História °•I Found You•° (MinWon) - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Monsta X
Tags 2won, Changki, Minwon, Monsta X, Showheon
Exibições 79
Palavras 1.256
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ficção, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 6 - •●•⇨06⇦•●•


Hyungwon POV
Que domigo bosta, nossa, eu nem lembro mas a quanto tempo eu estou sentado aqui, comendo. Não tem absolutamente nada pra eu fazer nesse inferno, e puta que pariu, Kihyun e Changkyun foram pro "Sítio" que talvez se chame "Motel" e eu fiquei aqui forever alone.

Jooheonnie


Jooheonnie❤: Wonnie, tá em casa?


Você: Oin, Sim -.-


Jooheonnie❤: Nós vamos ao Parque e sei que o Casal Perfeito foi para um sítio, quer se reunir?


Você: Quem vai?


Jooheonnie❤: Eu, Morzão e Minhyuk (-ω-)


Você: Tô indo.


Bloqueio o celular e vou até meu armário procurar uma roupa, descente, mas não sei bem como fazer isso porque sempre que saio Kihyunnie me ajuda a escolher a roupa, na verdade ele escolhe, eu só observo.
Pego uma calça Jeans rasgada no joelho e uma camiseta de manga curta preta, jogo em cima da cama e vou a procura o meu All Star preto, o achando, boto em frente a cama e vou até o banheiro tomar banho.
Pego meu celular, boto BANGx3 - BigBang pra tocar e entro no chuveiro cantando e dançando, ligo o mesmo e me jogo em baixo dele pulando e cantando.
Depois que BANGx3 acabou, começou a tocar os forró, Cheer Up- Twice, começo a cantar e imitar a coreografia até que ouço a campanhia, grito um "Já vou", desligo o chuveiro e saio do boxe, pego uma toalha e a enrolo na cintura saindo do banheiro e indo até a porta.


- Oi, me desculpe pela demora eu estava... -Paro de fala ao ver Minhyuk ali boquiaberto- Tomando banho...
- Ahn...É... T-tudo bem, me desculpe por chegar assim... É q-que, AH VAI BOTAR UMA ROUPA - ele diz botando a mão no rosto, para tampar seus olhos.


Puxo o mesmo pra dentro e sussurro um "Okay", peço para que sente, mas ele vira de costas para onde eu estou e dou uma risada alta pegando minhas roupas e as vestindo.


- Pronto, agora pode me olhar sem ficar corado - Ele vira pra mim e me mostra seu dedo do meio - Agressivo - Sorrio e me sento na cama para botar meu tenis.
- Okay, como eu estava dizendo, eu vim sem avisar porque o Shownu falou que você morava perto da minha casa, então pediu pra eu passar aqui pra irmos juntos e pra te apressar, porque você demora muito pra se arrumar - Ele diz e termina com um sorriso engraçado.
- Aff, eu não demoro pra me arrumar, mas ok, já estou acabando.
- Tudo bem.


Vou a minha penteadeira e me sento em frente a ela, pego meu lápis de olho e o uso, observando também Minhyuk mexer no celular pelo espelho que havia nela.


- São muitos esquemas? - pergunto sem perceber.
- Como? - ele pergunta tentando raciocinar o que eu acabara de falar.
- Nothing.
- Aaaaaaa - Responde finalmente raciocinando o que eu havia dito - eu não tenho esquemas - Ele faz biquinho como se estivesse triste.
- Me poupe, dúvido que você não tenha vários contatinho, tanto de mulheres quanto de homens.
- Tenho, mas só da família, não sou muito de conversar com pessoas que eu não conheço, só tenho contatos de quem eu realmente converso e tenho interesse de dialogar, como disse, pessoas da família e amigos.
- Incrível, continue assim - Digo rindo.
- Aish, você demora mesmo pra se arrumar, parece aquelas patricinhas de filme - Ele fala e ri alto logo depois.

Pego a almofada que está em cima do sofá ao lado da penteadeira e jogo em direção ao mesmo.

