História I hate ü, I love ü - Capítulo 25


Escrita por: ~

Visualizações 105
Palavras 626
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Mistério, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Zente, eu tô sem internet em casa.
Por este motivo. Não estou podendo postar.
Mas.. eu amo vcs ♥️
Boa leitura!

Capítulo 25 - Lhe apresento, meu pai.


Fanfic / Fanfiction I hate ü, I love ü - Capítulo 25 - Lhe apresento, meu pai.

Helena POV/25/
   Eu já estava com um copo na mão conversando com o Sammy.
   E o Skate se aproximou, sorri para ele e ele sorriu para mim.
   Ele colocou a mão em minha cintura e sussurrou no meu ouvido.
Skate- Quer dançar comigo ?
Eu- Seria um prazer- disse e me dirigi a pista de dança com ele logo atras-
  Dançávamos colados, um no outro. 
  Ele sorriu, tão lindo que eu não me aguentei, o beijei.
  E tive que parar o beijo, tinha um ser me catucando.
   Aaron.
Aaron- É urgente!
Eu- Depois continuamos- dei um selinho nele e segui meu irmão até um quarto afastado- 
Aaron- Me perdoa!-abriram a porta-
Eu- Não pode ser.
   Meu pai, ele está aqui.
   Não.
   NÃO.
Luan- Filhota, quanto tempo- veio me abraçar mãe eu me afastei-
Eu- Como você ainda está vivo ? 
Luan- Depois de você ter me esfaqueado? Digamos que eu tenho meus contatos-piscou para mim- Vamos direto ao ponto, todas as mortes que você esta proporcionado para o país ? Bom, tenho pagado o pato. Todos os jornalistas vem a minha procura. Então, fiz um acordo com seu tio e seu irmão- olhei para Aaron, que estava de cabeça baixa- Você vai voltar aos estudos!
Eu- Não podem me obrigar!
Luan- Eles não, mas eu posso, você não tem 18 ainda, ainda me pertence! Então até você completar 18, você vai estudar! Já podem procurar uma escola! Você tem que começar semana que vem.- disse saindo da sala, me deixando com Aaron e alguns seguranças-
Eu- Não acredito que fez isso comigo..-olhei para Aaron-
Aaron- Ou era isso, ou você voltava pra ele. Me desculpa Lena.
Eu- Ok, eu vou pra casa, minha noite já acabou!
  Disse saindo do quarto.
  Entreguei as chaves do meu carro para o  Nash e falei para ele tomar cuidado com meu filho.
  Peguei um táxi e fui para casa.
  Tomei um banho quente, coloquei uma roupa confortável e me deitei.
•••
   Acordei e era cedo, provavelmente estavam todos dormindo.
   Peguei meu notebook e dei uma olhada em algumas escolas, achei uma interessante, não era muito longe daqui.
   Vou lá ver se posso começar na segunda.
    Fechei meu computador e fui tomar banho, coloquei uma roupa simples peguei meu celular e as chaves da minha ferrari. 
    E desci, G já estava acordado, com alguma menina na cozinha.
   Passei por ele e sai de casa. 
   Entrei no meu carro e dirigi até a escola.
**
   Estacionei na frente do portão e fui até a secretaria.
    Tinha uma menina morena, tinha cara de ter uns 17 anos.
Menina- olá, em que eu posso ajudar?
Eu- Quero falar com a diretora.
Menina- aguarde só mais um minuto!- se levantou e entrou na sala da diretora-
   Me sentei em uma cadeira q tinha ali e senti meu celular vibrar. G me ligando. 
Eu-Desculpa, meu amor, agora não- bloqueei meu celular-
Menina- Bom, meu nome é Clarice, a diretora está te esperando na sala dela.- disse ela e me levantei, entrei na sala e me sentei na cadeira à frente dela-
Diretora- Prazer, sou a diretora Simoes. Você gostaria de entrar que dia?
Eu- segunda.
Diretora-ok, aqui está as chaves do seu armário e os seus horários- me entregou 2 chaves e um papel- a chave vermelha é do seu armário do corredor, e a chave azul é do trocador! Até segunda!
Eu- Obrigada.- me levantei saindo da escola- 
   Entrei no meu carro, voltando para casa.
  
Jack G POV
   Estávamos todos tomando café, quando alguém entra.
Cameron- Cadê a Ray?-perguntou normalmente?!-
Nash- Nao está em casa!
Cameron- Quero falar com ela.
   Disse ele e subiu.
Aaron- Liga pra ela!!
   Tentei ligar 13 vezes e ela não atende.
Eu- Chama, chama e não atende!
Aaron- merda!
•••



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...