História I hate you baby || BTS || yoonmin - Capítulo 60


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Babyboy, Bangtan, Bangtanboys, Bts, Daddykink, Lemon, Romance, Shipp, Yaoi, Yoomin
Exibições 132
Palavras 1.076
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Escolar, Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Aí galera, quero pedir desculpas se esfiver ruim, é que eu andei tendo bloqueio de criatividade.

Desculpa por demorar a postar, o capítulo ia sair ontem, mas quando eu estava escrevendo meu computador reiniciou e eu perdi tudo. Então estou tendo que rescrever. Estou tentando fazer melhor que ontem.

Capítulo 60 - 48


Fanfic / Fanfiction I hate you baby || BTS || yoonmin - Capítulo 60 - 48

JIMIN'S P.O.V.

Ontem a noite... Eu definitiva mente não estava em mim mesmo.

Eu me conheço bem, sei que o pequeno 

Jimin nunca teria coragem suficiente para... Mas isso não importa, eu só sei que quando eu acordei com sons de gemido vindos do banheiro, eu me senti, extremamente, excitado.

Chegar no banheiro e ver o Yoongi daquele jeito... Suando, com o membro para fora, enquanto se masturbava. Aquilo foi a minha perdição. 

Acabei fazendo coisas que a minha coragem nunca teria deixado. Mas de uma coisa eu sei: foi bom, e eu não me arrependo.

[...]

Jung Hoseok e Taehyung acabaram por ir embora. Tae disse que precisava cuidar da avó dele.

Agora estamos eu e Yoongi. Sozinhos.

Não tinhamos assunto. O silêncio me incomodava.

Admiro muito o relacionamento do Tae com o Hobi, eles continuam sabendo como interagir um com o outro depois de tanto tempo. Espero que eu e o Yoongi consigamos o mesmo.

Percebi que ultimamente eu e o Yoongi estamos vivendo uma verdadeira rotina. Dormimos, comemos, conversamos, saimos, e o ciclo se repete. O máximo de diferente que já fizemos é ir ao cinema, mas infelizmente isso se tornou muito comum, tanto quanto as outras coisas.

Eu quero fazer algo de diferente. Quero inovar. Quero surpreender o meu homem, agora só me resta saber como.

Está quase na hora do almoço, mas como acordamos tarde e consequentemente tomamos nossos cafés tarde, suponho que o Yoongi não teria apetite para um almoço. 

Eu estava sentado ao lado dele. 

Segurei sua mão esquerda.

Eu amo está mão. Sentir seu anelar me faz pensar que estou conectado diretamente ao seu coração. Me faz se sentir mais íntimo dele do que eu já sou. 

Ele não dizia nada, só aproveitava o momento. 

Yoongi começou a acariciar minha mão com seu polegar.

Acomodei minha cabeça na curva de seu pescoço. 

-Eu te amo, Geleinha.- ele sussurrou.

-Eu também te amo, Suga.- respondi.

Não demorou nada para mim parar de sentir seu polegar acariciar minha mão. Ele acabou cochilando.

Meu dorminhoco...

Levantei-me.

Acho que ele ficaria feliz de ter algo para comer assim qie acordar.

Decidi que faria um bolo, um bolo de chocolate.

Assim que eu terminei, eu botei o bolo ao forno.

Acho que seria uma boa idéia eu pegar algumas roupas no meu apartamento. Afinal, aqui, agora, eu só tenho a que eu estou no corpo e as do Suga.

Eu sei que dá tempo de eu pegar as coisas sem que o bolo queime.

Fui rápido. Peguei algumas roupas, e a Yang Mi (minha boneca).

Bom, eu poderia fazer algo diferente com o Yoongi, eu já estou melhor sabe... Mas é melhor esperar mais um pouco só pra ter certeza.

Tirei o bolo do forno e o coloquei no mármore da bancada da cozinha, no intuito de deixa-lo lá para esfriar.

Enquanto ele esfriava eu achei melhor separar as roupas do Yoongi para lavar.

Havia bastante coisa, ele pode até arrumar a casa, mas não lava a roupa.

Como é muita coisa eu deixei separado para lavar mais tarde.

Separei um canto no armário dele para por minhas roupas, caso aconteça qualquer emergência eu não vou precisar ir lá em casa buscar.