- MEU PAU - digo rindo e com raiva ao mesmo tempo - Vamos ser idiota, não aguento você.
- Mas vai ter que me aguentar o dia inteiro - ele pisca, me fazendo revirar os olhos e se levanta indo até a porta - Vamos princesa.
- Eu tenho uma mão e não tenho medo de acert-la na sua cara - ameaço guardando as coisas que eu tirei do lugar e indo até a porta me juntando a ele.
- Já pensou em ser menos agressivo? - ele me acompanha sair de casa e eu tranco a porta.
- Só sou com você - dou um sorriso falso e rápido.
- Olha que a raiva vira amor - diz ele, rindo.
- É o ódio que vira amor, para de ser lesado.
- Aff, não estraga o mento, ogro.
- Tá, tá, tá, caminhe mais rápido, temos que chegar na casa dos meninos logo, eles tem que te aturar junto comigo - sorrio e o observo revirar os olhos - Brincadeira, eu gosto da sua companhia, é irritante, mas eu gosto - aperto suas bochechas coradas e fico rindo do seu draminha por querer me bater.

Fomos o caminho emplicando um com o outro e rindo também, conversando e discutindo, até chegarmos a casa do casal, tocar a campanhia e sermos recebidos por Jooheon.

- Oi meninos! - Diz animado ao nos ver - BORA SHOWNU - Grita e tampo meus ouvidos - A, desculpem.
- Cheguei poxa, não precisa gritar - Shownu diz puxando seu namorado para fora de casa e trancando a porta da mesma.

Ele nos guia até seu carro e pede para que a gente entre e bote o cinto.
Liga a rádio e está tocando Eoeo - Uniq, começamos a cantar que nem loucos, e nossa, o dia estava uma merda e agora já ta maravilhoso, adoro.
Passamos um tempo no carro cantando praticamente todas as músicas que tocava naquela rádio do senhor até chegar no parque.
Quando chegamos, fomos direto ao moço que vendia pipoca, todos compramos pipoca doce, menos o Shownu porque falou que ia ficar diabético, tipo... Nada haver tio, cê só vai comer uma pipoca, meu Deus, mas ok.
Fomos nos brinquedos que dava pra ir em grupo até que...

- Agora só tem brinquedos de duplas e individuais - Jooheon se pronuncia.
- Eu não vou me separar do Mozão! - Shownu diz alto e Jooheon pro seu lado - Boa sorte Wonnie.
- Vocês me pagam.
- Ebaaaaa - Minhyuk diz e me puxa pra trás de uma barraquinha e Shownu e Jooheon vão para o túnel do amor.
- Para, seu louco, por que viemos aqui pra trás? - pergunto olhando para os lados.
- Eu estou com vontade de te beijar e lá tinha muita gente, é meio vergonhoso, todos iam nos olhar - responde coçando a nuca.
- M-mas o que, olha, n-não podemos, vão nos ver.
- Relaxa, Nobody Knows - ele responde se aproximando, fechando os olhos e curvando os lábios, que cena fofa e estranha pois eu estava recuando, mas acabei cedendo, porra,  a cena daquele rostinho, fazendo biquinho pra ME beijar, impossível não querer. Esse garoto mal chegou e já tá fodendo meu psicológico.

Quando o beijo termina, nós nos encaramos, olhamos um no olho do outro, bem profundo, até que começamos a rir e eu olho pro lado pra ver se tinha alguém ali, até que eu vejo um garoto e arregalo os olhos.

- O que houve? - Ele segue meu olhar, para ver o que eu estava olhando.
- Wonho...
- Quem?
- Ninguém - Me viro pra ele de novo, ao perceber que podia ser um garoto qualquer.
- Ok, que tenso... Vamos naquele brinquedo - ele me puxa até o Kimikaze.
- Vamos - Eu digo o seguindo calmo, ainda olhando para o garoto que estava de costas pra mim.


Notas Finais


Hello, babys
Como estão?
Espero que gostem do cap
Me desculpe se não gostaram, tentei fazer o meu melhor.
Bom, agora o dia exato pra att são aos sábados.
Obrigada por ler, anjo.
Saranghae ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...