História I hate my Life. 2 temporada. - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 4
Palavras 790
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Artes Marciais, Aventura, Colegial, Hentai, Luta, Magia, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Canibalismo, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 17 - Power...


Fanfic / Fanfiction I hate my Life. 2 temporada. - Capítulo 17 - Power...

- pelo oque?
- eu sempre ajudo todo os voces...
- me diga algum dia que você nos ajudou?
- quando...eu...naquele outro dia...isso o não importa agora. - claro que importa tudo importa quando nós precisamos de ajuda.
- você me disse que eu não iria ter a ajuda de voces não é mesmo?
- sim...- meu corpo estava doendo muito, não estava conseguindo falar direito.
- então não preciso mesmo da sua ajuda ou de qualquer um de vocês agora eu tenho eles.
- eles vão te matar eles são o cla Hellsing. Eles matam vampiros. O alucard é o pior deles. Pois ele é o que mais tem força leia o nome dele de trás para frente.
- alucard...dracula...
- viu só, ele mata os vampiros.
- entao ele vai te matar. Hahahaha!
- pensa bem aka manah. Ele vai querer matar nosso cla e sua mãe e pai. Pense...pense na sua mãe a phenex e o honor.
- eu não ligo pra eles.
- entao pense em ci própria...quer morrer? Então pense. A única coisa que você precisa é pensar. Mais de um modo fácil. Se for no difícil será tarde de mais.- entao eu levo um soco e desmaio.

Horas depois...

- ah. Puta que pariu que dor de cabeça. Ainda sinto a dor. Merda!
- acordou? Bora apanhar mais então.- um homem falava. Quando ele chegou perto de mim eu virei o meu rosto e ele começou com socos e chutes eu não aguentava a dor mesmo que eu usasse meus poderes não daria pois eu tinha apanhado de mais. Eu não conseguia me mexer. Comecei a  pensar na minha vida:
Como seria se eu tivesse ficado com meus irmãos hoje em dia? Como seria se eu fosse oque eu sou hoje. Como seria se eu tivesse encontrado um cara legal que sempre ficasse comigo. Deve ser legal. Bom eu não aguentava mais e fechei meus olhos caíam lágrimas de tristeza, dor e solidão.
- faz isso de uma vez por favor.
- oque?
- acaba com a minha vida de uma vez.
- seria muito sem graça. Não daria para ver as expressões suas.

- eu...preciso ficar...acor...dada...- se eu fechasse meus olhos eu não iria abrir eles nunca mais. Estava tentando mais eu fechei eles é escutei um barulho imenso de parede se quebrando depois eu escutei um barulho de socos e aí me soltaram e antes de eu cair no chão me pegaram no colo carinhosamente e a pessoa que me pegou saiu correndo eu não consegui pensar em mais nada minhas forças acabaram e eu não consegui fazer mais nada. Eu já sabia que tudo acabaria assim mais pensei que eu acabaria feliz a visão do Jin estava errada. Haha feliz...eu...nunca.


Horas depois...

- Bárbara. Bárbara. Bárbara.- eu estava recuperando a minha vida novamente.
- oque aconteceu?
- eu é que pergunto.
- suga para ela está machucada.
- bom aconteceu que você está toda machucada e o jin te curou.
- falando nisso cadê ele?- eu digo me levantando.
- nem pense nisso você não vai se levantar.- suga dizia me deitando na cama. Confesso que fiquei com vergonha ele estava  bem perto de mim. E ele também pois percebeu que as mãos dele estavam quase perto do meu peito e ficou vermelho.
- bom ok. Agora nos conte oque aconteceu la.
- bom eu cheguei lá e falei pra eles devolverem a aka manah mais ele não quis dei um soco nele e então ele me deu um chute depois ele e me prendeu na parede. Depois um deles, veio até mim levantou minha blusa e começou a me dar choque.
- espera você disse choque?
- sim.
- ok. Tae vem aqui rapidinho.- suga puxa ele pro canto longe da Bárbara.
- oque foi?
- o choque...
- que que tem?
- você é lerdo em...nos somos imunes a choque.
- então isso quer dizer que aquele choque é especial.
- exato...
- jin...- tae corre até o quarto do jin e Bárbara vem atrás preocupada e mancando.- jin!
- oque está acontecendo com ele?- suga pergunta.
- não sei. Não sei.
- não toquem nele!
- Bárbara...não era pra você está aqui.
- se vocês tocarem nele as ondas de choque podem ser transmitidas em segundos.
- como sabe disso?
- eu vi quando a pessoa que passou isso pra mim eu pensei que iria morrer mais o jin me curou e agora ele pegou tudo do meu corpo a tempo, se não eu estaria no lugar dele agora. Mais sem papo preciso tirar isso do corpo dele.
- como você vai fazer isso?
- com a Panacência.
- que isso?-
- é um poder de cura. Mais primeiro...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...