História I Hate you, I love you! - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Originais, Originais De Romance, Paixão, Romance, Superação
Exibições 16
Palavras 1.209
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Volteiiii, e demorei :') (eu sei não me xinguem)
Mas enfim, vamos matar a curiosidade e ler a versão do Henrique?
TO AMANDO ESSE CASAL É SERIO 😂😂😂😂😂(^ー^).
ESPERO QUE GOSTEM

Capítulo 8 - A minha versão


'Me deixe contar o meu lado da história'
P.o.v Flávia
Eu congelei na hora, que lado da historia? Ele tem um lado? A única coisa de "lado" que ele tem é o da culpa, eu não queria ouvir, mas eu iria ficar com um puta de um peso na consciência de não deixar ele se explicar com ele tendo feito tudo isso por mim até agora, e outra, ele não ia parar de me encher o saco!

Então eu disse que ele podia,mas antes mesmo dele começar a falar "o seu lado", ele tem a cara de pau de dizer que não era um bom lugar, eu queria voar na cara dele, como assim não era um bom lugar? Era só ele falar de uma vez e deu. Sera que era tão difícil de entender que eu nao queria ver e falar com ele, eu só estou deixando ele falar o lado dele, pela puta ajuda que ele já me deu até agora.

-Vamos marcar hoje a noite! - Ele disse no tom mais calmo do planeta terra.

Marcar hoje a noite??? Como assim?? Valeu, mas não!
No fim eu tive que aceitar por que se não esse incosto não me deixava mais em paz, ou seja, hoje, as 20:00 da noite, eu tinha um "encontro" com ele.

Eu queria ir? Obviamente não, mas é aquele ditado, "vamos fazer o que né?"
Depois de sair da escola a unica coisa que passava pela minha mente era Henrique, pq deus? O que eu te fiz? Eu dei tanto duro pra que ele saísse de uma vez da minha cabeça e agora isso, eu não quero me apaixonar de novo

Eu só queria dormir, e ficar ali sem ter que sair mais.
Você deve estar seperguntando, por que caralhos eu tenho tanta raiva desse muleque? Como por exemplo minha mãe, ela acha que eu odeio ele demais, por "pouca coisa" que é a minha história com ele, pode parecer pouco ou pode parecer que eu estou exagerando demais, mas acredite, não foi tão fácil quanto parece.

Eu gostava muito dele, muito mesmo, ele era como um anjo pra mim, ele me deixava feliz, mesmo ele não querendo isso propositalmente, eu me sentia livre e aliviada olhando pra ele, e quando tudo isso aconteceu foi realmente um choque, era por isso que eu não queria sofrer de novo, eu não queria me apaixonar de novo, ou será que já estava?
- CHEGA DE PENSAR NISSO FLÁVIA!!!!!!!!!!!! - Gritei pra mim mesma, pra ver se eu parava de pensar nessas besteiras.
Resolvi então ligar pra Victória, pra ver como ela estava depois de todo esse acontecido.

~ ligação on~
- Oi viiii!
~ Oi Flávia.
~ Como é que você ta? Ta melhor?
~ To melhorando, eu ainda não acredito que tudo isso aconteceu, não pode ser sabe? Eu não acredito que minha "primeira vez" aconteceu dessa maneira
~ Calma, vai ficar tudo bem, confia em mim, quer que eu vá ai?
~ Então, hihi, isso é um pequeno problema.
~ An? O que foi?
~ Lembra do Rafael? Aquele amigo do Henrique? Ele meio que ta aqui
~ VICTORIA??? COMO ASSIM (RISOS)
~ Digamos que mais cedo quando eu estava saindo da escola, ele foi correndo atrás! Ele se ofereceu pra me ajudar com o que eu precisasse, no começo eu não entendi o por que dele ser tão legal comigo, mas depois, ele disse pra mim que sempre gostou de mim, e isso fez meu coração amolecer, por que alias, ninguém nunca tinha sido tao doce assim comigo, nenhum menino.
~ MEU DEUS VICTORIA AJDJSJDJJ, ENTAO VOCES...... ESTÃO NAMORANDO?
~ SIM! AKDJAJDJA
~ que bom, ainda bem que alguem te deixou feliz, você merece, diferente de mim que nunca consigo ter felicidade.....
~ oxxi muler, por que?
~ Hoje na saída da escola, Henrique me parou e disse que queria contar o lado dele da história então hoje a noite nos meio que vamos sair
~ AAAAAAAAAA MEU SHIPP TA SE OFICIALIZANDOOOOOO
~ VICTORIA PARA COM ESSA HISTÓRIA DE SHIPP!........

