História I Hate and Love You - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Esquadrão Suicida
Personagens Harleen Frances Quinzel / Harley Quinn (Arlequina)
Tags Harley Coringa
Exibições 48
Palavras 487
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Policial, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 15 - A chegada de Lucy



         Stefan Narrando 
Quando cheguei Harley veio correndo em meus braços, ah, como eu amo ela:
-STEFINHOOOOOO 
-OIII MEU AMOOOOR 
-Obrigado pela declaração 
-An? - Declaração? eu não fiz nada 
-É ué 
-Desculpa Harley, mas eu não fiz nada 
-Aaaaa, já sei o que foi 
-o que? 
-aquele animal
-o Coringa? 
-esse mesmo 
-FILHO DA PUTA EU VOU QUEBRAR A CARA DELE
-não precisa, como diz a própria tatuagem, ele já é estragado - dei risada de sua piada, até que a campainha tocou e ela gritou "PODE ENTRAAAAAR", quando olhamos Coringa entrou e disse:
-Gostou da declaração amor? 
-AMOR? AMOR O MEU PAU - gritei indo pra cima dele com meus olhos já vermelhos e os caninos descendo, Coringa também já havia se transformado, Harley com medo saiu correndo, Coringa me empurrou, ele era mais forte, Harley começou a chorar desesperada, com raiva, seus olhos ficaram vermelhos também e seus caninos descendo, ela foi pra cima de Coringa, que a empurrou e acabou batendo a cabeça no chão, dei um soco no nariz dele que caiu no chão, peguei Harley e com força, expulsei ele, coloquei ela na cama, tivemos que tirar as pressas o bebê, tive que me agüentar para não morde-la, saia muito sangue, nosso filho sugava muito sangue da Arlequina, o que me concluiu que ele era um vampiro, o único problema foi o cabelo, que nasceu verde, seu rosto pálido dei um grito e falei:
-ARLEQUINA 
-o... que....foi 
-POR QUE NOSSO FILHO PARECE O CORINGA 
-não......sei
-ENTÃO PEGA ELE E VAZA, PORQUE EU NÃO QUERO MAIS UM PALHAÇO AQUI NESSA CASA, POIS DE PALHAÇO JÁ TEM EU POR ACREDITAR EM VOCÊ SUA VAGABUNDA 
-Desculpa Stefinho a culpa não é minha 
-a não? então ele com uma injeção injetou o esperma em você ? 
-cala boca seu retardado, eu te amo, nunca faria isso com você 
-claro, então porque esse neném TEM CABELO VERDE? 
-é a química..quando cai na água química se eu tivesse um filho ele teria os mesmo problemas que o meu 
-POR QUE TINHA QUE SER VERDE - grito chorando, ela me traiu? ou está falando a verdade? 
                  Harley Narrando 
Eu vou embora, não posso mais mentir, sim, esse filho é do Coringa mesmo, mas eu amo o Stefan:
-Stefinho, me perdoa, esse filho é do Coringa 
-tudo bem, pelo menos você falou a verdade
-eu vou embora 
-NÃO, vou tratar esse filho como se fosse meu
-Stefan tem outra coisa 
-o que? 
-é uma menina 
-Lucy 
-o que? 
-vai se chamar Lucy 
-Eu ameeei 
-vamos ignorar o Coringa, o que você acha de morarmos em Mystic Falls? 
-Ótimo, vou arrumar minhas malas - sai pegando minhas coisas, Stefan também, quando já estava tudo pronto, passamos no Shopping para comprar coisas para a Lucy, e em poucas horas chegamos, ficamos em uma coisa e de repente a campainha toca, falei pra entrar e quase desmaiei quando Coringa entrou dizendo:
-Olá família 


Notas Finais


Oiiii gente, irei postar 5 ou mais capítulos hoje, para compensar os capítulos pequenos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...