História I Hate You! - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Originals, The Vampire Diaries
Personagens Alaric Saltzman, Bonnie Bennett, Caroline Forbes, Damon Salvatore, Davina Claire, Elena Gilbert, Enzo, Jenna Sommers, Katherine Pierce, Klaus Mikaelson, Kol Mikaelson, Personagens Originais
Tags Amor, Bonnenzo, Brigas, Colegial, Delena, Klaroline, Tvd
Visualizações 79
Palavras 3.021
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiie! Demorou? Demorou muito! Bloqueio Criativo está sendo um problema, Mas o capítulo de hoje não é pequeno. Espero que gostem.

Boa leitura!

Capítulo 18 - Namoro ou amizade colorida?


Fanfic / Fanfiction I Hate You! - Capítulo 18 - Namoro ou amizade colorida?

P.O.V ELENA 

 

Voltei pelo caminho com muita dificuldade por causa do meu pé. Não falei mais com Damon depois do que aconteceu. Acho que seria capaz de arrebentar a cara dele. Klaus e Kol estavam me ajudando, apesar de não parecer, eles eram meus melhores amigos.

 

(...)

 

Chegamos até o ônibus, Damon ia sentar do meu lado mas eu o impedi 

 

Elena: Car, senta comigo??

 

Caroline: O-ok amiga

 

Damon me olhou incrédulo e se sentou com Klaus

 

Klaus: O que você fez cara?

 

Caroline: O que você fez migah??

 

Damon: Nós nos beijamos e eu falei que era... legalzinha 

 

Elena: Ele me beijou e falou que eu era legalzinha

 

Damon: Eu sou um idiota Klaus

 

Elena: Ele é um idiota Caroline

 

Klaus: Você gosta dela mano, só não quer admitir

 

Caroline: Você gosta dele amiga, só não quer admitir

 

Nós nos olhamos e viramos a cara

 

Elena: Ele é um idiota

 

Damon: Ela é uma mimada

 

(...)

 

23:42

 

Acabei de sair do hospital com o pé engessado e a dor diminuiu um pouco. O bom é que não vou precisar ir pra escola por um bom tempinho. Cheguei em casa, botei um pijama e quando ia me deitar recebi uma mensagem:

 

      Torceu o pé Leninha?? Que triste

  Essa dor é pouca pro que você merece

 

Kisses,- A

 

Aff não tô afim. Essa piranha já ta me enchendo o saco e eu vou conversar com Car sobre isso. Eu hein, falta do que fazer

 

(...)

 

 

08:12

 

Tô na sala vendo TV e tomando café toda estirada no sofá. A campanhia toca e Rick foi ver quem é:

 

Desconhecido: E ae Rick

 

Olhei pra trás e vi Damon. Trocamos olhares eu fiz um bico e voltei a ver TV. Ele deu um sorriso e perguntou:

 

Damon: E o pé??

 

Elena: Legalzinho

 

Damon: Elena, vamos conversar 

 

Elena: 1. Eu não vou pra escola; 2. Não quero mais olhar pra sua cara 

 

Damon: Vou esperar lá fora mimada

 

Elena: JÁ DISSE QUE NÃO VOU PRA ESCOLA PORRA!

 

Caroline: Daaaaaaamon- fiz uma voz doce- me da carona vai??

 

Damon: Não 

 

Caroline: ah por favor!!!!???

 

Damon: Tem 15 minutos- falei indo pro carro 

 

Rick : o que tá acontecendo, mó climão aqui?!

 

Elena: Nada

 

Caroline: É que os pombinhos brigaram

 

Elena: E eu num vou pedir desculpa de jeito nenhum 

 

Rick: Depois falam que não se amam

 

P.O.V CAROLINE 

 

Entrei no carro de Damon e ele me olhou esperando meu sermão 

 

Damon: Vai pode falar 

 

Caroline: Jura?? Ok. Você é um babaca, merda, idiota, insensível. E a pior coisa que você fez foi rejeitar a Elena. Se você  só gostava dela era só falar e...

