e as crianças começaram a brincar em cima da cama. Levantei e fui para o banheiro fazer minhas higienes. Tomei um banho rápido. 

Vesti uma roupa bem aconchegante. Vestido vermelho de veludo, meia fina preta, botas pretas e um cachecol branco. Pois esta muito frio. Época de natal é frio. 

- Meu amor vamos trocar de roupa e se arrumar para o natal? - Chamei Victória.

- EBBBAAAA - ela gritou se levantando da cama.

Arrumei Victória e depois Jack. Eles ficaram no quarto brincando. Entrei no quarto dando de cara com o Justin se olhando no espelho e falando com o seu reflexo. Isso foi engraçado.

- Sou lindo, não sou? Nem precisa responder eu já sei a resposta - Justin fala quando me nota.

- Nem é convencido - Revirei os olhos.

- Só falo a verdade.... Ainda não superei o fato dos meus anjinhos terem me acordado cedo. Agora são sete e quarenta da manhã - Justin bufa.

- Mas olha pelo lado bom.... Nossos filhos nos acordou desejando feliz natal - Sorri boba. Justin se aproximou e selou nossos lábios.

- Pode se passar mil anos... Eu sempre vou te amar incondicionalmente - Justin fala com os nossos lábios próximos.

- Te amo - Sussurrei. Justin beija minha testa, se afasta e abre a porta do quarto. Ele chamou Jack e Vic e desceu as escadas.

- OH, JINGLE BELLS, JINGLES BELLS, JINGLE ALL THE WAY - Chaz, Madison, Ryan, Kennya, Martin, Danniela, Chris e Molly entraram em casa cantando alto todos juntos.

(Oh, tocam os sinos, tocam os sinos, tocam por todo caminho)

- tocam os sinos do meu cu! Isso é hora de invadir a casa dos outros? - Justin pergunta com a mão na cintura encarando eles.

- Que desbocado, cadê o bom humor? É véspera de natal, Justin, paz, harmonia, amor.... Bom humor. BOM HUMOR - Chaz fala fingindo indignação. Começamos a rir. Desejamos um feliz natal para cada um de nós e nos sentamos na mesa para comemorar esse belo dia.

.

.

A tarde foi ótima. A casa cheia. Jeremy, Jaxon, Jazzy, Erin, Mandy, Mark e Mike, também estão aqui comemorando com nós. E por fim chegou a hora dos presentes. Fizemos uma rodinha no centro da sala e começamos as revelações.

- O meu presente vai para a pessoa mais chata desse mundo e que eu amo muito, muito muito mesmo - Madison fala empolgada - É para você Justin - Ela corre ate ele e abraça. Justin sorri e abre o presente.

- O meu presente vai para uma pessoa que eu amo muito e não trocaria ela por nada! Você Vic - Justin aponta para nossa menininha que corre abraçar ele. Justin comprou uma boneca que Victória havia pedido.

- Meu plesente é para uma pessoa que eu amo..... Jazzy - Victória fala tímida. As duas se abraçaram e Jazzy abriu sem presente. E assim foi indo. Só falta, Chaz, e Madison. Meu presente quem deu foi o Jeremy.

- Meu presente vai para uma pessoa que eu amo muito.. - Chaz sorri grande. É agora - Madison.

- Eu não gostei disso - Justin resmunga do meu lado. Madison vai ate Chaz e o abraça.

- Hum - Madison limpa a garganta - Justin... - Ela fala e eu seguro a mão do Justin.

- Eu já recebi meu presente - Justin fala.

- Não.... Eu tenho uma coisa para te falar, não só para você.... Mas para todos, preciso que voce mantenha calma e prometa que não vai me matar? - Madison fala com medo.

- Depende né, fala logo - Justin bufa.

- EueChazestamos namorando - Madison fala tudo rápido.

- Não entendi - Justin dá impulso para levantar mas eu seguro ele.

- Justin ela já tem 22 anos e.... Bom, eu e Madison nos amamos, sempre amei sua irmã, desde do primeiro dia que a vi - Chaz fala sorrindo bobo.

- Cala a boca seu merda, vocês estavam em um casinho escondido? Eu vou cortar seu pinto filho da puta - Justin fala extremamente irritado.

- Calma amor... Madison já tem idade para namorar.

- Não! Ela não tem! - Justin exclama.

- Claro que tem! Não se esqueça que voce me engravidou com dezessete anos - Falei encarando ele.

- É diferente.

- Não é diferente! Chaz já é um homem e Madison já é uma mulher - Falei acariciando seu rosto.

- Tudo bem... MAS - Ele gritou assustado todos na sala - Se você machuca minha irmã se considere morto - Justin fala em um tom ameaçador.

- tu-tudo bem Justin - Chaz e Madison solta todo o ar que haviam prendido.

P.O.V's Justin. 

Hoje é uma das datas comemorativa que eu mais amo. Eu simplesmente amo Natal. E hoje foi uma ótimo dia.

