História I Hate You But I Love You - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas, Carter Reynolds, Crawford Collins, Jack & Jack, Jacob Whitesides, Taylor Caniff
Personagens Cameron Dallas, Carter Reynolds, Crawford Collins, Jack Gilinsky, Jack Johnson, Jacob Whitesides, Personagens Originais, Taylor Caniff
Exibições 23
Palavras 22
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


*Camerom's P.O.V*

O professor havia passado um trabalho chato de geografia,e como um bom aluno fui vagarosamente até a biblioteca pegar o tal livro,na verdade eu era praticamente obrigado a tirar notas boas por causa do time de basquete,pois se eu tirasse notas baixas o treinador certamente me tiraria do time e eu ainda perco o título de Capitão,então ne oque me resta é ser um "bom" aluno.
Como eu estava dizendo,fui a biblioteca que estava sozinha,achei mega estranho pois a Senhora Montenegro a bibliotecária nunca saía dali,dou de ombros e fui em busca do livro.
Eu estava passando pelas prateleiras quando vi uma cena um tanto quanto engraçada,porém fofa,a garota marrenta estava nas pontas dos pés tentando pegar o livro que estava bem alto e por ela ser uma anã ela estava aos pulinhos nas pontas dos pés e mesmo assim não conseguia pegar o tal livro.Tentei conterno riso mais foi uma tentativa em vão e ela me fuzilou com o olhar.

(...)

- Deixa eu pegar - disse tentando pegar o livro para ela.

- Não,sai - Ela disse.

Ficamos nessa de um tentar pegar o livro e o outro não deixar quando de repente vejo duas prateleiras começarem a balançar e do nada cair acertando alguns livros em nós enquanto cada um murmurava alguns palavrões baixinho.

Olhei para ela que estava me olhando com um olhar que dizia "DEU MERDA ISSO." e arregalou os olhos.

- Ai meu Deus olha só oque você fez -Ela disse.

- Eu?Você que é uma teimosa que não me deixou ajudar a pegar o livro,se você tivesse deixado isso não estaria acontecendo.-eu disse.

- Se você não fosse um entrometido e ficasse se metendo ma onde não é chamado isso não teria acontecido - Ela diase e advinha so quem resolveu aparecer,sim a Senhora Montenegro.

- MEU DEUS QUE BAGUNÇA É ESSA QUE VOCÊS FIZERAM NA MINHA BIBLIOTECA - Ela gritou colocando ás mãos na cabeça.

- Foi ele -falamos juntos apontando um para o outro.

A bibliotecária correu até a porta da biblioteca e pediu para que alguémque eu não sei quem era chamasse o diretor imediatamente.
ÓTIMO JA COMEçou BEM NESSA ESCOLA HEIN MARRENTINA.SENTIRAM A IRONIA NÉ?...ACHO QUE SIM NE.
- Foi sua culpa - Ela me olhou bufando enquanto a bibliotecária voltava até nos com um olhar de furiosa.
- Foi sua - Eu revirei os olhos a olhando.
- Você é um intrometio- Suspirou fundo e mordeu seu lábio com força.
- E você é uma garota chata irritante-Eu disse e pude escutar ela bufar novamente.

E OLHA QUE SO FORAM DUAS FILEIRAS DERRUBADAS HEIN,IMAGINA SE FOSSE TODAS AS FILEIRA.SO DEUS MESMO.

- Parem com essa discussão de merda os dois - O diretor se posicionou em nossa frente.

- Sim senhor Capitão - Ela engoliu seco.

- Cuidado com as bricandeiras mocinha...- Ele disse secamente e pude ouvir um risinho do idiota do Cameron.

- Mas enfim diretor foi culpa dela -Eu disse apontando para ela e a mesma me encarou boquiaberta.

- Oque você que foi o culpado...- Ela travou o seu maxilar.

-EU DISSE CHEGAR DESSA DISCUSSÃO ESTÚPIDA- O diretor falou em um tom mais alto do que o normal. - Eu não quero saber quem foi o culpado,sosei que vocês dois vão pagar o castigo,e esse castigo vai ser arrumar essa bagunça toda aqui que vocês mesmos fizeram,todos os dias depois da aula vocês teram que vir arrumar até tudo estar um brinco nativamente.

- Mas eu tenho basquete- eu disse.

- Pense nisso antes de quase destruir a biblioteca- O diretor o rebateu.

- Bom...tudo bem ne - suspirei.

- Então...o castigo ja foi dado senhora Montenegro,amanhã você vem apenas no fim da aula para conferir se essesdois estão mesmo cumprindo o castigo.- Ele disse ajeitando sua gravata.

- Tudo bem diretor...Ja posso ir?-ELA disse.

-Sim os dois ja podem se retirar.

A marrenta saiu da sala o mais rápido que lode e eu a segui,passei pela medma dando um esbarrão e ela quase caiu.

- Idiota olha por onde anda- Pude ouvir ela bufar.

- Por sua culpa eu vou perdervários treinos de basquete e por isso eu posso ser tirado do time- Parei em sua frente.

- E oque eu tenho a ver com isso?

- Tem haver e muito,se não fosse você ter vindo estudar nessa droga de escola nada disso estaria acontecendo,eu apenas acho que você nunca deveria ter vindo morar aqui nessa cidade,se bem que você devia voltar pro lugar de onde você veio e ficar lá no lugar de onde você nunxa deveria ter ousado sair- Falei tudo sem perceber e pude notar os olhos dela brilhando com as lágrimas que insistiam em cair de seus olhos.

- Idiotaaa- Ela saiu chorando e deu um super esbarrão em mim.

Eu fiauei com muita dó dela,eu não devia ter dito aquilo,mas na hora da raiva que era tanta eu acabei dizendo oque não devia.Mas devo confessar que depois que ela chegou minha vida ta mais que uma loucura,faz tempo que não me metia em encrenca e olha agoda.Não posso nem estar por perto dela que a gente praticamente quase se mata...PUFF.

Capítulo 4 - Foi tudo totalmente sua culpa.


Fanfic / Fanfiction I Hate You But I Love You - Capítulo 4 - Foi tudo totalmente sua culpa.

GENTE IGNOREM ISSO DE OS ÚLTIMOS DOIS CAPÍTULOS DA HISTÓRIA TEREM FICADO NO LUGAR ERRADO,FOI UM BUG AQUI...MIL DESCULPAS,VOU ARRUMAR ISSO TA♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...