 

Damon: Eu amo ela- falei num sussurro e Caroline me olhou incrédula-bem eu acho que gosto dela

 

Caroline: menino você é drogado?? Por que você deu um fora nela seu animal filho da puta??

 

Damon: É confuso isso ok ?! Eu não sou homem de se apaixonar merda! Mas... não consigo ficar um dia sem vê-la...

 

Caroline: Owwwwwwwwn ti fofis 

 

Damon: mas eu sei que não presto! E não quero fazê-la sofrer! 

 

Caroline: Olha da um tempo pra ela ok!? Ela ta magoada e ela não é de perdoar fácil 

 

Damon: O que eu faço Barbie ?

 

Caroline: Hmm.... já sei! Você não vai conseguir o perdão dela imediatamente, mas eu acho que tem uma maneira de amolecer o core dela 

 

 

2 semanas depois...

 

 

P.O.V ELENA 

 

Ok. Eu acabei de tirar o gesso no hospital e tô indo pra casa. Finalmente, não aguentava mais. Eu não falo com Damon desde aquele dia, mas ele me manda flores todos os dias! Palhaço! No começo... bem... Eu queimei, despedacei, joguei no meio da rua, cuspi e etc. Mas agora já acostumei e confesso que quando elas chegam na minha casa eu sorrio. Sinto saudade daquele bosta. Nesses dias eu senti uma sombra atrás de mim, tipo alguém me perseguindo, mas achei que tava paranóica. 

 

Quando cheguei em casa, tinha um cara, com as flores na mão. Fui até ele, peguei elas e tinha assinado junto um cartão, o primeiro até agora:

 

                             E aí princesa!

           

        As flores foram só o começo do plano

       Pra tentar amolecer esse coraçãozinho!

            Eu tenho uma surpresa pra você,

                              Maaaaas,

 Você tem que passar por um caça ao tesouro!

 

1 pista: Beijos são maravilhosos, mas o primeiro beijo é inesquecível...

 

Boa sorte 

 

Eu tô sem palavras. Caça ao tesouro?! Eu sou péssima nisso, mas fiquei curiosa com essa “surpresa”. A pista diz primeiro beijo, e o nosso foi... no trepa-trepa lá da pracinha! Sim, eu perdi meu bv com Damon Salvatore. Nossa relação não foi só de ódio, também teve muito amor envolvido. Dou um sorriso, me arrumo, pego minhas coisas e vou em busca da minha surpresa.

 

P.O.V DAMON 

 

Ok. Eu tô muito nervoso! Tô muito nervoso! Eu já disse que to nervoso?! Será que ela vai gostar? Tem que gostar!, mandar flores por 2 semanas custou uma grana. E eu preparei tudo com tanto carinho��

 

P.O.V ELENA 

 

Cheguei lá, e encontrei outro bilhete:

 

      Então quer dizer que você veio né?!

         Lembra do nosso primeiro beijo

                           Leninha?!

                Agora próxima pista....

 

 

2 pista: “Você vai mesmo participar disso?!” “Claro! E ainda vou ganhar, você vai ver!”

 

Nosso primeiro beijo... Nunca vou me esquecer.... tínhamos 11 anos 

 

Flashback ON

 

Elena: EU SOU A RAINHA DO MUNDOOOO!- falei quando subi no topo do brinquedo

 

Damon: Tá mais pra Fiona 

 

Elena: Sai do MEEEEU brinquedo seu palhaço- falei empurrando ele

 

Damon: Uiiiiiii tá nervosinha!

 

Elena: SAAAAAAAAAAAAI- falei empurrando ele com mais força. Ele caiu e me puxou junto

 

Damon: Você me ama né?!- falei no chão com ela em cima de mim

 

Elena: Você é um palhaço 

 

Damon: E você é linda...

 

Demos um selinho demorado e quando paramos olhei pra ele com dúvida 

 

Elena: Vamos deixar isso só entre nós né?!