Enquanto eu arrumava minhas roupas noa armário dele, eu percebi de que eu preciso de calcinhas novas. O Yoongi já viu todas estas.

Depois de ter trabalhado bastante eu arrumei a cama e fui tomar um banho.

Tomei um banho demorado, e quente para relaxar.

Saí do banheiro secando meu cabelo.

Fui para o quarto.

Vesti uma das calcinhas, e peguei uma das camisetas largas do Yoongi.

Fui para a sala ver se Yoongi ainda dormia.

Ele é uma verdadeira "Bela adormecida", ou direi "branca de neve"?

Não importa. Elas tem algo em comum que me chama a atenção, só poderiam ser acordadas com um beijo de amor verdadeiro, então será assim que eu vou acordar meu princeso, com um beijo.

Selei nossos lábios com um beijo, ele teve algumas reações mas não acordou.

Isso estraga todo conto de fazas que eu estava criando na minha cabeça. 

Então o acordei do modo tradicional. 

Sacudi seus ombros enquanto o chamava pelo nome. Isso sempre funciona.

Ele acordou.

-Boa tarde dorminhoco. 

-Boa tarde princesa.- ele dizia com uma voz de sono.

Ele se sentou.

-Dormiu bastante?

-Sim. Mas ainda estou com sono.

-A noite você poderá dormor mais. Agora você precisa acordar. - fiquei pensando no que dizer.- Uh, eu fiz bolo, você quer?

-Quem seria eu para rejeitar comida vinda de Park Jimin?

A resposta dele me faz abrir um sorriso bobo.

-Quer que eu traga pra você? 

-Bom... Se não for encomodo.

-De onde você tirou que seria encomodo?

-Sei lá, você está sempre fazendo de tudo pra mim. Talvez precisasse descansar.

-Obrigada por se preocupar, mas eu estou bem assim, sério. 

-Se você diz...

Peguei uma fatia do bolo para ele.

Ver o rosto de satisfação dele enquanto comia não tem preço. 

-Bom, depois volto, vou te deixar descansar um pouco mais. - disse para ele.

-Vai a onde?

-Lavar roupa.

-Deixa que eu faço isso. Você já passou o dia se esforçando hoje.- disse ele puxando a barra da minha camisa.

-Então está bem.

[...]

Assim que Yoongi terminou de comer, ele foi pegar as roupas sujar para lavar.

Ele foi para o tanque que ficava na pequena varandinha do apartamento.

Por algumas vezes eu fui espiar para ver se estava tudo bem com ele. Todas elas eu via ele com esfregando a roupa com sabão. 

Acho que eu deveria talvez lavar a louça... Mas Yoongi me pediu para descansar,  sei que ele  vai ficar magoado se eu fizer isso...

Acabei por optar em apenas observa-lo.

Quando ele terminou de lavar as roupas, ele as estendeu no varalzinho e as prendeu com pregadores.

-Pronto, não foi tão ruim assim!- disse ele olhando para mim.

-Fico feliz por você estar se esforçando.

-Bom, seria injusto de deixar com toda a tarefa. Ainda mais que você estuda. E eu ainda nem entrei pra faculdade.

-Você vai entrar pra uma. Eu tenho certeza.

-Assim espero. Enquanto isso só me resta ficar mandando currículo escolar para todas que eu puder. Espero que eu consiga uma que não seja muito longe. Não estou a fim de me mudar para longe de você. 

-Yoongi... Saiba que para onde você for, eu irei.

-E seus pais?

-Eles entenderiam. Eu tenho certeza!- sorri para ele. Logo ele retribuiu meu sorriso. 

-Okay. Mas vou me esforçar para conseguir uma pelas redondezas. 

Ele entrou.

-Quanto mais demorar pra eu entrar em uma faculdade, mais irá demorar para mim começar a trabalhar,  e quanto mais demorar para eu começar... - Ele falou.

-O que? O que acontece?

- Mais vai demorar para que eu possa por uma aliança no seu dedo...- ele parece preocupado.

Abracei-o.

-Não se preocupe, eu espero. Ainda temos vários anos pela frente.



Notas Finais


Então.... tá bom?

Desculpa por estar pequeno eu dei meu máximo neste capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...