~ligaçao off~

Depois dela fazer um escândalo, conversamos sobre mais um monte e coisas e depois desliguei, eu nunca vou entender essa mulher com essa historia de shipp, ai ai, ela fica toda hora dizendo que gente formaria um casal lindo e que ele gosta de mim e blá blá blá

.................quebra de tempo........

Eram 19:40 e eu tinha acabado de me aprontar, botei qualquer roupa e passei base e rímel, fiz questão de não me arrumar muito, ia ser rápido.
Esperei mais um tempo e já eram 19:55, então, comecei a caminhar até o lugar de encontro, era um parque grande, cheio de arvores e muito bonito.
Cheguei e Henrique já estava lá, não pude negar, ele estava muito bonito.
Claro que eu não disse isso a ele, mas ele estava bem chamativo, o que fazia varias meninas que estavam no mesmo parque não tirarem os olhos dele, o problema é que, eu estava me irritando com aquelas garotas olhando pra ele, por que? Não sei só sei que estava.

- Oi Flávia!

- Oi, diga logo o que você tem pra falar, não gosto muito de sair a noite - Disse antipática, pra ver se ele me deixava ir logo.

Ele deu um riso de leve e começou a falar.

~ Henrique narrando (flashback on)~
Era um belo dia de sol, e eu estava mais uma vez com os meus amigos, eu tinha acabado de completar 12 anos, eu sempre fui um dos mais velhos e um dos que as garotas mais gostavam, naquela época, isso era muito importante pra minha reputação, hoje em dia eu nem ligo.

Tinha uma garota naquela escola que todo mundo gostava, inclusive eu, ela era muito bonita, tinha cabelos louros e olhos cor azul turquesa.
Ela sempre ficava olhando pra mim, naquela época eu era muito ingenuo pra perceber malícias ou adultério, então pra mim aquele olhar dela era do tipo "amizade".

Mas tinha outra garota, que diferente dessa garota, era quieta, tímida, e considerada pela sociedade como fora do padrão, haviam vários boatos de que ela gostava de mim, e eu não tinha coragem pra falar com ela.

Certo dia, meus amigos tiveram a brilhante ideia de brincar de verdade ou consequência, eu no começo não queria brincar, mas como aquela garota loira, vulgo Ângela estava , eu não podia manchar a minha brilhante reputação.
Então chegou a vez de Ângela, e ela perguntava pra mim.
Nunca fui alguém que gostasse de revelar coisas, então, eu estava muito aflito.

-Verdade ou consequência?

Sem hesitar, simplesmente disse:

- Consequência!

Se eu disser pra você que essa foi a pior escolha da minha vida, então eu nao estou mentindo.
Ela me desafiou a bullyinar a primeira pessoa que passasse do nosso lado, na frente de todo o patio, que estava lotado.

Adivinha quem passou naquela hora? Exatamente, Flávia, a garota que mencionei anteriormente, eu não queria fazer isso, mas eu fui literalmente obrigado por meus amigos e pela merda do meu orgulho.

Então eu fui, chinguei ela de todos os jeitos possíveis, e eu juro, que naquela hora, eu me arrependi muito.
Mas não tinha mais volta

~ Henrique narrando ( flashback off)~
................













   


Notas Finais


E ai? Eu demorei um senhor de um tempo pra escrever esse capítulo então espero que tenham gostado 💕💤
Até a próxima 💫💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...