 

Damon: Aham- cruzamos os mindinhos. Era tipo nosso “toque” pra guardar segredo.

 

Flashback OFF 

 

Sorri depois dessa lembrança. Foi tão bom. Agora voltando pra pista... Eu lembro disso! Foi quando eu estava competindo no campeonato de luta. Eu tava treinando e ele foi pra lá me perturbar e bem... não estávamos numa “fase” muito boa... 

 

Flashback ON 

 

Rick: esquerda;direita;esquerda;direita; chute...

 

Dei um chute, depois fiz um gancho nele que o levou a nocaute.

 

Rick: Boa, garota!!

 

Ajudei ele a levantar 

 

Damon: E aí Rick

 

Rick: Fala aí Damon. Elena, paga 50 ali na Barra.

 

Assenti e fui lá 

 

Damon: Treinando a marrenta é?!

 

Rick: Ela vai participar do campeonato de Muay Thai. Ela é muito foda! Tô treinando ela a horas!

 

Damon: Pode deixar que eu assumo daqui

 

Rick: Tem certeza?

 

Damon: Claro! O que mais ela pode fazer!? Me matar?!

 

Rick: É tipo isso!

 

Damon: Pode ir Rick 

 

Rick: Beleza! Elena te arrumei um saco de pancadas!

 

Elena: Tá zoando né?! Até a Caroline luta mais do que ele! A CAROLINE!

 

Damon: Hahaha muito engraçado!

 

Rick: Volto daqui a pouco. Os 2 no ringue! Quero ver onde isso vai dar...

 

Damon: Vem logo trouxa!

 

Elena:- olhei pra ele com um olhar ameaçador. De uns tempos pra cá nos afastamos e não estamos nos dando muito bem. Na verdade nunca nos demos bem, Mas agora ta pior. Peguei minhas luvas e subi no ringue.

 

Comecei a dar vários socos e chutes e ele começou a se defender. Quando fui dar um soco ele pegou minha mão e me fez uma alavanca.

 

Damon: Parece que você está indefesa...- sorri malicioso 

 

Consegui me soltar e ele caiu em cima de mim.

 

Damon: Sabia que você é linda bravinha?!

 

Ele ia se aproximar de mim pra me beijar. Olhei no fundo dos olhos dele, nossas bocas estavam bem próximas. Peguei ele pelos ombros e dei-lhe um chute nos “países baixos”. Ele rapidamente me soltou e se contorceu de dor no chão. Sorri vitoriosa. E já ia saindo do ringue até que...

 

Elena: Encosta em mim de novo, e eu faço pior!

 

Flashback OFF 

 

Viram?! Sempre fui um amor de pessoa. Segui pra academia pra encontrar a próxima pista.

 

(...)

 

P.O.V -A 

 

A: Alguma novidade daquelas vadias!?

 

Desconhecido(a): Elena e Damon vão ter um encontrinho romântico! Eca!

 

A: Perfeito! Que tal fazermos uma visitinha?!

Desconhecido(a): Ótimo! A melhor coisa que fizemos, foi me infiltrar naquela escola!

 

A: Cuide bem do seu disfarce!

 

Desconhecido(a): relaxa! Nunca vão suspeitar que sou eu!

 

A: Tô ansioso (a) pra vê-las! Principalmente Leninha

 

Desconhecido (a): Elas vão pagar por tudo! TUDO! Antes deu fazer parte do universo delas, elas riam de mim, me maltratam, me zoavam escrevendo cartinhas de amor com o nome do Damon assinado. E a burra aqui caia! Eu tive que mudar de país! Mudar de identidade! E agora voltei pra me vingar e pegar o Damon de volta...

 

P.O.V ELENA 

 

18:23

 

Eu andei praticamente o dia todo! Quando eu encontrar ele, eu vou falar tanto na cabeça dele! A última pista me leva até a casa dele! Dei uma leve olhada no retrovisor do carro.