- Gente eu tenho algo a falar - Molly bate uma colher na taça - Chris amorzinho, xuxuzinho - Ela fala e todos nós rimos.

- Uhhh xuxuzinho - falei  debochado.

- Shiii Justin! - Molly joga a almofada do sofá nele.

- Continua amor - Chris fala olhando torto para nós.

- Eu estou grávida - Molly fala com um grande sorriso no rosto. Ficamos todos em silêncio. Mas logo foi quebrado por Jeremy.

- Aeeeeeeeeee finalmente Chris - Jeremy fala empolgado fazendo nós todos se empolgar também.

Quase meia noite. Falta pouco para o natal. Estou muito ansioso. 

- 1......2......3......

Esse ano foi um dos melhores. 

- 4......5......6...

Aprendi que o amor não tem como escolher a pessoa certa.

- Papai me pega no colo? - Victória pergunta e eu a pego no colo enquanto Jack esta no colo da Allexia. Olho para os dois empolgados que chega logo meia noite, sorri com a cena e beijei a bochecha da Victória.

- 7.....8....9...

Aprendi que cada qual sabe amar do seu modo; o modo, pouco importa; o essencial é que saiba amar. E as vezes o coração tem razões que a própria razão desconhece....

Aprendi que é fácil sair com várias pessoas ao longo da vida. Difícil é entender que pouquíssimas delas vão te aceitar como voce é e fazer feliz por inteiro. Difícil é ocupar o coração de alguém. Saber que se é realmente amado. 

Durante esses setes anos minha vida mudou muito. Mas mudou para melhor. Eu mudei minha pessoa, sou mais feliz.... Apesar do passado sempre trazer memorias ruins. Quando você encontra a pessoa certa seus dias são mais completos, e sempre que voce olhar para a ela, vai sentir arrepios e uma vontade enorme de ama - lá para sempre, mas não passe vontade. Vá em frente siga os batimentos do seu coração. Mas cuidado, o amor tem suas traições e devemos lidar com as barreiras da vida. Não há tempo certo para se apaixonar e nem um local. É uma coisa inexplicável.

Junte dois mais dois, pra sempre nunca irá mudar.


- FELIZ NATAL CAMBADA - Chris grita. Desejamos feliz natal um para o outro e tomamos champagne em comemoração. Fiquei olhando Victória e Jack vindo ate mim. Peguei os dois no colo e os beijei.

- Venha - Puxei Allexia para fora da casa. Levei eles para o jardim. Sentei no chão junto com meus filhos e Allexia. 

- Feliz natal bebês - Allexia deita mo chão junto com Jack e Vic. 

- Feliz natal  papais - Vic e Jack falam juntos.

- Papai? - Jack me chama.

- Hum?

- Cadê a vovó ? - Ele pergunta inocente.

- Olhe para o céu - Falei e todos nós olhamos - A estrela mais grande e bonita... Procurem.

- É aquela ali - Vic pisca para estrela mais linda e chamativa do céu.

- Mas e a vovó papai? - Vic pergunta confusa. Senti meus olhos ardendo. Respirei fundo e respondi:

- É aquela estrela... A mais bonita - Fechei meus olhos e deixei as lágrimas cair.

- Papai nós te amamos - Jack e Vic pularam em cima de mim.

- Eu também amo vocês - Abracei eles que logo saíram de cima de mim.

- Te amo.... Eu sempre vou te amar - Allexia sussura me abraçando forte.

Jurei te amar eternamente, mas como não sou eterno, juro te amar até o fim da minha vida.

Você só vai saber o que é amor de verdade quando se deixar levar. 

Voce não pode amar, a menos que feche seu coração.

Bom, é isso... Eu me apaxonei. 



Notas Finais


Hey amoressss chegou ao fim de fic, meu coração não aguenta. Por favor comentem o que acharam da fanfic por completo. Uma vez na vida escreva um comentário voce ai que nunca comentou. Para quem não sabe o nome da fanfic é " I Fell In love", aqui eu quis mostrar que o amor pode se passar anos, mas sera o mesmo. Que o amor você enfrenta todas as barreiras junto com o seu parceiro (a), e isso se torna mais fácil. Porque o amor é belo para aquele que sabe aproveitar cada momento do lado daquele que voce ama, a vida não é só coisas fácies. Afinal de contas se fosse para ser tudo fácil voce não estaria aqui.

Espero que gostem do último capítulo. Comentem. Amo vocês💜 vou sentir falta.

Eu agradeço muito vocês pelos cometários que me motivaram a continuar, nunca vou esquecer de vocês. Amo muito vocês... E voce sentir falta de escrever I Fell In love, Justin e Allexia vão marcar minha vida para sempre, pois foi a primária fanfic que escrevi. Isso vai ficar marcado na minha vida para SEMPRE.


Estou escrevendo outra fanfic criminal com o Justin e a Madison. Se gostarem favorite eu vou gostar de ter vocês lá me acompanhando

https://spiritfanfics.com/historia/dangerous-revenge-6976769


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...