História I hate you, Ezarel - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Eldarya
Personagens Ezarel, Leiftan, Miiko, Nevra, Personagens Originais, Valkyon
Exibições 227
Palavras 816
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ei ♥
Gente, estou fazendo também uma fic de AD
Quem interessar, ela é de comédia e ainda não decidi o paquera

Capítulo 17 - Sogrão


Assim que eu e Ezarel entramos na minha casa vimos meu pai no sofá jogando video-game. Me assustei ao ver que ele tinha alguns fios brancos no cabelo e algumas rugas. Ele não podia ter envelhecido tanto em um ano, certo? Nem reformado tanto a casa... Não tinha tanto dinheiro assim.

-Pai?-Chamei ele.

-Oi Khalissa, chegou cedo do trabalho hoje minha princesa.

-Pai!!- Protestei irritada ao ver que ele não ia pausar o jogo- Sou eu ! A Maya- 

Ele olhou para mim sério e deixou a manete cair. Escutei um "game over"  mas ele não pareceu ligar

-Maya....?

Sorri e fiz um V com os dedos. Ele correu até mim e mim e me abraçou. Senti Ezarel dar um passo para trás 

-Onde.. onde você estava??!-Ele gritou com um leve toque de irritação na voz, coisa que eu vi no máximo 3 vezes na vida-Tem noção do quanto nos te procuramos? Do pesadelo que tem sido esses últimos 5 anos sem você?  Khalissa nem se olha no espelho mais e...

-CINCO ANOS??-gritei 

-O tempo em Eldarya passa diferente daqui- Explicou Ezarel 

Meu pai se virou para ele cruzando os braços e estalando os dedos de maneira ameaçadora

- e Quem é você? 

-Ezarel, um elfo. Lider da Guarda de Eel Absinto. -Ele disse sorrindo de maneira surpreendentemente  simpática. -Noivo da sua filha. 

Meu pai engoliu em seco e eu prendi a respiração. O que ele quer dizer com "noivo"? 

-Você disse Noivo??

-É Ezarel, você disse noivo?-Perguntei. 

Mas nessa hora, a porta se abriu e me deparei com o que podia se passar pelo meu reflexo, exeto pelas roupas e pelo cabelo. 

-KHALISSA?-gritei. Ela estacou na porta, deixando a bolsa cair. Escutei Ezarel murmurar algo sobre gêmeos identicos serem estranhos

-M...Maya?- Ela falou com voz falhada. -Não!  De novo não 

Ela baixou a cabeça e chorou. Corri até ela

-Kha...? O que foi?

- Não aguento mais!! Achei que esses sonhos tinham parado! Não quero mais sonhar com isso e acordar e....

PLACK

Bati a mão contra seu rosto com força 

-EII!!!

-Viu? A dor é real, nada de sonho

Ela me abraçou 

-ONDE VOCÊ ESTAVA? QUEM É ELE? QUE ROUPAS SÃO ESSAS? QUE SAUDADE!! VOCÊ TA BEM? SAIU DO PAÍS?  SE DROGOU?- Ela berrava quase me dando um sermão 

-Calma mamãe -Respondi irônica

-CALMA?? MINHA IRMÃ SUMIU DURANTE 5 ANOS E VOCÊ QUER CALMA???-

Contei aos dois da minha ida a Eldarya, sobre meu sangue fairy, sobre as guardas de Eel, sobre Ezarel ser meu namorado e sobre meu mascote. 

Os dois me olhavam como se eu tivesse fumado umas, então Ezarel fez minha irmã beber de um vidrinho, a transformando em um pequeno Sabali e depois voltando ao normal, para lhes provar minha sanidade.

Khalissa parecia prestes a ter um colapso de tanta animação, mas meu pai olhava fixamente para Ezarel

-E sobre vocês dois...? Onde se conheceram? 

-Ele é o lider da Absinto. Eu meio que "trabalho" pra ele. -Contei. Minha irmã me lançou um olhar de " vai me contar tudo depois" 

-Vamos jantar!- Chamou Khalissa - o que Elfos comem? -Ela e virou para Ezarel. 

-Ah, eu como de tudo, embora tenha preferência de comer coisas doces-Ele disse -mas prefiro a Maya 

Ele sussurrou essa última parte e só eu pude ouvir (por sorte). 

Khalissa fez strogonoff no jantar e Ezarel, mesmo teimando em comer a comida que trouxemos, gostou. De sobremesa ela fez brigadeiro.  Isso ele amou. Durante o jantar eu tremia de medo de Ezarel falar algo que fizesse meu pai surtar, mas ele ficou bem quieto. Assustadoramente quieto. 

Na hora de dormir, papai me pediu para dormir no quarto com minha irmã e Ezarel no meu. 

-Por que não posso ficar com a minha noiva?- ele perguntou sorrindo brincalhão 

-Porque não -Respondeu papai

-Humanos tem cada uma...-Ezarel dormiu em meu quarto. Khalissa emprestou a ele um pijama que ela disse ser do namorado dela. 

Assim que fomos para o quarto ela  virou para mim e disse

-Conta tudo!-

E eu contei. Das quase ficadas com Nevra, do meu falso namoro com Valkyon, da vez que eu dei uns pegas no Leiftan a um tempo,  de uma vez que dei apertada na bunda do Kero e fugi ( até hoje ele acha que foi a Alajea que passou na hora certa) e contei cada detalhe do meu namoro com Ezarel.

-May você é doida!!- Ela disse entre risos- seu namorado é um sonho. Muito melhor que o babaca do Castiel. 

Estremeci ao escutar o nome do meu ex. 

-Foi por causa dele que você foi pra lá né ? Que idiota. Ele voltou com a Diabrah-Ela me disse (Autora:sorry Castietes) e eu ri

-Daqui a pouco não passa na porta por causa das galhadas.

Nos duas rimos e ela disse

-Estou namorando o Lysandre a dois anos-Eu a abracei comemorando. Ela gostava dele desde o primário - ele é tão fofo!!

Sorri feliz por ela

-Vamos numa festa amanhã?  É do Alexy, ele vai ficar feliz em ver você. 

-Claro!! Ez pode ir?

-Claro né? 

Acabamos dormindo. 




Notas Finais


♥ espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...