 

Subi as escadas e toquei a campainha. Quando ele abriu a porta, quase tive um ataque cardíaco. Ele tava de smoking, o que deixava ele muito sexy.

 

Damon: Senhorita Gilbert!?

 

Elena: Olá Senhor Salvatore!- entrei na brincadeira 

 

Damon: Entre por favor 

 

Dei uma leve risada

 

Elena: Vamos voltar ao normal?! Não sirvo pra ser gentil 

 

Damon: Aí achei que você nunca falaria isso!

 

Me aproximei dele, pra ajeitar sua gravata

 

Elena: Está torta,gênio!

 

Damon: Valeu! Vamos lá pra fora

 

Quando cheguei lá fora, tinha uma mesa com um vaso que continha uma rosa dentro. Estava tudo iluminado com velas e tinha fotos da nossa infância espalhadas pelo local. Levei minha mão até a boca e fiquei observando aquilo!

 

Elena: Ah meu Deus!- bateu a mão no rosto

 

Damon: Que foi? Não gostou!?

 

Elena: Aiii você é um idiota muito fofo! Eu amei! Isso tudo pra um pedido de desculpas?!

 

Damon: E outras coisinhas também – sorri de lado, ela me olhou com um olhar misterioso e me beijou.- eu queria te falar uma coisa...

 

Elena: O que?!

 

Damon: É... é que...-suspirei um pouco- quer dançar?!

 

Isso quebrou um pouco minhas expectativas 

 

Elena: Aham

 

Ele ligou o rádio e botou Stay with me. Gente como amo essa música. Ele pegou minha mão e fomos dançar 

 

Ficamos um tempo ali dançando de forma lenta e nos olhando. Eu encostei minha cabeça em seu ombro e ele beijou minha cabeça

 

Damon: Elena...

 

Elena: Hum?!...

 

Damon: Olha eu... Eu queria pedir desculpas por aquele dia! Sei que te magoei e isso era a última coisa que eu queria! Você é muito especial pra mim, não sabe o quanto. Nesse tempo que ficamos afastados, eu pude perceber que... Eu te amo, pequena!

 

Hã?! Meu Deus, tô sonhando?! Isso é pegadinha?!

 

Olhei com os olhos marejados e com um sorriso no rosto 

 

Elena: Também te amo, Damonio!

 

Ele me deu um beijo longo enquanto dançávamos. Quando terminamos, ele passou a mão na minha bochecha e disse:

 

Damon: Não se acostume! Não sou Príncipe encantando!

 

Elena: Eu prefiro os Badboys!

 

Damon: Ah é?! E sabe oq Badboys fazem com princesas?!

 

Elena: Não, o que eles fazem?!

 

De repente escutei um barulho de microondas do lado de dentro da casa

 

Damon: Espera aí só 1 minuto 

 

Ele falou isso e entrou. Aproveitei e mandei uma mensagem pra Caroline:

 

Mensagem ON

 

Elena: Sua Vaca! Não vai acreditar! Damon disse que me ama! AHHHHHHHH!

 

 

Caroline: ETAAAAAAAAAAA PORRA! 

 

Elena: Em casa te conto os detalhes

 

Caroline: Tá bom! Tem comida aí?!

 

Elena: Acho que Sim! Por que?!

 

Caroline: Trás um pouco pra mim?!

 

Elena: �� tchau Caroline!

 

Mensagem OFF

 

Meu Deus do céu! Só come! Percebi que Damon estava demorando e fui até dentro da casa pra ver o que aconteceu

 

Elena: Damon?! Quer ajuda aí?!

 

Quando entrei na sala vi a coisa que me matou por dentro

 

Elena: DAAAAAAAAAAAAMON!- fui pra perto dele 

 

Ele estava no chão desmaiado com uma faca na barriga.

 

Elena: Por fa-fa-vor não me deixa!- falei soluçando e com os olhos cheios de lágrima

 

A única coisa que eu pensei naquele momento é em perde-lo e lugar pra Caroline 

 

Ligação ON

 

Elena: CAROLINE! PELO AMOR DE DEUS VEM PRA CÁ!!!

 

Caroline: Amiga o que aconteceu?! Você tá chorando?!

 

Elena: É o Damon, Caroline! Vem pra cá por favor e trás uma ambulância !

 

Caroline: Elen...

 

Ligação OFF

 

(...)

 

Depois de um tempo, já tinha perdido todas as esperanças. Eu tinha tirado a faça, mas não parava de sangrar. Eu tava ao lado dele desolada até que eu ouvi um barulho de sirene e Car passando pela porta.

 

Caroline: Ah meu Deus!- levei minha mão até a boca

 

Klaus: DAMON!

 

Elena: E-eu estava lá fo-fora e ele tava demorando. Aí quando eu entrei aqui dentro ele tava...assim- chorei ainda mais- ele não pode me deixar Car! Não pode...

 

Caroline: Aí amiga...- abracei ela

 

Klaus: Vamos pro hospital. Eu acompanho ele, Sweet, vai com a Elena 

 

Caroline: Tá bom- dei um selinho nele

 

Elena: O que eu vou fazer da minha vida se ele... morrer?!

 

Caroline: Ei! Me escuta! Ele vai ficar bem...- abracei ela com força-olha vamos pegar casacos e ir pra lá 

 

Elena: De-deixa que eu pego.

 

Fui até o quarto de Rebekah pegar algumas jaquetas, até que vi a porta do quarto de Damon entreaberta...

 

Quando entrei lá, fiquei estática. Tinha uma mensagem escrita na parede...

 

             Isso é apenas o começo....

 

Elena: CAROLINEEEEEE!- gritei com raiva

 

Caroline: Que foi... ah não! Você acha que é ela?!

 

Elena: Claro que é! Vadia!- corri pelas escadas e fui até o lado de fora da casa- EU NÃO ESTOU TE VENDO, MAS EU SEI QUE VOCÊ ESTÁ AÍ! SE ELE MORRER POR SUA CAUSA, EU JURO QUE TRANSFORMO SUA VIDA NUM INFERNO!

 

Caroline: Elena, para! Não vale apena! Vamos logo

 

(...)

 

Estamos aqui a algumas horas. Ele está na sala de cirurgia e eu estou desesperada. Ah Damon... quem diria que você ia conquistar meu coração... depois daquilo...?! Um médico veio até nós...

 

Médico: Podem vim vê-lo 

 

Entrei na sala e ele parecia estar... morto?! Corri até ele desesperada!

 

Elena: Ah não! Ah não! Por favor... meu Deus! Damon você não vai me deixar aqui! Você não tem o direito de me deixar ta ouvindo! Acorda por favor! Eu vou matar aquela Vadia desgraçada! Eu te amo- deitei minha cabeça ao lado dele, chorando 

 

Damon: Também te amo, sua chata. Agora para de chorar, tá sujando o lençol de rímel - falei quase num sussurro e ela levantou a cabeça rapidamente e me olhou

 

Elena: Ahhh seu palhaço- voei em cima dele e o abracei 

 

Damon: Aí Elena – botei a mão no lugar do corte

 

Klaus: Que susto hein brother 

 

Damon: Vocês não vão se livrar de mim tão fácil – sorri de lado- Elena...

 

Elena: Oi?

 

Damon: Quando você achou que eu parti dessa pra melhor, você disse que ia matar uma “Vadia”, quem você iria matar Elena?!

 

Olhei apreensiva pra Caroline

 

Caroline: Precisamos contar uma coisa pra vocês 2

 

Klaus: O que foi Sweet?

 

Elena/Caroline: Nós... matamos alguém!- dissemos cabisbaixas e envergonhadas

 

Damon: Vocês o que?!

 

Klaus: E eu achando que Caroline era inofensiva 

 

Elena: Mas não foi nossa culpa!

 

Caroline: Vocês lembram da Lydia?!

 

Damon: Lydia?! Lydia esquisita do 9 ano? Aquela da carta?!

 

Caroline: Essa mesma

 

Elena: Ela vivia perseguindo a gente pra lá e pra cá e nós vivíamos a ignorando. Ai pra ela se afastar da gente, fizemos coisas não muito amigáveis. Até que mandamos a real pra ela na frente de todo mundo e ela prometeu vingança.  

Depois em uma festa,eu fui ao banheiro com Caroline e sentimos uma picada no pescoço e adormecemos. Acordamos em um galpão e resumindo: Ela nos torturou por dias até que conseguimos nos soltar. Batemos nela, eu peguei a arma e dei um tiro nela. Ela caiu em algum lugar, por isso achamos que ela morreu. Mas pelo visto, ela ta bem viva. Sabe quando receberam mensagens de que estávamos viajando? Tudo mentira, estávamos presas num cativeiro

 

Eles nos olharam surpresos 

 

Caroline: Falem alguma coisa

 

Damon: CARAAAAAAAAAAALHO

 

Klaus: Na moral, vocês são muito foda!

 

Elena: Vocês não estão bravos?!

 

Damon: Por que estaríamos?!

 

Klaus: Pelo que contaram, ela mereceu.

 

Caroline: Mas agora ela quer vingança! E pelo que ela fez hoje, pode botar todos nós em perigo. 

 

Fomos interrompidos, por uma enfermeira com uma baita cara de piranha e com o uniforme super curto.

 

Enfermeira: Oi gati... quer dizer, senhor Salvatore, deseja alguma coisa?!

 

Por que senti um duplo sentido?! Olhei pra Damon que me olhou com uma cara de tipo “calma Elena”. Respirei bem fundo e olhei pra ela com cara feia

 

Damon: Não quero nada não, obrigado!

 

Enfermeira: Tem certeza?! Não quer uma ajuda, uma companhia, um cafuné ou até um beijinho de boa noite?!

 

Elena: OLHA AQUI, PIRANHA! SE VOCÊ CHEGAR PERTO DELE EU ARRANCO A SUA CARA, OUVIU?! 

 

Enfermeira: Na ficha está dizendo que ele não participa de um relacionamento, garota!

 

Elena: TA SIM! EU SOU A NAMORADA DELE! AGORA SAI DAQUI, SUA VACA!

 

Enfermeira: Só saio se ele pedir

 

Elena: SAAAAAAAAAAAAI CACETE!-peguei ela pelos cabelos e arremessei ela pra fora 

 

Enfermeira: Não pode falar palavras impróprias no hospital, vai ter que se retirar- sorri cínica 

 

Elena: PORRA, CARALHO, PUTA QUE PARIU, CÚ- fechei a porta na cara dela

 

Todos me olharam com uma cara de risos

 

Elena: Depois aparece morta e ninguém sabe o por que!

 

Caroline : Você tava com ciúmes é?

 

Elena: Claro! Vê se pode! Enfermeira dando em cima dos pacientes

 

Damon: Por que você tirou ela daqui?! Eu queria falar com ela

 

Elena: Você O QUE?- sai de perto dele, mas ele puxou meu braço 

 

Damon: Ou! Calma tava brincando esquentadinha 

 

(...)

 

Todos foram embora, e eu fiquei com Damon. Deitei no sofá que estava perto da cama, e Damon pegou minha mão. Sorri, dei um selinho nele, seguido de um Boa noite.

 

Elena: Damon...?

 

Damon: Oi

 

Elena: Nós somos namorados ou é amizade colorida?!

 

Damon: Eita... não sei! Acho melhor por enquanto amizade colorida, até por que não sabemos o futuro e não estamos prontos pra um namoro sério.

 

Elena: Temos 17 anos, não estamos prontos pra nada

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

    

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


E aí gostaram?! Comentem aí! E obrigada aos que favoritaram! Eu amo cada um de vocês. Ah, sugestões são super bem vindas. E caso queiram fazer parceria em alguma história, ficarei super feliz!

Bjs da Indelicate


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...